Firestarter © 2022 UNIVERSAL STUDIOS. All Rights Reserved.

Razzie Awards retiram nomeação e introduzem nova regra

Considerados os prémios dos piores, os Razzie Awards destacaram-se em 2023 e ainda só com os nomeados. Descobre o que aconteceu e as mudanças já feitas.

Todos os anos os nomeados aos Razzie Awards surgem nas vésperas dos cobiçados finalistas aos Óscares da Academia mas, se nalguns anos apenas levantam mais hype à volta de alguns títulos, nesta edição de 2023 levantaram uma outra questão: até onde é que ideia dos Razzie Awards podem ir e com que consequências para a carreira e saúde mental de algum nomeado(a)?

Lê Também:   Razzie Awards | Os nomeados para piores de 2023

Da lista de nomeados aos Razzie Awards 2023 figuram nomes bastante conhecidos do público, como Tom Hanks, Jared Leto ou Bryce Dallas Howard mas também uma jovem atriz ainda em início de carreira: Ryan Kiera Armstrong. Com apenas 12 anos, a atriz tornou-se a protagonista de “Firestarter” e foi nomeada na categoria de Pior Atriz Principal, para entretanto ser motivo de conversa pela internet e ver a sua nomeação retirada e com um pedido de desculpa público.

Depois de várias críticas online, de internautas e até colegas de profissão, como o jovem Julian Hilliard (“WandaVision”), sobre como uma nomeação destas poderia ter impacto na carreira e saúde mental da atriz, John Wilson, fundador dos Razzies, pediu desculpa e confirmou que o nome de Ryan Kiera Armstrong seria retirado de todos os boletins de voto. No comunicado Wilson referiu ainda que por vezes faz-se coisas sem pensar e que esta foi uma delas mas que entende a crítica e percebe em que ponto errou. A nota inclui ainda um pedido de desculpa público à jovem atriz, indicando que não pretendia que ela fosse alvo de qualquer ataque ou situação de bullying, assim como uma decisão com base neste incidente: de agora em diante não serão incluídos nunca nos nomeados atores e atrizes com menos de 18 anos.

Lê Também:   Awards Season 2022/2023 | Calendário da temporada de prémios até aos Óscares

Curiosamente, na mesma página onde os Golden Raspberry (Razzie) Awards anunciam os seus nomeados, é possível ver no seguimento dos mesmos uma notícia que demonstra outro ‘arrependimento’. A organização anuncia que o Razzie atribuído a Bruce Willis em 2021 foi retirado – segundo comunicado, o motivo deve-se ao recente diagnóstico de doença do ator, algo que, segundo eles, existindo não é justo que se atribua o Razzie; recorde-se que à altura da data de atribuição do prémio não se sabia o estado de saúde de Willis. Ao mesmo tempo, numa entrevista com a Vulture, também retificaram a nomeação de Shelley Duvall ao Razzie, por “The Shining”, por se ter descoberto que a sua atuação foi altamente influenciada pelo tratamento de Stanley Kubrick durante a produção do filme.

Com o mote “Own Your Bad”, os Razzie Awards congratulam-se por saberem admitir os erros e que por essa mesma razão têm incluído o prémio Redeemer Award (Prémio de Redenção), mas nunca antes na sua história haviam recebido tantos comentários negativos por uma nomeação.

Conhecias os Razzie Awards? Qual a tua opinião sobre eles?



Também do teu Interesse:


About The Author


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *