Divirta o seu cérebro com o NGC no Colombo

 

 

O National Geographic Channel convida os seus espectadores a porem o seu cérebro à prova numa série de testes no Centro Comercial Colombo em Lisboa, de 20 de Abril a 30 de Maio.

divirta_o_seu_cérebro

A acção Divirta o seu cérebro, inspirada em programas do NGC como Brain Train: Teste o seu cérebro e A Ciência da Estupidez, traz para fora do ecrã algumas das experiências neles apresentadas. Os participantes terão a oportunidade de perceber como os nossos sentidos enganam o cérebro e alteram a nossa percepção da realidade.

Será possível enganar o cérebro permanecendo imóvel quando todos os outros sentidos incitam o desequilíbrio? Descubra como os nossos sentidos nos podem enganar.

divirta_o_seu_cérebro

Descubra mais informações e vídeos no site do National Geographic Channel

 

Gualter Santos

Licenciado em Comunicação Social. Viciado em Netflix. Sempre com uma consola no bolso para aproveitar ao máximo o tempo perdido em transportes públicos. Fã de jogos de ação e aventura, aventurando-se ainda num ou outro survival horror, quando se sente particularmente corajoso...

Gualter Santos has 365 posts and counting. See all posts by Gualter Santos

One thought on “Divirta o seu cérebro com o NGC no Colombo

  • “Um mundo de desafios”??
    “Um conjunto de actividades divertidas e inovadoras”??
    Se calhar estive no Colombo errado e não encontrei o “ovo” certo!!

    Depois de uma viagem Porto-Lisboa, rumo a uma “iniciativa” altamente publicitada… pululam no meu cérebro uma série de adjetivos muito pouco simpáticos. Talvez porque esta “iniciativa” não me tenha proporcionado a oportunidade de o exercitar!!
    “As coisas nem sempre são como parecem” — diz o texto de apresentação da “iniciativa”! Uma frase profundamente assertiva — digo eu.
    Hoje (01/05/2015), a minha filha pôde caminhar sobre uma tira a 20 cm do chão — ação sem qualquer acompanhamento explicativo por parte da funcionária (certamente os assuntos que teria para resolver teclando compulsivamente no telemóvel, eram mais importantes!!). Mas, o acontecimento que mais me estimulou o cérebro foi a explicação que a mesma funcionária me prestou quanto à segunda experiência passível de se realizar (note-se: SÓ HÁ DUAS experiências possíveis!!)… Passo a citar a funcionária, após ter sido interrompida na sua extenuante tarefa de teclar no telemóvel: “Não podem fazer esta experiência porque o meu colega que é responsável por ela esqueceu-se da T-shirt e teve de ir a casa buscá-la pois não podemos estar aqui sem esta T-shirt” — afirmou, apontando para a sua. “E eu não faço ideia da hora a que ele vai chegar pois vai depender do trânsito que apanhar” — rematou.
    Moral da história: nenhum dos funcionário tem um cérebro muito treinado para uma coisa chamada “profissionalismo”.
    Depois de esperar 1h30m, desisti. O que já era manifestamente medíocre (apenas duas experiências), transformou-se numa piada. Fica a minha indignação e a desilusão da minha filha. LAMENTÁVEL!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *