Comic Con Portugal 2015 | Painel de Once Upon a Time encanta a plateia

 

 

Joana Metrass e Sinqua Walls foram os atores presentes no painel de Once Upon a Time da segunda edição da Comic Con Portugal e não podiam ter deixado os fãs mais satisfeitos.  

Por volta das 14h da tarde de domingo, caminhávamos para o segundo painel no Auditório A deste terceiro e último dia da Comic Con Portugal 2015. As cadeiras iam sendo ocupadas lentamente por fãs da série Once Upon a Time, muitos deles vestidos a rigor, encarnando vários personagens da série como por exemplo a Dark Swan. Chegada a hora de dar início ao painel de uma série bastante popular em Portugal, tivemos a apresentação da moderadora Luísa Barbosa e por fim do ator Sinqua Walls e da portuguesa Joana Metrass, todos recebidos com um enorme aplauso.

Como seria de prever, eram imensos os fãs que desejavam colocar questões aos atores convidados da Comic Con Portugal, por isso a moderadora do painel decidiu avançar de imediato para este momento tão esperado pelo público. A primeira questão levantada estava relacionada com o midseason finale de Once Upon a Time, exibido ontem nos Estados Unidos. Não podendo adiantar muita informação, Joana Metrass, atriz que dá vida à personagem Guinevere, confessou que “Este episódio contem uma das minhas cenas preferidas”, enquanto Sinqua Walls, o ator que encarna o cavaleiro Lancelot, deixou os fãs com ainda mais curiosidade depois de afirmar que “Haverão muitas surpresas!”.

Lê também: Comic Con Portugal 2015 | Primeiro dia do evento

 

comic con portugal

 

A conversa entre os fãs e os atores foi fluindo e era notável a cumplicidade partilhada entre Joana Metrass e Sinqua Walls, havendo até a oportunidade para um pedido de casamento após uma jovem perguntar se é possível ter esperança em relação a um envolvimento amoroso entre Guinevere e Lancelot. O ator tomou também liberdade durante este painel para elogiar imenso a sua colega, afirmando o esforço e empenho constante de Metrass, uma atriz sempre pronta a dar o seu melhor e termina afirmando que os portugueses devem sentir-se orgulhosos por terem uma atriz como Joana a representar Portugal.

Lê ainda: Comic Con Portugal 2015 | Nathalie Emmanuel e Game of Thrones em destaque

Mas a curiosidade do público em relação ao futuro dos personagens não cessou. Joana Metrass admitiu que neste momento Guinevere está mais próxima de Artur, portanto ainda não existe espaço no seu coração para Lancelot, e não será possível para a personagem de Metrass perdoar o que o Rei Artur lhe fez. Conversando ainda sobre a sua personagem em Once Upon a Time, Joana Metrass revelou como apreciou pela positiva a mudança feita na relação de Guinevere e Lancelot pelos criadores da série, tendo em conta as várias versões dos personagens feitas anteriormente por filmes e séries. Para Metrass foi muito importante mostrar a história passada de Guinevere, Lancelot e Artur de forma a existir uma explicação lógica para as atitudes que estes tomaram. Deste modo Guinevere “não se limitou a trair o seu marido”.

 

comic con portugal

 

Lê também: Comic Con Portugal 2015 | George R. R. Martin uma possibilidade para futuras edições

A série Once Upon a Time gerou ainda várias questões da parte do público presente neste painel da Comic Con Portugal. Sinqua revelou que gostava de ver na série o personagem Aladdin, enquanto Joana admitiu que gostava de ver em Once Upon a Time a sua princesa Disney favorita, Jasmine, por esta ser a única princesa dos filmes Disney que não tinha como prioridade o casamento com um príncipe. Este foi um dos momentos onde Metrass mostrou ao público o seu lado feminista e a atriz chegou também a admitir a sua admiração pelo trabalho feito na série Once Upon a Time a este nível, nomeadamente na importância que dá às personagens femininas, colocando-as como líderes fortes e capazes. Este terá sido um dos motivos que fez de Joana uma fã de Once Upon a Time desde a primeira temporada.

Lê mais: Comic Con Portugal 2015 | John Noble em conferência

Se pudessem ser outro personagem de Once Upon a Time, tanto Joana como Sinqua revelaram o seu interesse por Rumpelstiltskin, embora Walls suspeitasse que a personagem Regina fosse a escolha da atriz portuguesa. Joana explica que gostava de interpretar tanto um papel como o outro pois ambos são bastante complexos e apresentam várias camadas. Para os atores a linha narrativa de Merida é a sua favorita na história de Once Upon a Time. Sinqua admira o trabalho feito pela sua colega Amy Manson, por trazer algo de único à personagem, enquanto Joana aprecia os locais usados como cenários para as filmagens das cenas onde Merida entra. Quando questionados sobre o seu figurino preferido na série a resposta de ambos foi imediata. Para Sinqua o seu guarda-roupa favorito é o do personagem Prince Charming, explicando como “as roupas dele são sempre as melhores!”. No caso de Joana, o seu figurino favorito é, sem dúvida, o da personagem Regina/Evil Queen.

 

comic con portugal

 

Lê também: Comic Con Portugal 2015 | Segundo dia de celebração da pop culture

Para Sinqua e Joana trabalhar com o elenco principal da série tem sido uma experiência incrível e revelaram o quão bem recebidos foram na família de Once Upon a Time. De todos os atores principais, o trio formado por Josh Dallas (Prince Charming), Colin O’Donoghue (Captain Hook) e Sean Maguire (Robin Hood) é sem dúvida o mais bem humorado, provocando momentos hilariantes nos bastidores das filmagens, e um desses momentos é relembrado por Joana.

As restantes perguntas focaram-se mais nos gostos e interesses dos atores. Sinqua confessa que o seu papel mais desafiante foi o de Lancelot, a cena mais difícil que gravou surge no filme Shark Night 3D e adorava fazer parte da série Shameless. Já no caso de Joana, a atriz portuguesa admite o seu desejo de fazer parte de House of Cards. Para Metrass, os papéis mais psicológicos são os que a entusiasmam mais, mas também adora interpretar papéis que transmitam alguma mensagem, outro motivo para a atriz gostar tanto de estar na série Once Upon a Time. Sinqua interessa-se mais em interpretar papéis mais humanos e mais reais, que possibilite ao público uma maior identificação e empatia. Ambos os atores adoravam contracenar com a atriz Meryl Streep, mas Joana acrescenta também a atriz Marion Cotillard.

Lê mais: Comic Con Portugal 2015 | Cameron Boyce e vozes portuguesas no painel de Os Descendentes

O último destaque deste painel vai para atriz portuguesa Joana Metrass. Encontrando-se no seu país natal, era expectável o interesse dos fãs em questionar a atriz sobre diversos assuntos e Joana respondeu a tudo com uma enorme simpatia. Metrass confessou que, embora tenha feito imensos trabalhos em Portugal, quando foi para o estrangeiro a sensação que teve foi “quase como começar do zero”. Respondendo a uma jovem que a questionava acerca dos conselhos que a atriz poderia dar a quem quisesse seguir a carreira de ator, Joana não evitou referir as dificuldades e obstáculos desse universo, admitindo ter recusado diversos papéis por não estarem de acordo com os seus valores, mas diz que não se deve ter medo de arriscar e seguir os nossos sonhos.

O painel de Once Upon a Time manteve sempre uma boa disposição e um excelente ambiente, contou com muita brincadeira e risos, e certamente nenhum dos fãs presentes terá ficado desiludido!

A Comic Con Portugal 2015 decorreu na Exponor, no Porto, durante os dias 4, 5 e 6 de dezembro 

 

 

Filipa Machado

Uma fã da 7ª Arte, adora ler e passar as suas folgas a fazer maratonas de séries e não pode viver sem um pouco de anime no seu dia a dia.

Filipa Machado has 862 posts and counting. See all posts by Filipa Machado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.