Filmes a não perder na Cinemateca Portuguesa em novembro (Parte I)

Eis a nossa recomendação, dos grandes filmes que serão exibidos na Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema, no penúltimo mês de 2018. 

1 de 16

Estamos a entrar na recta final do ano de 2018 e para a Cinemateca Portuguesa-Museu do Cinema este é o momento certo para apresentar um conjunto de filmes que celebrarão os 70 anos da instituição. Esta é só uma das muitas iniciativas que a Cinemateca Portuguesa dá início, a fim de assinalar uma data tão importante. A par dos seus 70 anos, a Cinemateca apresenta 70 filmes, sendo que nos últimos meses deste ano serão exibidos os primeiros 35.

Seguem-se outra iniciativas no mesmo âmbito como uma jornada de homenagem ao cinema feito em Portugal no dia do próprio aniversário (dia 16 de novembro) e um colóquio com vários convidados sobre o percurso e os desafios da Cinemateca. Segundo a instituição,

Num momento que é ainda de encruzilhada histórica – as questões suscitadas na museologia de cinema pela reconversão da indústria ao digital, e, no contexto interno, as limitações e a inadequação estrutural do quadro de funcionamento presente –, o que desejamos é evocar o passado com os olhos postos no futuro. Há que continuar a lançar as bases da Cinemateca das próximas décadas garantindo que isso se faz com a consciência plena do que aqui foi realizado até agora, e do que isso significou em termos nacionais e internacionais.

O que é o arquivo
Cinemateca Portuguesa

Para além da história da Cinemateca Portuguesa, e como tem sido habitual, a programação deste mês revisita filmes de uma outra cinemateca. A escolhida para este mês foi a Cinemateca Sueca (Svenska Filminstitutet). Serão percorridos oitenta anos de uma das mais antigas instituições que se dedica à preservação cinematográfica. O Diretor do Arquivo Fílmico, Jon Wengström, foi o responsável pos filmes apresentados que vão desde os anos 10 até aos anos 90 do século XX, numa maneira imprescindível de conhecer a cinematografia do país nórdico, onde se destacam nomes como Ingmar Bergman, Ingrid Bergman, Gustav Molander ou Alf Sjöberg, entre outros.

Fica a conhecer os filmes destes grandes ciclos para o mês de novembro e tudo o que de melhor a Cinemateca tem para oferecer!

1 de 16

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *