O cast da série GIRLS em entrevista

Numa entrevista aos dois atores Jemima Kirke e Alex Karpovsk, da famosa série GIRLS, bem como à melhor amiga de Lena Dunham, Jenni Konner, ela também, produtora-executiva da série, cuja 3ª temporada estreia amanhã dia 13 fevereiro em exclusivo, no canal TVSéries HD, alguns factos interessantes vieram ao de cima.

 

Alex Karpovsky (Ray Ploshansky) Girls T3 HBO  

757457_Girls_MS_ep301__08_15_13_9005

P: Quanto de si há no Ray?
AK: O Ray é muito teimoso e cheio de convicções, mesmo se estas estão mal orientadas. Acho que eu e ele temos isso em comum. Ele também tende a encontrar o romance em locais que são, não só inesperados, mas também muito complicados. Com isto quero dizer locais que nem sempre são os mais fáceis ou os que oferecem mais garantias. Seja como for, Ray continua a procurar nesses locais, e eu também o faço.

P: Conhece a Lena há já uns anos. Como é trabalhar com ela agora? É fácil separar o trabalho da amizade?
AK: Há uma espécie de mistura dos dois aspetos. Somos amigos e eu sinto que trabalhar com ela é como que um fio do tecido da nossa amizade. Não sinto que as sejam duas coisas independentes e separadas.

 

Jenni Konner (executive producer) Girls T3 HBO

girls jennifer konner

P: O início desta temporada é muito negro…
JK: Algumas pessoas disseram-me que esta é uma temporada muito séria, outras, porém, disseram-me que é a mais divertida (…). As piadas são sempre negras.

P: Jemina tem um papel mais central do que é habitual.
JK: Ela lutou arduamente para ser atriz. É como o Steven Spielberg que insistia em dizer que era pintor. O quê? Não, és tão bom nisto – aprecia. Agora ela está finalmente a aceitar que é algo que adora e que consegue fazer.

 

Jemima Kirke (Jessa Johansson) Girls T3 HBO

757459_Girls_JM_ep303_4_23_13_3292

P: É verdade que Jessa, até certo ponto, se baseia em si?
JK: Sim, Lena e eu conhecemo-nos antes desta série. Ela não me contratou por eu ser tão boa atriz que sou capaz de interpretar um qualquer personagem que não tenha nada a ver comigo. Ela contratou-me porque há semelhanças entre mim e a personagem. E eu sou capaz de ser natural, o que não é a mesma coisa que representar. É uma parte mas não é tudo. Portanto ela só me pediu para ser natural.

P: A série afetou o seu relacionamento com a Lena?
JK: Sim, claro. Evoluiu de uma forma mais específica porque trabalhamos juntas. Escolhemos trabalhar com uma amiga, e isso é sempre algo complicado em qualquer profissão. Acho que temos muito mais respeito uma pela outra do que antes. Houve momentos de conflito que ultrapassámos. Com isso ficámos mais fortes, definitivamente

 

757457_Girls_MS_ep301__08_12_13_8314

FAZER-SE MULHER NA BIG APPLE ESTÁ MUITO LONGE DE SER POLITICAMENTE CORRETO

Vencedora de dois Globos de Ouro®, Girls é divertida, real, explícita… E promete continuar com o olhar cómico e descarado sobre as vidas de quatro amigas, na casa dos vintes, a viver em Nova Iorque.

ESTREIA NACIONAL EXCLUSIVA TVSÉRIES
GIRLS 3ª Temporada – 13 de fevereiro às 23:00

girls t3

Rui Ribeiro

Engenheiro, publisher, melómano e audiófilo, daqueles que ainda vão ao cinema, compram vinil, cd's, blu-rays, a Empire e a Stereophile em papel.