Downton Abbey | As modas da última temporada

 

Parte 2: Casamentos, Corridas e Spoilers >>

 

A família Crawley, e os seus criados, continuam a ser exemplos de requintado estilo nesta sexta e última temporada de Downton Abbey que decorre em 1924.

O primeiro episódio de Downton Abbey situou-se em 1912, dois anos antes do início da Primeira Guerra Mundial. Agora, nesta sexta temporada encontramos a família Crawley a viver o ano de 1924. Não são as modas de flappers e da idade do jazz que caracterizam os figurinos da série de Julian Fellowes, sendo que o conservadorismo aristocrático e servil nunca desaparece do estilo das variadas personagens. Mesmo assim, é impossível ignorar o modo como o vestuário marcou a passagem dos anos, sendo esta uma era de grandes mudanças sociais, onde a silhueta feminina em particular, se transmutou das espartilhadas figuras da era Eduardiana para a leveza e o conforto relativo da década de 20.

Downton Abbey

Lady Mary Crawley (Michelle Dockery) poderá ser a mais elegante das personagens em cena, mas é na roupa dos criados que realmente se manifestam as mais intensas indicações da mudança de standards no que diz respeito ao vestuário. Daisy (Sophie McShera) e Anna (Joanne Froggatt), por exemplo, usam roupas em que a silhuetas dos anos 20 é facilmente visível. Tais estilos já não eram, em 1924, uma exclusividade das elegantes classes aristocráticas. A sexta temporada é, aliás, uma grande oportunidade para observar os trabalhadores da família Crawley fora dos seus negros e impecáveis uniformes e em estilos muito mais pessoais e distintos.

Downton Abbey

Downton Abbey

A roupa das classes mais baixas poderá ser a mais fascinante em termos de análise histórica e social, mas é no esplendor da aristocracia que a série tem a máxima oportunidade de celebrar as modas da época. Dockery tem a figura de quem nasceu para vestir as mais elegantes criações, sendo a sua personagem uma visão humana de uma capa da Vogue da época. No entanto, há sempre uma certa seriedade e rigidez nas suas vestes, que complementam a personalidade abrasiva da protagonista de Downton Abbey. As cores mais escuras e discretas caracterizam o vestuário de Mary, com algumas tonalidades mais intensas, como um apaixonante escarlate, e o uso formal de metálicos a marcarem algumas notas de exuberância na sua indumentária usual.

Lê Também:
Chicago Med é o novo drama médico da FOX Life

Downton Abbey

Downton Abbey

Se Mary é uma fria visão de elegância aristocrática, a sua irmã mais nova, Lady Edith Crawley (Laura Carmichael) tem um estilo bastante distinto. As roupas de Edith são caracterizadas por cores muito mais calorosas que as do resto da sua família, assim como por uma praticabilidade cosmopolita que a marca como uma mulher trabalhadora. Edith passou do patinho feio das irmãs Crawley a uma bem-sucedida editora na Inglaterra dos anos 20, sendo ela a figura que mais se transformou desde a primeira temporada até à presente narrativa.

Downton Abbey

Downton Abbey

A Condessa de Grantham (Elizabeth McGovern), a mãe de Mary e Edith, e sua cunhada, Rosamund (Samantha Bond), vestem-se consoante as últimas tendências, apesar de demonstrarem uma maturidade estilística que as separa das mais jovens mulheres no resto do elenco. A roupa formal é de particular atenção, revelando quão na moda estas duas mulheres de meia-idade ainda se encontram, ao contrário da deliciosamente amarga Violet Crawley (Maggie Smith). A Condessa viúva veste roupas que apontam para as primeira duas décadas do século e não para os anos 20, indicando tanto a sua idade avançada como o seu gosto por conservar o mundo no passado luminoso da aristocracia vitoriana.

Lê Também:
Canais FOX | Os destaques de Novembro

Downton Abbey

Downton Abbey

A grande indicação que estamos no meio da década de 20 na aparência da idosa personagem é o seu penteado que, apesar de se manter num estilo antiquado, mostra o uso de técnicas características tanto da presente década como da seguinte, nomeadamente as chamadas ondas de dedo ou de Marcel. No resto do elenco os penteados são de igual relevância, sendo que Edith e Mary são as personagens femininas cujos cabelos mais marcam as novas tendências, com o corte à garçonne de Mary como particular símbolo da sua elegância e estilo sempre atual.

Downton Abbey

Lê Também: Figura de Estilo: Downton Abbey T4

Os figurinos da série já foram responsabilidade de numerosos figurinistas, com esta temporada a ter o seu guarda-roupa concebido pela figurinista Anna Robbins. Para a construção do vasto espólio de roupas que vestem o elenco de Downton Abbey, utilizaram-se peças originais da época, figurinos criados de raiz, assim como várias indumentárias que são recicladas de anteriores produções.

Downton Abbey

Ainda há mais que discutir em relação aos figurinos da sexta temporada, mas isso poderá envolver algumas revelações de enredo. Para quem não tenha medo de spoilers ou simplesmente deseje apreciar a elegância dos casamentos de Downton Abbey, vão para a segunda página, onde o charmoso Matthew Goode vos espera.

 

Parte 2: Casamentos, Corridas e Spoilers >>

 

Cláudio Alves

Licenciado em Teatro, ramo Design de Cena, pela Escola Superior de Teatro e Cinema. Ocasional figurinista, apaixonado por escrita e desenho. Um cinéfilo devoto que participou no Young Critics Workshop do Festival de Cinema de Gante em 2016. Já teve textos publicados também no blogue da FILMIN e na publicação belga Photogénie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *