Adam Wallacavage

Watch My Moves é a mais recente promessa de Kurt Vile

Vai haver um novo disco de Kurt Vile já para o próximo mês, Watch My Moves. “Like Exploding Stones” e “Hey Like A Child” dão-nos um cheirinho inicial.

No início do mês, Kurt Vile revelou que lançaria o seu próximo álbum já no dia 15 de Abril. Watch My Moves será o primeiro novo LP do artista nos últimos quatro anos e contará com convidados como James Stewart, Chastity Belt, Cate Le Bon e Stella Mozgawa. Até hoje, tínhamos ouvido o single principal “Like Exploding Stones”, cujo vídeo conta com James Stewart. Agora, Vile compartilhou também, “Hey Like A Child”.

Lê Também:
“Pensacola” é o novo single dos Oso Oso

O novo álbum de Kurt Vile é o primeiro a ser lançado via Verve Records e foi gravado principalmente no seu estúdio caseiro, OKV Central. “Quando Waylon Jennings se tornou um artista country independente, gostava de gravar em Hillbilly Central, o estúdio de Tompall Glaser”, explicou Vile num comunicado. “OKV Central é a minha versão disso em Mount Airy. Encontrei-me aqui e, ao mesmo tempo, estou a regressar às minhas raízes de gravação em casa.”.

Para todos os que já são ouvintes experienciados no ritmo lânguido das composições de Vile, guiadas por um autêntico stream of conscience, os novos temas do artista não surgem como novidades imensas. Em “Exploding Stones” chega-nos um retrato íntimo da experiência de ansiedade que assombrou Vile, voltando-nos a revelar a sua mente como um local onde reina a confusão e um certo perpetuar de dúvidas. Apesar da descrição pictórica e aparentemente terrível do estado psíquico, “Pain ricocheting in my brain like exploding stones”, a melodia errante e o caráter desembaraçado do artista brindam-nos com uma dose de serenidade e otimismo estabilizadoras, “I’m just kiddin’ and I’m just playin’/And this is just the way that I’m makin’ a livin’/Every day in my mind and in real life too/Goin’ woo.”

Lê Também:
Tomberlin vai lançar I Don't Know Who Needs to Hear This

“Hey Like A Child” volta a trazer-nos a guitarra elétrica vibrante e os “wooss” descontraídos do artista, deixando-nos a aguardar o que mais possa estar para vir. Numa conversa com a NME sobre o novo registo, Vile afirmou: “Acho que meu último disco [Bottle It In de 2018] foi bem épico, neste eu tive ainda mais tempo. Tenho a energia de uma nova gravadora e não me sinto com tanta pressa. Gravei músicas mais do que suficientes e depois coloquei todas as melhores neste álbum, o que é perfeito.”

KURT VILE | “LIKE EXPLODING STONES”

KURT VILE | “HEY LIKE A CHILD”

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.