Woodkid junta-se a Lykke Li em faixa inédita para a banda sonora de Insurgent

Woodkid e Lykke Li reúnem-se para trabalharem numa faixa conjunta e completamente nova, que será incluída na banda sonora original de “Insurgent”, que estreia nos cinemas nacionais a 19 de março.

Depois de M83 com as irmãs HAIM (pode ouvir no final do artigo), chega-nos mais uma canção para a bem apetrechada banda sonora de “Insurgente”.  “Never Let You Down” junta os incríveis Woodkid e Lykke Li, autores de dois dos álbuns mais interessantes dos últimos anos: The Golden Age e I Never Learn, respetivamente.


 

Este é alinhamento completo da banda sonora:

01 M83: “Holes in the Sky” [ft. Haim]
02 Royal Blood: “Blood Hands”
03 Woodkid: “Never Let You Down” [ft. Lykke Li]
04 Anna Calvi: “The Heart of You”
05 Zella Day: “Sacrifice”
06 SOHN: “Carry Me Home”
07 Imagine Dragons: “Warriors”
08 Joseph Trapanese: “Convergence Score from Insurgent”


 

 

Realizado por Robert Schwentke, o filme é protagonizado por Shailene Woodley, Theo James, Kate Winslet, Octavia Spencer, Suki Waterhouse, Jonny Weston, Naomi Watts, Rosa Salazar e Keiynan Lonsdale.

Na continuação de “Divergente“, os riscos para Tris aumentam quando ela sai à procura de aliados e respostas nas ruínas de uma Chicago futurista. Tris (Shailene Woodley) e Quatro (Theo James) são agora fugitivos, procurados por Jeanine (Kate Winslet), a líder da elite dos Eruditos, faminta de poder. Assombrada pelas escolhas do passado, mas desesperada por proteger quem ama, Tris, com Quatro ao seu lado, encara um desafio impossível atrás de outro, ao desvendar a verdade sobre o passado e também o futuro do seu mundo

Daniel E.S.Rodrigues

Sonho como se estivesse num filme de Wes Anderson, mas na verdade vivo no universo neurótico de Woody Allen. Sou obcecado pela temporada de prémios, e gostaria de ter seguido a carreira de cartomante para poder acertar em todas as previsões dos Óscares, Globos de Ouro (da SIC), Razzies, Troféus TV7 Dias e Corpo do Ano Men's Health. Mas, nesse universo neurótico e imperfeito em que me insiro, acabei por me tornar engenheiro. Sigam-me no Instagram para mais bitaites sobre Cinema, Música, Fotografia e outras coisas desinteressantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *