Criminoso que roubou nude da Jennifer Lawrence confessa

Jennifer Lawrence e Kate Upton foram apenas duas das muitas celebridades pirateadas pelo criminoso. Estima-se que o homem tenha acedido a 250 contas privadas, através de um método pouco convencional.

Um homem de Connecticut confessou-se culpado de invadir as contas do iCloud de algumas das estrelas mais proeminentes de Hollywood. O criminoso roubou informações pessoais, incluindo fotos e vídeos privados e extremamente embaraçosos para as vítimas.

Lê Também:
As 25 alcunhas chinesas das nossas celebridades

A notícia foi adiantada pelos promotores federais de North Branford. Segundo eles, o indivíduo em questão chama-se George Garofano e tem 26 anos. George confessou-se culpado esta quarta-feira de acesso não autorizado a um computador protegido para obter informações.

A acusação surgiu devido à investigação sobre o escândalo de 2014, onde as fotos privadas da Jennifer Lawrence, Kirsten Dunst, Kate Upton e outras entidades foram divulgadas ilicitamente.

A fonte ainda acrescenta que Garofano enviou e-mails às vítimas, que pareciam ser da Apple, para as incitar a divulgar os seus nomes de usuários e senhas. Foi assim que ele obteve as informações para aceder ilegalmente a quase 250 contas do iCloud.

TRAILER | CONHECE O ÚLTIMO FILME DA JENNIFER LAWRENCE

Garofano, que permanece livre com uma fiança de quarenta mil euros, pode apanhar até cinco anos de prisão, num julgamento com data por definir.

Luis Telles do Amaral

Escritor de O Diário da Pandemia, administrador do blogue Para Lá da Kapa e a licenciar-se em Microbiologia. Considero-me um devorador de livros nato e fã assíduo do grande ecrã.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *