Chama-me Pelo Teu Nome

Chama-me Pelo Teu Nome com paisagens de Monet

Mika Labarague, jovem de 22 anos, começou a fazer montagens de frames do filme “Chama-me Pelo Teu Nome”, modificando-lhes o fundo para pinturas de Monet.

E se o filme “Chama-me Pelo Teu Nome” tivesse como background pinturas do Monet? É precisamente esta bela combinação que a página do Instagram “Call Me by Monet”, criada pelo jovem estudante Mika Labarague, nos dá a contemplar.

Esta página dedica-se a partilhar montagens com frames do filme, modificando-lhes o fundo para partes de obras do famoso pintor francês. A ideia surgiu certamente numa tentativa de fundir o mundo da arte, literatura e cinema numa só imagem, uma vez que a novela homónima em que o realizador se baseou também faz referência a locais da Itália, em parte imaginados, inspirados numa pintura de Monet, datada de 1884.

Lê Também:
Disney revela quais os filmes a estrear nos próximos anos

As próprias paisagens de “Chama-me Pelo Teu Nome”, associadas à frescura da água e da natureza e à simplicidade que se encontra nas personagens, criam um ambiente calmo e bonito – tal como as pinturas de Monet – que faz qualquer espectador sentir que deseja ser transportado para aquele local, que parece não existir na realidade, de tão calmo e simplista que é.

Esta página conta já com mais de 35 mil seguidores e as próprias legendas das imagens constituem uma mistura de excertos retirados do filme com os nomes das pinturas, como por exemplo “Seria bom para eles passarem uns dias sozinhos n’As Três Árvores, Outono”. “As Três Árvores, Outono” é uma pintura de Monet de 1891 e o início da frase é dito pela mãe de Elio, perto do final do filme.

Apesar de ter começado certamente por diversão, a qualidade dos trabalhos de Mika é irrefutável e vários fãs já pedem wallpapers, cópias para poderem comprar e emoldurar e alguns falam mesmo do uso destas imagens na sequela do filme.

IMAGEM | EXEMPLO DE UMA MONTAGEM DA PÁGINA CALL ME BY MONET

Chama-me Pelo Teu Nome

 

E tu, gostas desta combinação? Dá-nos a tua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *