Estreia de “Detroit” em Portugal é antecipada para dia 14 de setembro

Foi anunciada uma nova data de estreia em Portugal do filme “Detroit”. O mais recente trabalho de Kathryn Bigelow retrata uma das maiores crises sociais da história americana e chega aos cinemas no dia 14 de setembro. 

“Detroit” vai chegar às salas de cinema portuguesas mais cedo do que o esperado. A NOS anunciou ontem que o filme de Kathryn Bigelow, baseado numa das maiores crises sociais americanas, terá a sua estreia antecipada para o dia 14 de setembro.

Recorrendo a imagens reais dos acontecimentos da noite de 25 para 26 de julho de 1967, no Motel Algiers, “Detroit” retrata o conflito civil vivido no verão de 1967, que levou à destruição da cidade de Detroit e a consequências dramáticas.

No ano em que se celebra o 50º aniversário deste acontecimento marcante, o projeto de Kathryn Bigelow não podia ser mais atual, numa época em que a temática dos direitos civis ainda é fraturante.

“Detroit” traz ao grande ecrã alguns dos eventos nos quais várias forças policiais interrogaram os hóspedes do Motel Algiers, utilizando a força e um “jogo de morte” na tentativa de provocar uma confissão por parte dos envolvidos. Os resultados foram a morte de três homens e atos violentos brutais para com tantos outros homens e mulheres.

Lê Também:
Guia das Estreias de Cinema | Agosto 2017

Fruto do envolvimento militar do país na Guerra do Vietname, da crescente agitação social e política e da escalada da injustiça racial e da repressão, uma parte de Detroit foi totalmente dizimada. O Departamento de Polícia de Detroit era associado a um exército de ocupação branco, sendo um alvo constante de acusações por perfil racial e brutalidade policial.

A cidade era uma das regiões da América com maior discriminação devido às disparidades raciais na habitação, educação e desemprego nas comunidades afro-americanas, com cerca de 60 000 residentes a viverem em condições miseráveis.

Os Distúrbios de Detroit de 1967 foram os tumultos mais destrutivos da história dos EUA. Ao fim de cinco dias de conflitos, contabilizaram-se 43 mortos, 342 feridos e aproximadamente 1400 edifícios queimados.

Lê Também:
A Volta ao Mundo em 80 Filmes

O elenco de “Detroit” conta com uma série de atores promissores, com destaque para John Boyega (“StarWars: O Despertar da Força”), Will Poulter (“O Renascido”), Algee Smith (da série “Complications”), Jacob Latimore (“Beleza Colateral”), entre outros.

A cineasta norte-americana Kathryn Bigelow foi a primeira mulher a ganhar o Óscar de Melhor Realização, com o filme “Estado de Guerra”, em 2008. Este trabalho venceu ainda o galardão para Melhor Filme, ao qual se junta uma nomeação para a mesma categoria com “00:30 A Hora Negra” (2012).

“DETROIT” | VÊ AQUI O TRAILER

Kathryn Bigelow regressa ao passado e faz-nos refletir sobre o nosso presente. No contexto atual dos EUA, “Detroit” não poderia ser mais pertinente. 

Rita Cabral

Aspirante a jornalista e apaixonada por cultura. Sonhadora incurável e realista inata. Cativada por quase tudo o que existe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *