Arctic Monkeys

Arctic Monkeys são cabeças de cartaz no NOS Alive

A banda de Alex Turner anunciou hoje uma série de concertos em festivais para 2018. Nessas datas está incluído o festival português, dia 12 de julho.

Os Arctic Monkeys vão voltar ao palco que os viu pela última vez em Portugal: o palco NOS do Alive. Nesta digressão com datas marcadas para festivais, o festival português garante a presença da banda que deverá lançar novo trabalho ainda este ano. A banda foi ontem confirmada no Primavera Sound de Barcelona, o que significa que este é um dos nomes fortes que não irá marcar presença no festival-irmão do Porto, o NOS Primavera Sound.

Os Arctic Monkeys juntam-se a Snow Patrol, Nine Inch Nails, Sampha e Wolf Alice, entre outros, no primeiro dia do NOS Alive.

Formada em High Green, Sheffield, em 2002, a banda lançou cinco álbuns até à data, tendo o mais recente, “AM”, sido editado em 2013. O primeiro longa-duração do grupo “Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not”, editado em 2006, tornou-se o álbum de estreia mais vendido no ranking britânico na data do seu lançamento.

O lançamento dos subsequentes discos de originais, “Favourite Worst Nightmare” (2007), “Humbug” (2009), “Suck It and See” (2011) e “AM” (2013), consolidaram a sua posição como uma das bandas britânicas mais bem-sucedidas de sempre. O sucesso do grupo foi reconhecido pela indústria e a banda de Turner foi a única a levar para casa seis Brit Awards, contabilizando três prémios na categoria “Melhor Grupo Britânico” e outros três como “Melhor Álbum Britânico”. Até à data já arrecadaram sete destes prémios, das nove nomeações conquistadas. Os AM conquistaram um Ivor Novello, um Mercury Prize, 20 prémios NME, cinco prémios Q e três nomeações nos Grammy.

O quinto álbum de estúdio, “AM”, estreou em número um em 10 países e atingiu o TOP 10 de outros 27. Com este último trabalho, lançado em 2013, os Arctic Monkeys fizeram história como a primeira banda independente com cinco discos consecutivamente em primeiro lugar nas tabelas britânicas. Até ao momento músicas da banda já foram ouvidas por mais de seis bilhões de pessoas, contabilizando-se 5,5 milhões de streamings ouvidos todos os dias.

Depois da incrível edição de 2017, que esgotou a três meses da abertura de portas, o NOS Alive volta a fazer história e a esgotar os passes de três dias e os bilhetes diários para dia 14 de julho a sete meses do evento, feito único na história dos festivais em Portugal.

Eis o cartaz confirmado até ao momento:

12 de julho
Palco NOS
Arctic Monkeys
Snow Patrol
Nine Inch Nails

Palco Sagres
Wolf Alice
Khalid
Friendly Fires
Sampha

13 de julho
Palco NOS
Queens of the Stone Age
The National
Two Door Cinema Club
The Kooks

Palco Sagres
Future Islands
Portugal. The Man
Rag ‘N’ Bone Man
Chvrches
Marmozets
Yo La Tengo
Eels

14 de julho
Palco NOS
Pearl Jam
Jack White
Franz Ferdinand
MGMT
Alice In Chains

Palco Sagres
At the Drive-In
Real Estate
Perfume Genius
Mallu Magalhães

Daniel E.S.Rodrigues

Sonho como se estivesse num filme de Wes Anderson, mas na verdade vivo no universo neurótico de Woody Allen. Sou obcecado pela temporada de prémios, e gostaria de ter seguido a carreira de cartomante para poder acertar em todas as previsões dos Óscares, Globos de Ouro (da SIC), Razzies, Troféus TV7 Dias e Corpo do Ano Men's Health. Mas, nesse universo neurótico e imperfeito em que me insiro, acabei por me tornar engenheiro. Sigam-me no Instagram para mais bitaites sobre Cinema, Música, Fotografia e outras coisas desinteressantes.

Daniel E.S.Rodrigues has 585 posts and counting. See all posts by Daniel E.S.Rodrigues

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.