São Estes Os Melhores Filmes de 2017!?

O ano caminha para um vertiginoso final. Está, portanto, na altura de fazer um balanço do Cinema que se viu. Estes são os Melhores Filmes de 2017 na opinião da heterogénea equipa da Magazine.HD.

1 de 10

10. WIND RIVER

Wind River - Melhores Filmes de 2017
Elizabeth Olsen em Wind River

 

Louvado seja o dia em que Taylor Sheridan teve a sua epifania e percebeu que, embora como ator fosse apenas mais um, como argumentista tinha o talento para se tornar um caso (cada vez mais) sério. Escreveu Sicario (2015) e Hell or High Water (2016), realizados por Denis Villeneuve e David Mackenzie, e tem agora em Wind River a sua estreia como realizador-autor. Wind River representa mais uma etapa na ascensão meteórica de Taylor Sheridan. Partilha várias das qualidades de Sicario e Hell or High Water, e oferece-nos um thriller que foge a algumas convenções, num retrato com várias camadas e que fica connosco no pós-filme. [MP]

1 de 10

Daniel E.S.Rodrigues

Sonho como se estivesse num filme de Wes Anderson, mas na verdade vivo no universo neurótico de Woody Allen. Sou obcecado pela temporada de prémios, e gostaria de ter seguido a carreira de cartomante para poder acertar em todas as previsões dos Óscares, Globos de Ouro (da SIC), Razzies, Troféus TV7 Dias e Corpo do Ano Men's Health. Mas, nesse universo neurótico e imperfeito em que me insiro, acabei por me tornar engenheiro. Sigam-me no Instagram para mais bitaites sobre Cinema, Música, Fotografia e outras coisas desinteressantes.

One thought on “São Estes Os Melhores Filmes de 2017!?

  • Ainda bem que o Dunkirk levou o primeiro prémio! Gostei muito do filme, do modo sóbrio, despretensioso (mas por isso tão mais eficaz) como narra a grandeza daqueles homens numa circunstância aparentemente nada heroica. A piedade por todos, pelo seu humano desejo de escapar à morte, à guerra, e voltar a casa (que os leva a ações pouco dignas, de cuja indignidade não perdem contudo a consciência). O sentido de gratidão e responsabilidade do almirante (magnificamente interpretado pelo Kenneth Branagh). A coragem do povo comum inglês que não podia não responder ao apelo de Churchill e lançar-se no resgate dos seus rapazes. O #1 é mais do que merecido e viva Nolan que nos presenteou com este pequeno filme sobre grandes homens numa mísera situação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *