Depois de Leonardo DiCaprio, é hora de uma previsão aos Óscares 2017

Agora que a cobertura da cerimónia de 28 de fevereiro acalmou está na altura de fazer uma análise muito, muito antecipada aos possíveis candidatos aos Óscares do próximo ano.


<< PARTE 3  |  PARTE 5 >>


À primeira vista parece cedo demais para uma previsão, mas a verdade é que os indicados às estatuetas não são difíceis de identificar. As produções tem elementos comuns: tópicos socialmente relevantes, atores com várias nomeações, realizadores conhecidos e, claro, um estúdio mundialmente reconhecido. É claro que há exceções, mas as surpresas são poucas. Por exemplo, já era previsível que “Spotlight“, “A Rapariga Dinamarquesa” e “The Revenant: O Renascido” seriam indicados aos Óscares mesmo antes destes estrearem.

Embora a maioria dos candidatos estrearem apenas no final do ano, depois de serem apresentados em Cannes, Veneza, Toronto, Berlim e Nova Iorque, o festival de Sundance e o buzz que rodeia algumas produções servem de indicadores para os potenciais concorrentes.

Lê também: Pósters honestos das grandes produções dos Óscares

 

óscares

MILAGRE NO RIO HUDSON

Depois de ter arrecadado seis nomeações com “American Sniper“, Clint Eastwood volta à realização com “Milagre no Rio Hudson“. O filme conta a história de Chesley Sullenberger, o piloto de aviação, que, em 2009, se tornou num herói nacional por ter aterrado, de emergência, um avião comercial no rio Hudson, em segurança.

Protagonizado por Tom Hanks, a longa-metragem pode muito bem estar na corrida principalmente se a produção for tão empolgante como foi na vida real. Estreia a 8 de setembro. Vê o trailer.

 

óscares

ALLIED

Os filmes históricos não acabam por aqui. “Allied” decorre durante a Segunda Guerra Mundial e conta a história de Max Vatan, um espião americano encarregue de assassinar um oficial nazi em Casablanca, quando se apaixona por uma revolucionária francesa, Marianne Beausejour. À medida que o romance se desenvolve, Vatan começa a suspeitar que ela possa estar do lado dos alemães.

Realizado por Robert Zemeckis (“Forrest Gump” e “Regresso ao Futuro“) e com argumento de Steven Knight, o filme é protagonizado por Brad Pitt e Marion Cotillard. A longa-metragem tem estreia prevista para 1 de dezembro. Vê o trailer.

 

Consulta ainda: Óscares 2016 | Duas das canções nomeadas excluídas da cerimónia

óscares

PASSENGERS

A par de “La La Land”, “Passengers” também é um dos filmes mais aguardados do ano, não pelo seu enredo, mas pela dupla de protagonistas. A longa-metragem junta dois dos atores hit de Hollywood: Jennifer Lawrence e Chris Pratt.

Realizado por Morten Tyldum (“O Jogo da Imitação“), 0 drama romântico de ficção científica acompanha uma nave espacial que transporta milhares de pessoas para uma colónia distante. Porém, quando ocorre um problema numa das câmaras de sono, um dos passageiros, interpretado por Pratt, é acordado enquanto todos os outros ainda têm 90 anos de sono durante a viagem. Recusando-se a morrer sozinho, ele acorda uma passageira, interpretada por Lawrence. A partir daí, os dois começam a viver um romance. Estreia a 21 de dezembro.

 

óscares

JACKIE

O assassinato de John F. Kennedy é um período marcante da história norte-americana. E o realizador Pablo Larraín (“No” e “Tony Manero“) irá apresentar este marco do ponto de vista da primeira dama. Protagonizado por Natalie Portman, a longa-metragem acompanha os primeiros quatro dias na vida de Jacqueline Kennedy após o assassinado do marido, em 1963. A premissa do filme é muito forte, capturando o drama da primeira dama que tenta lidar com a morte de Kennedy e a equipa de Lyndon Johnson ansiosa para obter a liderança e se mudar para a Casa Branca o mais rápido possível.

Peter Sarsgaard, John Hurt, Bet Grant, Greta Gerwig e Max Casella completam o elenco. “Jackie” deve chegar aos cinemas apenas em 2017.

 

Vê também: Os Óscares 2016 em números

óscares

THE PROMISE

Por último, destacamos a produção protagonizado por Christian Bale e Oscar Isaac que foi filmada em Portugal, “The Promise“. O filme decorre durante os últimos dias do Império Otomano, um Estado turco que existiu entre 1299 e 1922, e acompanha a história de um triângulo amoroso constituído por um estudante de medicina, uma mulher sofisticada e um jornalista norte-americano.

Chris, um repórter da agência de notícias Associated Press, está apaixonado por Ana e pela adrenalina de viver em perigo enquanto trabalha numa zona de guerra. A mesma mulher é também o interesse amoroso de Michael, que está em conflito interior entre o que sente por Ana e as suas tradições culturais. “The Promise” ainda não tem data de estreia prevista. Vê o trailer.

Concordas com os principais candidatos aos Óscares do próximo ano?


<< PARTE 3 |  PARTE 5 >>


 

Catarina Fernandes

Mestre em Ciências da Comunicação e fotógrafa amadora. Seriófila compulsiva e apaixonada por literatura, assim como pelo cinema e pela sua história. (Extremamente) Viciada em música e concertos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *