PlayStation Experience 2017 | À conversa com Shawn Layden

Greg Miller esteve à conversa com o CEO da Sony Interactive Entertainment America, Shawn Layden, para fazer aquela pergunta manhosa que todos os fãs gostariam de fazer! Este foi mais um painel da PlayStation Experience!

Depois de duas horas a revelar novos títulos, Shawn Layden senta-se ao lado de Greg Miller para aquela entrevista sempre divertida e, apesar de ser quem é, Layden não foi poupado! A primeira grande pergunta de Miller foi sobre quando poderemos mudar os nossos nomes no PlayStation Network e parece que o CEO da SIE deu um ano de limite a si próprio! Conseguirá?

Os elfos do Polo Norte têm estado a trabalhar nisso. (…) É mais complexo do que pensamos. Mas vou-te dizer, esperamos não ter de voltar a esta pergunta no próximo PSX.”

shawn layden

A segunda pergunta é novamente uma armadilha mas Layden não se descuida. Miller questiona-o se o seu poder na PlayStation lhe permite finalmente desvendar as datas de lançamento para os fantásticos jogos que nos têm sido apresentados para um “futuro não muito distante”!

“Falámos sobre o ‘The Last Guardian’ à pouco. Não é bom avançarmos uma data que não é certa porque acabamos por mudá-la algo de que não gostamos nada. Deixamos as pessoas entusiasmadas e depois dizemos: ‘Desculpa, eu disse 25 de dezembro? Na realidade vai ser a 9 de julho’. Estamos a tentar que assim que tenhamos uma ideia concreta a revelemos mas a questão é, preferias que não mostrassemos o jogo até essa altura? Ou queres ver o jogo antes?

Pronto, apanhaste-nos Layben… Mostra lá as novidades, nós esperamos… E lembrando claro que mudar uma data de lançamento não é tarefa fácil, compreendemos. Muitos jogadores não vão querer esperar e terão de receber reembolsos, acabando o jogo por estás mergulhado numa névoa negra mesmo antes de ser experimentado. Contudo, Layben deixa o aviso!

“Os jogos que dissemos sairem em 2018 vão ser lançados em 2018. Se não acontecer terei se me transformar em Negan junto da minha equipa.”

Estará a Quantic Dream em apuros por ter revelado a primavera de 2018 como a janela de lançamento de “Detroid: Become Human”? “Não, eles estão bem… Primavera… Sabes quando é a Primavera na Austrália?”. Parece que estão safos Quantic! Mas nós queremos o jogo na nossa primavera, pode ser?

Lê Também:
PlayStation Experience 2017 | De "God of War" a "Death Stranding"

Passando agora um pouco para os visitantes do PSX que estão descontentes com as novidades, Layden tem apenas a dizer: “A porta é ali.” Na realidade ele refere que foi difícil manter as novidades todas para este evento quando a Paris Games Week aconteceu tão recentemente e seria difícil para a PlayStation ignorar os milhares de fãs europeus.

“Pensámos em transformar o PSX num evento diálogo onde podemos conhecer os developers por detrás dos jogos (…) para vocês conhecerem as pessoas que fazem os jogos que vocês tanto adoram. (…) Com a PSX temos esta grande oportunidade de ‘ok, vamos-nos aproximar da fogueira e contas as nossas histórias'”.

Layden refere ainda que não vê a necessidade de estar presente em eventos como a E3, essencialmente para revelar trailers, nos quais se limitaria a dizer o óbvio.

“A PlayStation Experience está a tentar ser um momento de conexão. Se forem ao andar de baixo podem ver excelentes gameplays mas também algumas coisas experimentais que vos deixarão a pensar, ‘isto é um evento de jogos ou um parque de diversões?’. Queremos levar-vos até à visão dos criadores e do porquê de fazerem o que fazem. Vão ver por lá muitos dos criadores e dos developers e é este tipo de evento que quero fazer.”

Para finalizar, Miller pergunta qual a visão de Shawn Layden para 2018, em relação à PlayStation, agora sob a sua asa. Parece que os fãs podem esperar mais singleplayers focados em boas narrativas, a galinha dos ovos de ouro. De igual modo, Layden pretende continuar a motivar a sua equipa na criação de novos jogos originais em vez de lhes dizer exatamente o que fazer. Ele afirma ainda que espera o continuado domínio da PlayStation e, em especial, do PlayStation VR.

Outros artigos PSX:

Parece que vamos ter um grande 2018!

Ângela Costa

Mestre em Cinema pela Universidade da Beira-Interior, sou apaixonada pelo cinema japonês e toda a cultura que o envolve. Adoro igualmente fotografia e se tiveres curiosidade passa no meu Instagram ;) Música e videojogos são dois outros grandes interesses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *