Nuno Markl recorre ao “crowdfunding” para financiar Por Ela – O Filme

 

“É uma comédia, é uma tragédia – é um bocado como a vida”. É assim que Nuno Markl descreve o seu primeiro filme como argumentista, “Por Ela – O Filme“, que poderá, ou não, ir para a frente. E porquê? Porque está tudo nas mãos da comunidade.

Sob o mote “seja produtor, faça acontecer!”, o argumentista lançou hoje uma campanha de recolha de fundos por via do crowdfunding, com o maior valor já pedido em Portugal no espaço de 45 dias. “Temos uma equipa de luxo decidida a dar o seu melhor para fazer um grande filme para todos vós”, garante Nuno Markl, que vai precisar de 100 mil euros para financiar este projeto.

Via Internet, qualquer pessoa pode tornar-se co-produtor do filme de Markl e ter acesso a contrapartidas correspondentes ao valor que for investido. As compensações estão descritas na página PPL.com.pt do filme “Por Ela”  (aqui) e  vão desde um agradecimento no genérico final do filme  (1€), até à obtenção do título de “Produtor Executivo” (para quem investir 5000€ ou mais).

A história do “mais improvável e original triângulo amoroso de sempre” contará com a presença do humorista César Mourão e do ator de teatro Tónan Quito, que disputam o amor da personagem de Ana Bacalhau, vocalista dos Deolinda.

“Por Ela” contará com a realização de Jorge Vaz Gomes e com os cantores Samuel Úria e João Só na banda sonora.

Vê o teaser trailer aqui:

Catarina Porfírio

Licenciada em Ciências da Comunicação | Apaixonada por séries, devoradora de livros e de grande parte de cultura pop. Tem a escrita como terapia e um ódiozinho de estimação a quem dá calinadas no Português. De vez em quando pode ser encontrada no Twitter @Cuquinha89