Vê Sharon Van Etten a arrasar no Jimmy Kimmel

Hoje o dia foi de Sharon Van Etten, com o seu fantástico Remind Me Tomorrow. Mas a festa começou já ontem com uma performance electrizante de “Seventeen”.

O álbum há já muito esperado ficou hoje disponível. Remind Me Tomorrow, de Sharon Van Etten,  põe fim ao interregno de cinco anos desde Are We There, de 2014. Deste mais recente já conhecíamos “Comeback Kid”, “Jupiter 4” e “Seventeen”. O álbum é distribuído via Jagjaguwar.

Foi precisamente com “Seventeen”, lançada há pouco mais de uma semana, que Van Etten passou ontem pelo programa americano Jimmy Kimmel Live!. O público teve ainda direito à estreia de “You Shadow”, numa actuação  ao vivo que, mais do que promover o álbum, impulsionou os seus concertos, porque, sejamos honestos, quem não quereria participar de um momento assim?

Lê Também:
Sharon Van Etten, Remind Me Tomorrow | em análise

Sharon Van Etten canta e deixa tudo em palco nesta sua interpretação de “Seventeen”, a melhor faixa do disco, na nossa opinião. Sharon apresenta-se acompanhada da sua banda e empunhando apenas o que mais tarde se percebe ser um par de maracas, o seu modesto contributo para a parte instrumental da performance. A música vai evoluindo, e Sharon vai transmitindo emoções ao público num crescente analógico à canção que desempenha, fazendo um uso inteligente e experiente da sua voz grave e consistente.

Ao aproximar-se do clímax, o crescendo dá lugar a um momento (curto) de repouso, fazendo um contraste acentuado com o forte subito que vem logo a seguir, com o salto de oitava – o verdadeiro apogeu da canção. Tal como na gravação de estúdio, neste momento Van Etten desliga por completo de toda a técnica vocal que possa ter – mas isto agora é rock, por isso, who cares? – e, sem temor ou inibição, entrega-se vibrante àquilo que canta.

SHARON VAN ETTEN | “SEVENTEEN” NO JIMMY KIMMEL

Segue-se “You Shadow”, numa segunda actuação já não tão intensa, até porque o público não conhecia a música, o que teve certamente o seu peso. Após uma parte introdutória de orgão, Van Etten entra conjuntamente com os outros instrumentos. A composição vive acima de tudo da repetição do refrão, que instantaneamente se instala nos cantos mais inacessíveis da nossa mente. Nele a presença do orgão é constante. Após alguns motivos cíclicos, a performance termina da mesma forma que o refrão se fixara a nós, para ser seguida de palmas efusivas dos fãs.

SHARON VAN ETTEN | “YOU SHADOW” NO JIMMY KIMMEL

Com Remind Me Tomorrow, assistimos ao lançamento de um dos primeiros grandes álbuns de 2019. Não faltará a oportunidade de assistir em primeira pessoa a uma performance desta qualidade, já que Sharon Van Etten passa por Portugal dia 11 de julho, onde actuará no Palco Sagres do NOS Alive (Passeio Marítimo de Algés), juntando-se a artistas como Jorja Smith, Bon Iver e The Cure.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *