piores casais de séries

Os Piores Casais de Séries de TV

O amor está no ar, mas nem todos os casais emanam paixão e cumplicidade. A televisão está recheada de relações desnecessárias e de relacionamentos que se desgastaram ao longo do tempo. Na Magazine.HD achamos que para celebrar o amor também é importante mostrar exemplos que não funcionam, por isso apresentamos-te os piores casais de séries. 

10º Hawkgirl & Hawkman

piores casais de séries
Hawkman & Hawkgirl

Série:Legends of Tomorrow

E já que falamos em amor para a vida, a história de Hawkgirl e Hawkman é uma dessas. Mas será que isso faz dela uma boa história de amor? Não.

Quando o teu destino é encontrar a mesma pessoa, ano após ano, século após século e apaixonares-te por ela, algo não está bem. Imagem o que era terem o destino traçado e mesmo quando morrem, voltam a renascer e a apaixonar-se pela mesma pessoa? Tem tudo para dar errado. E no caso de Hawkgirl e Hawkman parece que deu mesmo para o torto.

Para os fãs de “Legends of Tomorrow” e da DC este casal tem tudo para dar errado. Nós percebemos porquê. Hawkgirl e Hawkman nem sequer gostam um do outro. Vocês viram a maneira como Hawkgirl olhou para o Cisco? Sim, isso era paixão. Mas neste caso, eles simplesmente sabem que vão ficar juntos por isso, para quê ser romântico, ou sensível, ou sentir qualquer tipo de coisa? Não vale a pena.

Nenhum deles assume os seus sentimentos e isso é ainda mais irritante do que os ver juntos. Afinal que casal pode funcionar quando só assumem o que sentem um pelo o outro mesmo antes de serem mortos pela Blackest Night?

Aqui entre nós, se há coisa que podemos aprender com estes dois é que por vezes o nosso destino não é o que queremos, o que precisamos e muito menos o que amamos.

Beatriz Monteiro



9º Vanessa & Nate

piores casais de séries
Nate & Vanessa

Série:Gossip Girl

Em “Gossip Girl” (quase) todas as personagens namoraram umas com as outras. Nate Archibald não foi exceção, desde colegas da escola a mulheres mais velhas. Também Vanessa não foi diferente: namorou com Dan, com o meio-irmão de Dan e até com Chuck.

Mas é a relação de Nate com Vanessa que chega ao nosso top. A dupla passou as primeiras três temporadas em namoro e separações, apesar das cenas entre eles serem bastante aborrecidas e com falta de paixão.

Nate e Vanessa tentaram ser o casal que exemplifica a expressão “os opostos atraem-se”. Contudo, ofuscados por tanto drama e obstáculos, eles apenas evidenciavam aquilo que tinham de pior.

A relação entre ambos, apenas servia para criar conflito nos restantes relacionamentos. O casal estava destinado a um desfecho negativo, que se tornou claro quando Nate deixou Vanessa para sair com uma duquesa britânica, que lhe iria dar dinheiro.

Catarina Fernandes



8º Dawson & Joey

piores casais de séries
Dawson & Joey

Série:Dawson’s Creek

Dawson podia ser a personagem que deu nome à série, mas era de longe o papel mais aborrecido e irritante de toda a produção. E a relação de Dawson com Joey foi ainda mais exasperante.

A personagem de Katy Holmes passou a maioria da sua adolescência com uma paixoneta por Dawson. Mas, o protagonista estava mais interessante em ser um playboy e a menosprezar Joey. Porém, quando o jovem se apercebeu do interesse da rapariga decidiram namorar.

O resultado foi terrível. Era óbvio que os argumentistas queriam que Dawson e Joey estivessem juntos, mas o casal não tinha química e pareciam que eram apenas duas pessoas que gostavam da ideia de estarem juntas do que realmente estar numa relação a sério. Além disso, a forma como Dawson tratava Joey deixava a desejar: leu o diário da namorada, desconsiderava a sua paixão pela arte e fez com que Joey recusasse uma viagem a Paris. Finalmente, Joey percebeu que Dawson não era a pessoa certa e ficou com Pacey.

A única coisa positiva que podemos retirar deste casal detestável de “Dawson’s Creek” é o icónico gif do protagonista a chorar.

Catarina Fernandes



7º Alison & Noah

piores casais de séries
Noah & Alison

Série:The Affair

Não existe nada na relação de Noah e Allison que nos mostre que esta poderá correr bem.

O começo da relação não é o melhor, e como seria de esperar, nada do que se segue melhora este contexto. A relação de Noah e Allison é verdadeiramente tóxica. Nenhum dos momentos que o casal partilha pode ser considerado genuinamente feliz, e muito menos estável. A vida desta dupla é na maior parte do tempo um turbilhão de emoções. Emoções essas que são por norma muito complexas e negativas. Parece que o melhor que Allison e Noah conseguem fazer é trazer à superfície o pior um do outro. E o mais estranho é que as personagens parecem ficar atraídos pelo lado mais sombrio do outro.

Eles são um verdadeiro quebra-cabeças. Por esse motivo é que, embora não sejam dos casais mais felizes nem mais funcionais do mundo das séries, nós acabamos por querer perceber e conhecer mais sobre eles. E claro, saber como tudo vai acabar.

Filipa Machado



6º Ryan & Marissa

piores casais de séries
Ryan & Marissa

Série:The O.C.

Quando Ryan e Marissa estavam numa fase boa, formavam um excelente casal. Contudo, as personalidades tão distintas de cada um tornavam a relação muito instável. Durante três temporadas, o casal terminou e reatou a relação várias vezes. E por mais que gostassem um do outro, havia sempre qualquer coisa que impedia que o relacionamento funcionasse.

Geralmente isso surgia diretamente da parte de Ryan e Marissa (especialmente de Marissa). A jovem tinha definitivamente questões para resolver. E acabou por ver em Ryan o herói que tanto procurava. O problema é que por mais que ele tentasse (e se tentou!), Ryan nunca iria conseguir salvar Marissa dos seus “demónios”.

Como consequência, em vez de viverem numa relação feliz, a relação de Ryan e Marissa era sempre acompanhada de muito drama e muita tragédia. Eventualmente, o final definitivo da relação não ficou aquém de todos os momentos melodramáticos que o casal viveu.

Mesmo que não sejam grandes fãs da dupla, é impossível esquecer a imagem de Ryan, com o corpo de Marissa nos braços, depois de a retirar de um carro em chamas.

Filipa Machado



5º House & Cuddy

piores casais de séries
House & Cuddy

Série:House

O médico e a chefe do hospital. Um pouco cliché, não? “House” é uma série que começou com enorme potencial, mas ao longo das temporadas foi-se perdendo em dramas pessoais e trocas no elenco. Chegou a um momento em que era já mais aborrecido do que interessante ver o médico a descobrir, de novo, uma doença muito rara a partir de uma afirmação que em nada se relacionava com o caso. Os seus assistentes, no início bastante interessantes e diferentes na sua individualidade, foram-se alterando e trazendo cada vez mais a sua vida pessoal para o foco e não o caso médico. No entanto, a personagem principal continuava interessante como nunca, a trazer um sorriso maléfico para as nossas caras através de comentários sarcásticos e da sua forma de ser pouco sentimental.

Mas isso mudou, a partir do momento em que House se tornou um casal com Cuddy, a chefe do hospital. Era interessante quando tudo isto se baseava apenas em comentários sedutores, brincadeiras, indiretas. Sentia-se química com a possibilidade de se manter platónico. Cuddy deixava-se levar, mas nunca perdendo o seu sentido de chefia, e House continuava a desafiar todas as regras. Quando, finalmente, ficaram juntos, toda essa magia parece ter desaparecido e ambos se transformaram em pessoas diferentes, carentes e sem grande química. Muita da atenção estava sobre os seus dramas de casal, e a série como a conhecíamos estava mudada, mantendo-se assim até ao final. Um bom exemplo de que nem tudo o que parece ficar bem junto, fica mesmo…

Ana Rodrigues



4º Ted & Robin

piores casais
Ted & Robin

Série:How I Met Your Mother

Ted e Robin foram feitos, mas não um para o outro.

Quem é que não vibrou durante anos com “How I Met Your Mother”? O entusiasmo por saber quem era a mãe dos filhos de Ted encheu fãs de curiosidade. Mas, poucos foram aqueles que apostaram na relação de Ted e Robin.

Aqui entre nós, todos torcíamos por Barney, a química estava lá. E, para além disso, Robin e Ted simplesmente não funcionavam.

Como amigos o amor que tinham um pelo outro era visível. Mas enquanto casal estavam destinados a falhar. Isto porque, todos sabemos que Ted gostava mais de Robin do que ela dele. E quando assim é, há sempre alguém que vai acabar por sair mal da relação.

Daquilo que vimos, ano após ano, é que esta relação não tinha como funcionar. Ted deixava de ser ele próprio, comportava-se como Barney para não afastar Robin. Eles eram muito diferentes, com gostos diferentes e desejos diferentes. Até o desejo de casar e de ter filhos era diferente para os dois. Ted estava mais que pronto para assentar enquanto Robin valorizava demais a sua vida como solteira.

Resultado? Uma bela amizade e uma péssima história de amor. E ainda bem que assim foi, ou então a série chamava-se “How I Didn’t Met Your Mother”.

Beatriz Monteiro



3º Penny & Leonard

piores casais de séries
Penny & Leonard

Série:The Big Bang Theory

Desde a primeira temporada que os espectadores estavam a torcer por ver Penny e Leonard juntos. Mas, agora que estão casados, será que valeu a pena a espera? A dupla pode ser a relação central da série da CBS, mas eles não são a mais perfeita e adorável.

No início, Penny parecia estar “fora da liga” de Leonard e o facto de o nerd conseguir casar com a vizinha loira gira parecia ser um sonho tornado realizado. Contudo, o relacionamento deles está cheio de obstáculos, tendo resultado em várias separações e reencontros.

As personagens são opostas, não têm nada em comum, nunca estão de acordo e a relação é aborrecida. E prova disso é o episódio “The Celebration Reverberation” que mostra que o casal não alcançou nada de importante nos últimos anos.

Penny e Leonard são o exemplo de que a concretização de um cliché – nerd consegue namorar com a rapariga bonita – nem sempre resulta numa história de amor interessante e entusiasmante.

Catarina Fernandes



2º Blaine & Karofsky

piores casais de séries
Blaine & Karofsky

Série:Glee

Este era o único casal que todos os fãs de “Glee” não estavam à espera. Seria impossível imaginar que Blaine namorasse com o rapaz que fez a vida do ex-noivo um pleno inferno durante o ensino secundário. Como se isso não fosse um pesadelo suficiente para os fãs da série de Ryan Murphy, o “casal” ainda esfregou o relacionamento na cara de Kurt.

É difícil explicar as razões que levam esta relação a ser uma das piores, porque este relacionamento nem devia existir. Dave Karofsky foi a razão que motivou Kurt a mudar de escola, uma vez que ele era alvo constante de bullying por parte do jogador de futebol. Mais tarde, foi revelado que Karofsky estava apaixonado por Kurt e assumiu a sua homossexualidade. Porém, o adolescente não foi bem-recebido e acabou por tentar suicidar-se, num dos melhores momentos de toda a série.

Karofsky tinha tudo para ter um papel fascinante, porém a série nunca permitiu isso. Em vez disso, os guionistas deram à personagem um namorado que ninguém estava à espera. Além de Blaine ter traído Kurt e de ambos terem terminado o noivado, o vocalista dos Warblers ainda foi namorar com o bully de Kurt.

Karofsky e Blaine é um dos casais que qualquer fã de “Glee” quer esquecer. O mais importante é que no final da série, tudo acabou bem.

Catarina Fernandes



1º Jaime & Cersei

piores casais de séries
Jaime & Cersei

Série:Game of Thrones

Poucas razões seriam necessárias para explicar o motivo deste casal ficar no topo da nossa lista, mas, ainda assim, vamos tentar.

Jaime e Cersei Lannister são, desde o primeiro episódio (literalmente) de “Game of Thrones”, o par causador de problemas em Westeros. Foi devido a assistir a uma cena amorosa entre os dois que o mais novo dos Stark, Bran, caiu da torre e ficou paralisado, começando toda uma guerra de poder entre as famílias (e também devido ao facto de Bran não seguir os conselhos da sua mãe e não subir torres), e que resultou em praticamente tudo o que vimos até hoje.

Não fosse, então, só o facto de serem ambos pertencentes a uma das famílias mais influentes dos sete reinos, e pretendentes do trono, são também irmãos. Sim, irmãos diretos, filhos de Tywin Lannister, e juntos apresentaram-nos a um de muitos temas controversos da série – o incesto, adequadamente representado segundo a época histórica. Não fosse este facto suficiente para considerarmos de mau gosto, Cersei e Jaime tiveram ainda três filhos, que criaram como se fossem filhos de outro pai, e a química entre os dois é inexistente, tendo protagonizado até momentos sexuais resultantes de violação (um deles por cima do caixão de um dos filhos).

“Game of Thrones” é uma série pesada para as audiências, mas as cenas entre este casal de irmãos ultrapassam os limites até de quem consegue assistir a um homem esquartejar outro sem pestanejar. Talvez seja por isso que, de cada vez que uma cena amorosa acontece entre os dois, transmite enjoos aos espectadores.

Ana Rodrigues

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *