Rogue One | 10 Cenas dos trailers que Não Estão no Filme

Rogue One: Uma História de Star Wars é uma das grandes produções de Hollywood da memória recente com mais sequências incluídas em material promocional do filme que, posteriormente, não chegaram a ser incluídas na versão final do mesmo.

Fruto de reshoots ou opções criativas divergentes, a verdade é que Rogue One encerra no seu material promocional muitas imagens, sequências e diálogos que, efetivamente, não chegaram ao produto final nos cinemas. Estás com dificuldade em recordar-te? Eis alguns exemplos que compilámos para ti.

 

— (ATENÇÃO: este artigo pode conter spoilers) —

 

1. Revelação de Jyn

Esta pequena sequência que quase parece arrancada do Episódio V não só apareceu no final do primeiro teaser trailer de Rogue One como foi também uma das primeiras imagens de produção a serem lançadas. No trailer aparece-nos como uma espécie “revelação dramática” de uma possível sugestão de transformação de Jyn sob um discurso entusiasmante de Saw Guerrera (que, a propósito, também não está no filme – mas lá iremos).

 

2. Jyn vs TIE Fighter

LÊ MAIS: O Vestuário de Rogue One: Uma História de Star Wars

No primeiro trailer oficial de Rogue One (e em vários momentos da promoção do filme), uma das sequências mais marcantes do elemento promocional vê Jyn Erso a caminhar sob a estreita ponte da base Imperial de Scarif quando é confrontada pelo aparecimento de um enorme TIE Fighter. De acordo com o que acontece no filme, faria pouco sentido esta cena ficar na versão em sala, uma vez que influenciaria drasticamente o final. Uma das teorias mais fortes sobre o porquê desta cena ter sido cortada (ou reimaginada) prende-se com os infames reshoots que, supostamente, vieram aligeirar o tom sombrio do filme.

3. Darth Vader na Estrela da Morte

Como seria de esperar os gloriosos segundos que Darth Vader protagoniza em Rogue One são, evidentemente e passamos a redundância, gloriosos, mas um dos seus grandes highlights nos trailers promocionais não chegou à versão final de sala: num fade-in de breves segundos, Lord Vader aparece enquadrado num cenário que faz lembrar a Estrela da Morte.

 

4. O discurso inspirado de Saw Gerrera

Os verdadeiros fãs de Star Wars rejubilaram quando o casting de Forest Whitaker como Saw Gerrera foi anunciado – aliás, a primeira vez que uma personagem deste universo faz a transição da animação para o live-action. No entanto, um dos aparentemente mais inspiradores momentos do personagem acabaram cortados da montagem final – em vários trailers Gerrera revisita um poderoso discurso sobre a natureza perversa da guerra:“What will you do when they catch you? What will you do if they break you? If you continue to fight, what will you become?”.  Quer por razões de quebra de ritmo ou de cortes de material “demasiado negro para o tom que se queria manter”, esta foi uma das faltas mais notadas (e lamentadas) na versão final de Rogue One.

Lê Também:
Star Wars: Ahsoka encontra a sua Sabine Wren

 

5. Jyn e Cassian fogem pela praia com os planos da Estrela da Morte

Este é, possivelmente, um dos planos que mais evidencia a natureza reformadora das refilmagens de que Rogue One foi alvo – no filme Jyn e Cassian conseguem os planos numa sala recôndita na base de Scarif tendo depois de os enviar, através da torre de comunicações. Nesta versão, Jyn e Cassian parecem fugir com os planos pela praia, quem sabe para os entregar em mão a algum responsável da frota Rebelde, cruzando-se, inclusive, com mortíferos AT-ATs pelo caminho.

 

6. Jyn e Cassian fogem pela base Imperial com os planos da Estrela da Morte

LÊ TAMBÉM: Prendas de Natal para os fãs de Star Wars

Enquanto é de facto verdade que Jyn e Cassian têm de escapar às garras do Império depois de finalmente conseguirem por as mãos nos planos da Estrela da Morte, a versão final em sala de Rogue One não tem nenhuma sequência semelhante a esta exibida nos trailers, onde a parelha foge pelos corredores amplos da base de Scarif. De notar que esta pode muito bem ser também um fruto das refilmagens profundas de que o filme foi alvo, uma vez que Jyn já carrega os planos na mão direita e encontra-se também acompanhada de K-2SO – que, por esta altura na versão final, já tinha sido eliminado enquanto defendia os dois rebeldes à porta do Arquivo dos planos.

 

7. Krennic na praia

Um dos momentos mais gloriosos do ponto de vista da fotografia e enquadramento do material promocional observa o Diretor Krennic a atravessar a praia depois da carnificina da Batalha de Scarif. Infelizmente, e ainda que a sequência seja absolutamente irrepreensível do ponto de vista visual e emocional, nunca chegou à montagem final.

Lê Também:
Star Wars: Ahsoka encontra a sua Sabine Wren

 

8. A rebelião de Jyn

Já deu para perceber que, se considerarmos particularmente o primeiro Teaser Trailer lançado em abril deste ano, estamos provavelmente a falar de um Rogue One muito diferente daquele que, efetivamente, temos agora em sala. Mais um desses exemplos é esta breve sequência onde Jyn atira uma seca punchline que marcou a campanha publicitária: “This is a rebellion isn’t it? I rebel!”. Na versão final do filme esta reunião existe, mas nunca chegamos a ouvir estas expressões da sua boca, o que provavelmente comprova apenas que a cena acabou por ser encurtada – quer pela perda de ritmo, quer por alguma tração negativa que a punch line possa ter recolhido entre os fãs.

 

 

9. Krennic vs Vader, round 2

16-rogue-one-deleted-scenes-003-nocrop-w529-h234-2x

LÊ AINDA: Star Wars | Ewan McGregor quer regressar como Obi-Wan Kenobi

Na montagem final de Rogue One vemos apenas um encontro entre o Diretor Krennic e o temível Darth Vader, mas a verdade é que os trailers poderão escondender, pelo menos, um segundo encontro. Além de o setting não aparentar ser o mesmo – no trailer parece mais o interior de uma nave como a Star Destroyer – Krennic nunca chegou a explicar a Vader de forma surpreendentemente agressiva que “the power we are dealing with here is immeasurable.”. É uma cena com uma dinâmica diferente, que parece passível de valer a Krennic mais um valente “apertão no pescoço”, mas mesmo assim memorável para a fabulosa construção da sua personagem.

 

10. K-2SO muda de discurso

Há várias porções de diálogo e exposição presentes nos materiais promocionais que, no final de contas, estão ausentes no produto final em sala – algumas mais relevantes que outras, bem como algumas tiradas potencialmente divertidas, no caso da estrela da companhia K-2SO. Além de, nos trailers, confrontar Jyn assegurando-lhe “The captain says you are a friend. I will not kill you”, há ainda uma passagem onde o droide se refere à probabilidade de 97.6% de a equipa rebelde falhar – enquanto é requente que o faça durante o filme, este valor nunca é referido.

 

Catarina Oliveira

Licenciada em Ciências da Comunicação e com formação complementar em Design Gráfico, além de editora e diretora criativa da MHD é também uma das sócias fundadoras da mais recente face da empresa. Colaboradora de Cinema na Vogue Portugal. Gestora de conteúdo na Lava Surf Culture e NOS Empresas - Criar uma Empresa. Autora do blog de Cinema Close-Up.

Catarina Oliveira has 1455 posts and counting. See all posts by Catarina Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *