Persona 5 vai distanciar-se dos jogos anteriores da série

 

Em entreviste à revista Game Informer, Katsura Hashino, diretor de Persona 5, falou sobre o que esperar do novo jogo da série Persona e de como este se irá distanciar dos anteriores.

De acordo com Hashino, os protagonistas da história começam com um sentimento de que já não pertencem ao mundo em que vivem, e decidem procurar algo que os faça sentir parte da sociedade, esta é a primeira grande diferença entre Persona 5 e os anteriores. “Em vez de serem puxados para um acontecimento estranho, a equipa atira-se ela mesma para a batalha. Com as suas ações, eles chamam à atenção de um inimigo ainda maior… E é assim que começa a ação do jogo.”

Lê também: Playstation Experience traz novidades para a PS4 e Playstation VR

As dimensões alternativas neste jogo chamam-se Palace, e são mundos que existem no coração dos humanos. É nestes mundos que os cinco protagonistas irão tentar livrar o mundo das ações negativas. Para tal assumem os alter-egos mascarados ao entrar nestas dimensões alternativas.

“Ao contrário de Persona 3 ou Persona 4, o protagonista e a sua equipa não são arrastados para um grande caso que têm que resolver. A história começa com cada um deles à procura de um sentido de identidade, e a procurar reformular a sociedade à sua maneira. (…) É bastante diferente dos protagonistas dos jogos anteriores que não tinham outra escolha senão resolver os mistérios com os quais eram confrontados”, disse Hashino.

Lê também: Sony confirma emulação de Playstation 2 na PS4

Hashino falou ainda nos cinco protagonistas: o protagonista, Ryuji, Ann, Yusuke e Morgana. O protagonista, e mantém alguns traços dos protagonistas dos jogos anteriores, de forma a criar uma maior ligação entre o jogador e a personagem, no entanto Hashino promete que este será mais audaz que os anteriores. Ryuji conhece o protagonista no primeiro dia de aulas e depressa se tornam uma dupla inseparável graças ao segredo que partilham. Ann é a heroína do grupo, passou algum tempo fora do Japão o que a torna diferente das restantes personagens, mas que a leva a distanciar-se emocionalmente dos outros. Yusuke é excêntrico e pensa de forma diferente das restantes personagens. Por último, Morgana é uma personagem que serve de guia às restantes, tem conhecimento das outras dimensões, mas não conhece as suas origens. A Atlus não confirmou o género de Morgana.

Persona 5 chega no próximo verão ao Japão para a Playstation 4 e Playstation 3, não tendo ainda data de lançamento para a Europa.

 

Gualter Santos

Licenciado em Comunicação Social. Viciado em Netflix. Sempre com uma consola no bolso para aproveitar ao máximo o tempo perdido em transportes públicos. Fã de jogos de ação e aventura, aventurando-se ainda num ou outro survival horror, quando se sente particularmente corajoso...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *