© Citi Zēni

Eurovisão 2022 em Turim | Entrevista exclusiva aos Citi Zēni da Letónia

Falamos com a banda Citi Zēni, representante da Letónia na Eurovisão 2022 e certificamo-nos que comeram a salada toda. 

Estás pronto para comer a tua salada? Os Citi Zēni representantes da Letónia na Eurovisão 2022 em Turim já comeram a sua e estão a aproveitar ao máximo a sua participação no maior festival de música do mundo.

Depois dos primeiros ensaios da Letónia no Pala Olímpico em Turim, a MHD entrevistou esta banda letã tão jovem e descontraída que quer mostrar como a mãe natureza pode ser sensual, pode ser irreverente e pode ser amada por qualquer pessoa. Não é preciso ser agressivo e pedir ao público para ter em consideração as alterações climáticas. Há a possibilidade de sermos ambientalistas mais cómicos e completamente ousados. Para os Citi Zēni,  a música era uma maneira de aproveitar as ferramentas artísticas para chegar aos adolescentes, afinal eles têm o poder de mudar o futuro, mesmo pequena que essa mudança seja.

“Eat Your Salad” a canção da Letónia na Eurovisão 2022

A entrevista da MHD com os Citi Zēni ocorreu no terraço do hotel na banda está hospedada, hoje de manhã, um dia de muito calor em Itália e talvez tenhamos visto mais do que aquilo que esperávamos. As calças de um dos membros dos Citi Zēni no primeiro ensaio da Letónia da Eurovisão chegaram a romper, portanto aquilo que têm para oferecer é já conhecido de todos. “Zero Waste” é aquilo que querem mostrar e isso ficou perceptível na nossa conversa que foi tão atrevida quanto alucinante.

Estamos certos que a Eurovisão é também um espaço de diversão, onde cada um deve mostrar-se livremente como é e sem quaisquer preconceitos. Falamos essencialmente de um grupo jovem, formado em apenas 2020, que após a vitória no Supernova 2022 – um festival semelhante ao Festival da Canção – chegam à Eurovisão com muita vontade de entreter.

Citi Zēni
Citi Zēni nos primeiros ensaios © EBU / NATHAN REINDS

Com esta música, os Citi Zēni formados por Dagnis Roziņš (vocalista e saxofonista), Reinis Višķeris (teclas), Krišjānis Ozols (guitarra), Jānis Pētersons (vocalista), Toms Kagainis (bateria) e Roberts Memmēns (vocalista e baixo), prometem iniciar um novo género na Eurovisão – que a banda gosta de chamar de turbo pop. Vejamos o que têm a dizer sobre tudo isso.

Citi Zēni (Roberts Memmēns): “Saudade, Saudade Nothing more that I can say Says it in a better way”

MHD: Isso é fantástico. Começar a entrevista com o refrão da música portuguesa. Obrigado.

Citi Zēni (Roberts Memmēns): A vossa música é muito boa.

MHD: Como é se sentem ao estar no Festival Eurovisão da Canção em Turim?

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Viémos para Turim depois de vencer a final do Supernova na Letónia com o melhor mood possível. Estamos todos de bom humor e isso sente-se. No nosso primeiro ensaio no palco do Pala Olímpico, sentimo-nos todos no céu, sentimos que isto era algo maior do que nós. Queremos estar bem dispostos, mas queremos que as coisas sejam como têm de ser. Tivemos algumas situações menos esperadas, mas conseguimos resolver os imprevistos.

Citi Zēni
Citi Zēni nos primeiros ensaios © EBU / NATHAN REINDS

Pensamos muito bem na coreografia e estamos a adaptar-nos à situação que temos agora. Acho que isso é normal. Acho que é exatamente assim que um primeiro ensaio deve ser. A música, de certa maneira, também tem que ser impulsiva. Para funcionar tem que acontecer no último minuto. Sinto que isso é capaz de definir as melhores performances.

MHD: Já tiveram oportunidade de conhecer Turim? Vocês estão a aproveitar bem o sol… 

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Sim. Na verdade estamos hospedados num hotel em Chivasso, uma zona suburbana a cerca de 30 quilómetros de Turim. Tivemos a sorte de visitar uma das suas grandes praças depois do nosso primeiro ensaio.

Citi Zēni (Roberts Memmēns): Também tivemos a oportunidade de comer muito.

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Sim. Esta noite vamos numa excursão misteriosa. Ainda não sabemos muito bem até onde, mas temos a certeza que vai ser espectacular.

MHD: Vocês tiveram um problema com as calças no primeiro ensaio. Isso está resolvido ou não?

Citi Zēni
Citi Zēni nos primeiros ensaios © EBU / NATHAN REINDS

Citi Zēni (Dagnis Roziņš): Está a ser corrigido.

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Não o chamaria um problema, mas sim de efeitos especiais (risos). Uma vez que a Eurovisão é célebre pela sua pirotecnia nós também temos que ser explosivos à nossa própria maneira.

Citi Zēni (Dagnis Roziņš): Não sei se temos que ser explosivos nesse sentido, se é que nos entendemos. (risos)

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Estejam tranquilos que não foi um problema. A questão das calças está mesmo a ser resolvida. A fábrica letã que faz os nossos visuais já mandou novas peças e isso para além de simpático deixa-nos completamente gratos. Nós vamos trabalhar na produção artística o máximo que conseguirmos. Não tenham dúvidas!

MHD: Como é que tiveram a ideia de criar esta banda? Vocês são um grupo muito recente, formado apenas em 2020…

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Sim, é verdade. Contudo não somos uma banda criada especificamente para a Eurovisão. Isso é claro. A nossa primeira incursão como banda no mundo artístico aconteceu há mais de dois anos, com o nosso primeiro single “Vienmēr Kavēju“. Estamos a atuar em bandas diferentes ou a solo e decidimos que deveriamos todos juntar-nos. Queríamos perceber se conseguiríamos criar algo original e novo a partir daí.

Citi Zēni (Krišjānis Ozols): Acho que as coisas foram acontecendo. Uma coisa levou à outra e acabámos por criar um álbum na Letónia chamado “Suņi Iziet Ielās” (“Dogs Take To The Streets”), que foi muito bem recebido. Ganhámos mesmo alguns prémios, entre os quais o de Melhor Canção escolhida pelo público, naqueles que são conhecidos como os Grammys da Letónia.

Ouve o primeiro single dos Citi Zēni

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Uma vez que a Letónia é um país relativamente pequeno sentimos que devíamos testar a nossa sorte no estrangeiro. Todos os músicos letãs tem quase a obrigação de participar no Festival Supernova pelo menos uma vez na vida. Como é que acabámos na Eurovisão?

Citi Zēni (Roberts Memmēns): Acho que as coisas aconteceram um pouco por acidente, porque não estávamos nada à espera. Não estava planeado. Queríamos apenas escrever uma canção, queríamos escrever algo de novo.

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Nem sequer era suposto o Rob fazer parte da banda.

Citi Zēni (Roberts Memmēns): Não era de todo a minha intenção (risos).

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Acho que Jesus fez um milagre e o Rob lá tomou a decisão de juntar-se à equipa.

Eurovisão 2022
Jānis Pētersons nos primeiros ensaios em Turim © EBU / NATHAN REINDS

MHD: A vossa música “Eat Your Salad” é sobre a Mãe Natureza, de uma forma provocadora, mas também inteligente e diferente. Acham que as pessoas estão a esquecer que a natureza é aquilo que mais importante temos no nosso planeta?

Citi Zēni (Roberts Memmēns): Sim, sem dúvida.

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Sinto que também deva enfatizar que nós não somos extremistas, no sentido em que não estamos a obrigar ninguém a fazer aquilo que não querem, por muito importante que seja. De forma muito leve, quisemos explorar e quisemos refletir sobre aquilo que se está a passar no planeta, no ambiente em nosso redor. Porque razão a Mãe Natureza não pode ser sexy? Porque razão nos fechamos apenas num sentido? Acho que a Mãe Natureza é fantástica e é belíssima.

Olha em nosso redor. Estamos aqui rodeados de verde. Isto é muito sensual. Deveremos aproveitar, deveremos agradecer e deveremos pensar numa perspetiva muito positiva em relação a uma temática tão complexa. Se pensarmos demasiado e nos fecharmos no sentido negativo acho que a questão pode chegar a ser bastante depressiva e as pessoas esquecem-se rapidamente. Se fizémos um bom trabalho? Espero que sim.

Citi Zēni (Roberts Memmēns): Já recebemos vários comentários de pessoas que dizem ter mudado os seus hábitos devido à nossa canção. Dizem que mesmo algumas coisas nas suas vidas melhoraram. Portanto acho que já atingimos o nosso objetivo. Agora vamos aproveitar.

Eurovisão 2022
© EBU / NATHAN REINDS

MHD: Como querem que a audiência se sinta enquanto vocês estiverem no palco da Eurovisão 2022?

Citi Zēni (Todos): Uau! Estamos na Eurovisão. Queremos ser teus amigos (risos).

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Nós na Letónia descrevemo-nos como uma festa ambulante. É essa emoção que queremos transpor na sua atuação na primeira semi-final da Eurovisão. Queremos colocar em palco o quanto tudo isto é divertido, que a nossa canção é uma forma de escapismo e que toda a gente possa envolver-se nessa energia contagiante. Queria que as pessoas conseguissem ver como algo simples e energético é capaz de juntar-nos a todos. Gostava que vissem algo de belo na nossa performance.

Citi Zēni (Roberts Memmēns): Ainda ontem tentámos definir o nosso género musical. Pensamos que somos um pouco de turbo pop. Como uma turbina. Sabes? Estamos aqui à velocidade da luz.

MHD: Que artistas ansiam conhecer na Eurovisão 2022 em Turim? Quais são as vossas canções favoritas?

Citi Zēni (Roberts Memmēns): Mika.

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Nós queremos conhecer os lobos que vêm da galáxia, os Subwoolfer representantes da Noruega. Durante as festas eurovisivas que antecederam ao festival foi muito complicado falar com eles, porque só falam a língua da Lua. Mas agora eles têm um tradutor que é muito simpático. Também já conseguimos conhecer a Monika Liu da Lituânia, a nossa vizinha. Adoramo-la! Ela é uma artista magnífica. Também conhecemos a poderosa Ronela da Albânia. Queremos muito conhecer os We Are Domi da República Checa.

MHD: Que conselho dariam para que as pessoas se mantenham saudáveis nestes tempos tão sombrios?

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Essa é uma pergunta muito boa. Como já disse antes, não estamos a tentar ser extremistas nem forçar ninguém. O único conselho que poderemos dar é pedir às pessoas para olharem para si mesmas, para perceberem como estão agora e como é que poderão mudar um pequeno pormenor, um pequeno detalhe das suas vidas, para conseguirem melhorar o impacto no mundo à sua volta. Seja em termos do ambiente ou mesmo no estilo de vida que levam. Se as pessoas sentem vontade de fazê-lo num determinado momento queremos que sigam aquilo que querem, sem pensar em mais nada. Acho que isso não é tão complicado. Nós vamos mostrar na nossa performance que ser vegetariano, comer vegetais e p***** não é nada do qual deveremos ter medo. Conseguimos ser tão malucos quanto os carnívoros.

MHD: Já alguma vez visitaram Portugal?

Citi Zēni (Dagnis Roziņš): Eu nunca estive, mas gostava muito de conhecer o vosso país. Dizem que é muito bonito. Deixa-me só dizer-te que a vossa canção “saudade, saudade” da MARO é maravilhosa. Parabéns pela escolha.

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Eu já estive em Portugal. Uma das coisas que mais me lembro em Portugal é que vocês têm sempre música boa a passar na rádio. A música que ouvimos no nosso Spotify vinda de Portugal é mesmo incrível! Esperemos que alguém nos convide a visitar o vosso país, porque nós adoramos o sol, mesmo que as nossas peles se descasquem.

Citi Zeni
Dagnis Roziņš nos primeiros ensaios em Turim © EBU / NATHAN REINDS

Citi Zēni (Roberts Memmēns): Vocês pelo menos têm mais sol do que nós.

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Ainda bem que estamos em Turim a tentar apanhar um escaldão. Na Letónia estão como 5ºC e só conseguimos ter 20 ou 25ºC dentro de um microondas. Às vezes temos que aquecer as nossas saladas para saboreá-las melhor.

MHD: Obrigado pela entrevista. A vossa canção é uma iguaria nesta Eurovisão. Boa sorte!

Citi Zēni (Jānis Pētersons): Mantenham-se saudáveis! Ciao Ciao.

Virgílio Jesus

Era uma vez em...Portugal um amante de filmes de Hollywood (e sobre Hollywood). Jornalista e editor de conteúdos digitais em diferentes meios nacionais e internacionais, é um dos especialistas na temporada de prémios da MHD, adepto de todas as formas e loucuras fílmicas, e que está sempre pronto para dois (ou muitos mais!) dedos de conversa com várias personalidades do mundo do entretenimento.

Virgílio Jesus has 1377 posts and counting. See all posts by Virgílio Jesus

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.