The Last of Us com números de telefone para agências de sexo

 

O site Kotaku detetou que o jogo “The Last of Us” da Naughty Dog apresenta dois números para contactar agências de sexo por telefone. O site noticioso foi alertado por um jogador que lhes enviou a imagem do panfleto que contém os números. O autor do artigo usou os números e confirmou a existência das duas agências.

A produtora norte-americana assumiu o erro e afirmou que tenciona remover os contactos numa futura atualização.

“Foi um erro de um artista”, disse Neil Druckmann, diretor criativo de “The Last of Us”. Segundo Druckmann, o que aconteceu foi que se colocaram alguns números de telefone no jogo com a convicção que bastaria mudar o código de área para 555 para ser inválido, dado que é o este o procedimento habitual nos filmes. “Mas acho que não funciona quando temos um 1-800 em frente dele”, concluiu aquele representante.

“Estamos a trabalhar para retirá-lo”, disse o executivo da Naughty Dog. “Foi apenas um erro honesto.”

the-last-of-us-imagem1

Pedro Dias Marques

Pedro é um fã do mundo dos videojogos desde que aos seis anos recebeu uma consola da Nintendo no Natal. O tempo foi passando e essa paixão pelo mundo virtual foi sendo reforçada pela evolução dos jogos. Adora um bom jogo de ação e um RPG com uma história memorável.