Morreu a icónica Lauren Bacall aos 89 anos

 

Lauren Bacall, cuja aparência, característica voz rouca e presença única no ecrã a tornaram num ícone do cinema, morreu esta terça-feira. “Com profunda tristeza, mas com uma grande gratidão pela sua vida incrível, confirmamos o falecimento de Lauren Bacall”, afirmou o espólio da família Bogart através da conta oficial no Twitter. De acordo com o The Wrap, a atriz sofreu um poderoso derrame cerebral na sua casa.

Bacall foi uma das maiores lendas de sempre do cinema norte-americano, uma verdadeira estrela desde os 17 anos. Foi nos thrillers dos anos 40 que começou a revelar um temperamento que não deixava ninguém indiferente. Contudo, a sua carreira incluiu também filmes musicais e dramas. No seu percurso destacamos os clássicos “To Have and Have Not,” “Key Largo,” “How to Marry a Millionaire” e “Designing Woman”. Posteriormente conquistou a Broadway com o musical “Applause.”

A sua performance em ““The Mirror Has Two Faces” (1996) valeu-lhe um Golden Globe Award e uma nomeação para Oscar da Academia. Em 2009 foi selecionada pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas para receber um Academy Honorary Award, reconhecimento pelo seu papel central na era de Ouro do cinema”. Recentemente trabalhou com  Lars von Trier, Paul Schrader, e Jonathan Glazer.

Foi na adaptação cinematográfica de 1944 da obra de Ernest Hemingway (“To Have and Have Not”) que Bacall contracenou com Humphrey Bogart, com quem casou posteriormente. O casal foi um dos mais famosos de Hollywood e ficou junto até à morte de Bogart, em 1957. “Eu conhecia toda a gente porque era casada com Bogie”, contou à Vanity Fair em 2011. “A nossa diferença de idades de 25 anos foi a coisa mais fantástica que me aconteceu na vida”.

Bacall casou com Jason Robards em 1961 e divorciou-se em 1969. Bacall tinha três filhos: Leslie Howard Bogart, Stephen Humphrey Bogart and Sam Robards.

 

Catarina Porfírio

Licenciada em Ciências da Comunicação | Apaixonada por séries, devoradora de livros e de grande parte de cultura pop. Tem a escrita como terapia e um ódiozinho de estimação a quem dá calinadas no Português. De vez em quando pode ser encontrada no Twitter @Cuquinha89

Catarina Porfírio has 808 posts and counting. See all posts by Catarina Porfírio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *