Anime da Semana | Tokyo Godfathers

Tokyo Godfathers é um filme repleto de bom humor, drama, aventura e é uma boa escolha para ver nesta quadra natalícia.

Depois de vermos esta obra de Satoshi Kon, o nosso primeiro pensamento é “este não é outro típico filme de natal”. Em quase todos os seus filmes, Satoshi Kon demonstra um forte interesse em desenvolver personagens femininas extremamente complexas. O aspeto psicológico está sempre muito presente nas suas obras. Porém, Kon foge um pouco à regra com o seu filme Tokyo Godfathers.

Lê mais: Your Lie in April, em análise

tokyo godfathers

O enredo de Tokyo Godfathers é simples e as mensagens que procura transmitir são muito claras. Estamos em Tóquio, como o título indica, na véspera de Natal, quando três sem-abrigo encontram uma bebé abandonada. A descoberta surpreende-os e dois deles querem levar a criança à polícia. Porém, Hana, uma antiga drag queen, decide que devem ser eles próprios a encontrar a mãe da bebé e questioná-la acerca do abandono. Gin, um alcoólico, e Miyuki, uma adolescente que fugiu de casa, discordam desta decisão, mas acabam por ceder. Enquanto a investigação decorre, vamos descobrindo as razões que levaram cada um dos sem-abrigo a viver na rua, e os três terão de enfrentar os fantasmas dos seus passados.

Lê Também:   Disney+ vai exibir o novo anime do criador de Dragon Ball

Vê também: Os 10 principais géneros de animes

tokyo godfathers

A investigação tem como ponto de partida uma chave de um cacifo que encontram nas roupas da bebé. De seguida, tudo o que acontece pode considerar-se vários e sucessivos milagres de natal. Coincidência após coincidência, os três protagonistas vão conseguindo aproximar-se do seu objetivo. Há quem considere a quantidade de acasos e as intervenções do deus ex machina exagerada. Embora exista a probabilidade de uma história como esta ocorrer na vida real, não seria absolutamente impossível que as sucessões de eventos que vemos no filme acontecessem também.

tokyo godfathers

Consulta ainda: Como seria se certas celebridades fossem Pokemons?

Mas a verdade é que este pormenor pouco interessa quando nos concentramos no verdadeiro propósito do filme. Tokyo Godfathers é um filme sobre família, sobre perdão, amor, união, amizade e tudo o que simboliza a época natalícia. E a forma como Satoshi Kon nos apresenta esta mensagem é verdadeiramente genial. Primeiro apresenta-nos o trio de protagonistas. A dinâmica entre eles é hilariante. Eles discutem, insultam-se, mas não se sente qualquer hostilidade nestas atitudes. Sente-se familiaridade. Ao longo do filme, vemos como os três se apoiam e se preocupam mutuamente. Mesmo não o querendo admitir na maior parte das vezes.

Lê Também:   Disney+ vai exibir o novo anime do criador de Dragon Ball

tokyo godfathers

Lê mais: Outsider Films celebra o 30º aniversário do Studio Ghibli

Através destes protagonistas, Satoshi Kon mostra-nos a sua visão da humanidade. Apesar de todas as imperfeições e defeitos que cada um dos personagens tem, e dos erros que cometeram no passado, Gin, Hana e Miyuki são, no fundo, boas pessoas, com um bom coração.

Embora o filme transmita uma mensagem positiva e calorosa, Satoshi Kon não abdica de fazer algumas críticas à sociedade, embora muito breves. Como seria de esperar, a principal crítica gira em torno dos sem-abrigo e de como este grupo de pessoas é renegado pela sociedade.

Vê também: E se as princesas Disney fossem personagens anime?

Se não sabem o que ver neste Natal, a Magazine.HD recomenda-vos Tokyo Godfathers. Não só vos transmite uma belíssima mensagem sobre família e amor, mas é também um filme repleto de aventuras e desventuras, com imenso humor, que animará qualquer serão natalício.


tokyo godfathersTítulo Original: Tokyo Goddofazazu
Realizador: Satoshi Kon
Elenco: Tôru Emori, Yoshiaki Umegaki, Aya Okamoto
Madhouse | Aventura, Comédia, Drama | 2003 | 93 min

[starreviewmulti id=26 tpl=20 style=’oxygen_gif’ average_stars=’oxygen_gif’] 


Filipa Machado

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *