iPhone

Apple acusada de reduzir desempenho dos iPhones

Um estudo comprovou que os iPhones 6s e 7 ficam mais lentos com novas atualizações. A Apple já se pronunciou sobre esta questão.

Ainda há poucos dias a Apple confessou reduzir a velocidade de processamento dos seus aparelhos iPhone mais antigos. Os consumidores repararam no pormenor e acharam que a empresa estaria a fazê-lo para incitar os clientes a adquirir os modelos mais recentes. Em declarações, a Apple diz que o fez para prolongar a vida útil dos aparelhos e diminuir o consumo de bateria. Mas houve quem não ficasse convencido. Assim, a Apple foi processada por dois grupos representantes dos estados da Califórnia e Chicado, alegando ter tido prejuízos com as ações da gigante de tecnologia.

A solução poderá estar em alterar completamente a bateria do equipamento quando se nota este erro. Sendo o iPhone — como maior parte dos smartphones disponíveis no mercado — um equipamento fechado, mudar a bateria não é algo simples, optando vários utilizadores por substituir o telefone. Poole afirma que a Apple ao reduzir a eficácia do processador propositadamente com o piorar das condições da bateria está “a convencer o utilizadores a trocar de equipamento, em vez de trocarem só a bateria”.

O problema foi encontrado graças a uma discussão de utilizadores do Reddit, que reportavam este erro no iPhone 6S. Segundo o utilizador que criou o tópico no fórum, a Apple torna o iPhone 6s mais lento com o degradar da bateria para “garantir que tem carga para um dia”. O utilizador TeckFire continua a dizer “isto significa que um telemóvel parece que fica lento por nenhuma razão aparente”.

Lê Também:
EISA | Os melhores equipamentos imagem e audio de 2017-2018

Dias depois de ter sido revelado que a Apple reduzia propositadamente a performance dos iPhones, dois norte-americanos decidiram processar a empresa por “interferências no uso” dos seus aparelhos. Stefan Bogdanovich e Dakota Speas, ambos proprietários de um iPhone 7 (que foi lançado há pouco mais de um ano), afirmam que “sofreram interferências no uso dos iPhones devido às reduções [de desempenho] intencionais”, alegando ainda terem sofrido “danos económicos e outros males pelos quais estão intitulados a ser compensados”.

A Apple anunciou que pretende lançar uma funcionalidade que vise resolver este problema.

Cátia Santos

Observadora, comunicadora, crítica, muito curiosa, apaixonada pela escrita criativa e informativa. Devoradora de livros e de música, com um especial gosto por tecnologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *