Farpoint (PS4) | Análise

Farpoint tenta ser o primeiro grande jogo para a PSVR. Será que consegue?

A resposta não é direta, mas vamos por partes. Farpoint é um FPS que consegue tirar partido do conceito que é a realidade virtual. O ambiente é bastante bom, graficamente é o melhor jogo que já joguei para VR e tudo o que acontece durante as cerca de 7 horas de jogo são pensadas para a realidade virtual, principalmente na forma como o cenário interage connosco.

Sem os óculos de realidade virtual, Farpoint seria um jogo banal, mas com os óculos tudo muda. Em primeiro lugar temos o ambiente, bem conseguido, com momentos de grande intensidade e sem quebras. Em termos sonoros é um jogo capaz de criar um bom ambiente e transportar-nos para estes locais, principalmente se tiverem uns bons auscultadores, com o som a dar-nos uma melhor noção do que acontece à nossa volta.

O ponto em que percebemos que este jogo é claramente feito para o VR é quando ganhamos a noção que os inimigos nos atacam sempre pela frente, nunca existindo a necessidade de termos de nos virar demasiado, algo que poderia provocar tonturas ou enjoos aos que ainda estão menos habituados. Com tal facto, a progressão é rápida e o jogo nunca se torna monótono, pois a intensidade é sempre alta.

Lê Também:
Blackview A55, em análise

Lê também: Top Jogos | Os 100 melhores jogos de sempre

O aspeto mais positivo do jogo é a sua jogabilidade, principalmente se usarem o novo controlar da Playstation 4 que simula uma arma. Tudo parece intuitivo, os controlos respondem de forma perfeita e imediata, oferecendo a melhor experiência VR até hoje.

O enredo é básico e por vezes previsível e o jogo também sofre de pouca variedade de armas ou de alguns inimigos menos inteligentes, mas nada disso tira o prazer que é jogar este jogo. As batalhas de bosses são épicas e a intensidade está sempre alta, mesmo quando menos se espera. Pelo meio alguns bugs, mas pelo menos enquanto o joguei, nada de especial.

Farpoint não é um jogo fantástico, mas é claramente o melhor FPS para a PSVR. É o primeiro jogo que parece realmente um jogo do início ao fim, com bons conteúdos extras e um bom modo de co-op online que aumenta a longevidade do jogo. Se procuram um shooter VR, este é claramente a melhor opção.

Lê Também:
Horizon Forbidden West recebe trailer de história

Luís Pinto

HARDWARE USADO PELA MHD PARA TESTES DE JOGOS

PS4:

  • PlayStation 4 Glacier White
  • DualShock 4 White
  • Razer Leviathan Sound System

PC:

  • Headphones Razer Carcharias
  • Keyboard Razer Epic Chroma
  • Mouse Razer Naga Epic Chroma
  • Monitor Philips BDM3275UP

Mobile:

  • LAIQ Glow

Farpoint
Farpoint

Game title: Farpoint

Game description: Farpoint tenta ser o primeiro grande jogo para a PSVR. Será que consegue?

  • Enredo - 70
  • Jogabilidade - 92
  • Gráficos - 80
  • Som - 82
81

RESUMO

O MELHOR: Jogabilidade

O PIOR: Enredo previsível

EDITORA: SIE

PRODUTORA: Impulse Gear

PLATAFORMA: PlayStation 4

Sending
User Review
( votes)
Comments Rating ( reviews)

Luis Pinto

Developer de videjogos e inteligência artificial - Autor do canal Luís Pinto - Apaixonado por jogos desde o tempo do Spectrum!

Luis Pinto has 831 posts and counting. See all posts by Luis Pinto

Leave a Reply

Sending