Vencedores dos Sophia 2015 (em atualização)

 

Foram esta noite revelados os vencedores dos Prémios Sophia 2015, entregues pela Academia Portuguesa de Cinema. A cerimónia, que foi também marcada pelo sentido tributo a Manoel Oliveira na sequência do seu falecimento esta manhã, distinguiu ainda a atriz Eunice Muñoz e o encenador Luís Miguel Cintra.

 

LISTA DE VENCEDORES

 

MELHOR FILME

Os Gatos não têm Vertigens – MGN Filmes

 

MELHOR REALIZADOR

António-Pedro Vasconcelos, por Os Gatos não têm Vertigens

 

MELHOR ATRIZ

Maria do Céu Guerra, por Os Gatos não têm Vertigens

 

MELHOR ATOR

João Jesus, por Os Gatos não têm Vertigens

 

MELHOR ATOR SECUNDÁRIO

João Perry, em Os Maias

 

MELHOR ATRIZ SECUNDÁRIA

Maria João Pinho, em Os Maias

 

MELHOR DOCUMENTÁRIO (LONGA-METRAGEM)

E Agora? Lembra-me, de Joaquim Pinto

Lê Também:
Óscares 2022 | Os filmes portugueses na corrida

 

MELHOR ARGUMENTO ORIGINAL

Tiago Santos, por Os Gatos não têm Vertigens

 

MELHOR DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA

João Ribeiro, por Os Maias

 

MELHOR MONTAGEM

Pedro Ribeiro, por Os Gatos não têm Vertigens

 

MELHOR DIREÇÃO ARTÍSTICA

Silvia Grabowski, por Os Maias

 

MELHOR CARACTERIZAÇÃO | EFEITOS ESPECIAIS

Sano de Perpessac, por Os Maias

 

MELHOR GUARDA-ROUPA

Tânia Franco, por Os Maias

 

MELHOR MAQUILHAGEM E CABELOS

Sano de Perpessac, por Os Maias

 

MELHOR BANDA SONORA ORIGINAL

Luís Cília, POR Os Gatos não têm Vertigens

 

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL

“Clandestinos do Amor” de Ana Moura – Os Gatos não têm Vertigens

 

MELHOR SOM

Vasco Pedroso, Branko Neskov e Elsa Ferreira, por Os Gatos não têm Vertigens

 

MELHOR CURTA-METRAGEM DE FICÇÃO

Lê Também:
Óscares 2022 | Os filmes portugueses na corrida

Encontradouro, de Afonso Pimentel

 

MELHOR CURTA-METRAGEM DE DOCUMENTÁRIO

O Meu Outro País, de Solveig Nordlund

 

MELHOR CURTA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO

Fuligem, de David Doutel e Vasco Sá

*** *** ***

Numa tentativa de aproximar os prémios da maioria das cerimónias das outras academias, a Academia Portuguesa adiantou vários meses o evento, sendo que a última edição tinha sido levada a cabo há menos de seis meses (outubro de 2014).

Catarina Oliveira

Licenciada em Ciências da Comunicação e com formação complementar em Design Gráfico, além de editora e diretora criativa da MHD é também uma das sócias fundadoras da mais recente face da empresa. Colaboradora de Cinema na Vogue Portugal. Gestora de conteúdo na Lava Surf Culture e NOS Empresas - Criar uma Empresa. Autora do blog de Cinema Close-Up.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *