© Beyoncé / Ashenspire / Ethel Cain / JPEGMAFIA / Natalia Laforcaude

Os melhores álbuns de 2022 | As escolhas do público

2022 foi o ano do regresso à normalidade, depois de dois anos cheios de restrições por culpa da pandemia. A vontade para conviver, festejar, viver, sorrir, eram altas. E podíamos ter um pouco de tudo isso nos festivais de verão, com os melhores artistas internacionais e nacionais. Estávamos ansiosos para dançar aos sons das nossas músicas favoritas, mas também dançamos ao som das novas. Com (quase) todo o tempo do mundo, os artistas começaram a preparar novos álbuns, alguns totalmente diferentes dos habituais registos. 

Para um mundo cada vez mais globalizado, cada vez há mais diversidade nos géneros musicais. O público tem gostos diversos, que vão para além do rock, hip-hop, R&B, pop, entre outros. O género indie é cada vez menos independente, com todos os fatores, negativos e positivos, que acarretam no género. Além disso, há sempre espaço para novos géneros, e sobretudo, novos artistas. De Black Country, New Road, Denzel Curry, Rosalía até Kendrick Lamar, Beyoncé, vamos dizer-te os melhores álbuns de 2022 para o público, segundo as escolhas dos ouvintes na plataforma Album of the Year.

Lê Também:
Os melhores álbuns de 2022 | As escolhas da crítica

Black Country, New Road – Ants From Up There

Melhores Álbuns de 2022
© Black Country, New Road

É uma das melhores bandas indie dos últimos anos. Com passagem garantida por Portugal, no Super Bock Super Rock 2023, vamos ter a oportunidade de ouvir o novo álbum. Com um sonoridade única, onde invoca temas melancólicos, sobretudo com a música mais conhecida do álbum, “The Place Where He Inserted the Blade”, onde a voz do vocalista dança ao som do piano. É uma banda com cinco anos de existência, mas que tem um futuro promissor pela frente.

 

 

 

 




JID – The Forever Story

Melhores Álbuns de 2022
© JID

Inegavelmente, um dos melhores álbuns de hip-hop do último, e talvez, dos últimos anos. Começando pela forma como foram usadas as samples (excertos de outras músicas que são manipulados para dar outro uso). Nesse sentido, as samples foram introduzidas e usadas de forma exemplar em qualquer música, aliado as batidas viciantes. Como é habitual dentro deste género musical, existem várias participações de outros artistas, como é o caso de 21 Savage, Lil Durk e Lil Wayne. No entanto, não se deixem enganar pelo o género, porque algumas músicas conseguem juntar o melhor de outros, do género de soul, por exemplo.

 

 

 




black midi – Hellfire

Melhores Álbuns de 2022
© black midi

Diretamente de Londres, descobrimos um das surpresas do ano, com um álbum eletrizante (literalmente). Apesar de serem conhecidos pelas músicas dentro da linha do rock, o último álbum consegue ir buscar os melhores ritmos do jazz, no que diz respeito à velocidade. Por exemplo, em “Sugar/Tzu”, é impossível ficar indiferente à incrível performance do baterista Morgan Simpson, que parece nunca se cansar. Naturalmente, com a velocidade deste álbum, tornou-se numa das escolhas do público.

 

 

 

 




Natalia Lafourcade – De Todas Las Flores

Melhores Álbuns de 2022
© Natalia Lafourcade

Natalia Lafourcade tem uma carreira invejável, muito por culpa da sua voz suave e angélical, onde recorre aos amores e desamores das nossas vidas como fonte de inspiração. As músicas como “Hasta la Raíz” serão sempre como as suas melhores, no entanto, o último álbum traz o melhor o da artista mexicana. Agora que, cada vez mais, estamos a descobrir as músicas latinas, tem de haver espaço para músicos como Natalia Lafourcade. É impossível não mexer o corpo ao seu ritmo, e deixar o coração aquecer com as suas palavras. “De todas las flores”, música com o mesmo nome do álbum, é um desses casos.

 

 

 




Quadeca – I Didn’t Mean To Haunt You

Melhores Álbuns de 2022
© Quadeca

Apesar de distanciar-se dos restantes géneros, dentro de uma linha mais alternativa, encontramos no último álbum de Quadeca, um dos seus melhores trabalhos. Poderá não agradar a todos os gostos, mas se decidirem ouvir, não se vão arrepender, dado que em cada música parece que encontramos um género diferente.

Ao contrário de maioria dos artistas presentes nesta lista, Quadeca escreveu, produziu e masterizou todo o álbum, num trabalho que durou 15 meses. Nesse sentido, em certas músicas, o lado pessoal do músico é (quase) palpável.

 

 

 




Kendrick Lamar – Mr. Morale & The Big Steppers

Melhores Álbuns de 2022
© Kendrick Lamar

A sua presença nesta lista não é surpresa nenhuma, dado que é um dos melhores artistas de hip-hop de sempre, em que cada álbum seu, nunca desiludiu o público. “Mr Morale & The Big Steppers” não teve a mesma repercussão de “DAMN” (2017), mas o nível que nos habitou mantêm-se. A sua voz e o seu ritmo consegue elevar qualquer música, por isso, naturalmente, este álbum acabou por ser uma das escolhas do público. Além disso, conta ainda com as participações de Sampha e Amanda Reifer.

 

 

 

 




Weyes Blood – And in the Darkness, Hearts Aglow

Melhores Álbuns de 2022
© Weyes Blood

Para quem ainda não ouviu este álbum, apenas a sua voz consegue ser a razão para estar dentro das escolhas do público. Weyes Blood é uma artista multifacetada, que consegue inserir-se em vários géneros musicais, do pop psicandélico ao soft rock. Este álbum segue registo que nos têm habituado, criando uma atmosfera confortável, e por vezes melancôlica. Ainda assim, consegue surpreender-nos em cada música.

 

 

 

 

 




Big Thief – Dragon New Warm Mountain I Believe in You

Melhores Álbuns de 2022
© Big Thief

É o maior álbum desta lista, com 20 músicas. O novo álbum dos Big Thief é o exemplo do melhor que o género indie pode-nos oferecer, com ritmos serenos mas ao mesmo tempo entusiasmantes. Se ainda não ouviram, peguem neste álbum, no carro, e façam uma pequena roadtrip, e irão perceber.

 

 

 

 

 

 




Black Thought & Danger Mouse – Cheat Codes

Melhores Álbuns de 2022
© Danger Mouse / Black Thought

É, provavelmente, o álbum mais completo desta lista. Uma colaboração entre Black Thought e Danger Mouse, conta também com a participação de Michael Kiwanuka, Russ, A$AP Rocky e Conway the Machine. Mas não é apenas a quantidade de artistas incríveis, é a mistura de géneros e acordes de guitarra e batidas da bateria que tornam este álbum completo. Com flow semelhante ao hip-hop, junta o melhor do psicadélico característico dos anos 70, com o soul entre outros tantos géneros. Quem der uma oportunidade a este álbum, não se vai arrepender. Difícil vai ser parar de ouvir.

 

 

 




Denzel Curry – Melt My Eyez See Your Future

Melhores Álbuns de 2022
© Denzel Curry

Ainda bem que não segue o registo de uma das suas músicas mais conhecidas, “Ultimate”. Assim, descobrimos outra faceta do músico. Aqui, as samples fazem toda a diferença, com o apoio de vozes de coro. Além do hip-hop, conseguimos encontrar notas de jazz e soul.

 

 

 

 

 

 




JPEGMAFIA – OFFLINE!

Melhores Álbuns de 2022
© JPEGMAFIA

É o álbum mais pequeno desta lista, mas apesar de ter apenas cinco músicas, todas conseguem mostrar todo o talento de JPEGMAFIA. Cada música parece corresponder a um género diferente, do hip-hop, ao jazz, e até ao psicandélico, é uma autêntica viagem. Por isso, estando presente em vários géneros, conseguiu ganhar a atenção do público.

 

 

 

 

 

 




Soul Glo – Diaspora Problems

Melhores Álbuns de 2022
© Soul Glo

Não podia faltar um álbum do género de metal, e que álbum. Apenas pelo nome já conseguimos chegar à temática do álbum, as diásporas (um grupo cultural que continua a praticar os seus costumes, fora do país de origem). Num mundo cada vez mais globalizado, existem várias culturas a desaparecer, mais do que a sonoridade, a letra é uma revolta.

 

 

 

 

 

 




Little Simz – NO THANK YOU

Melhores Álbuns de 2022
© Little Simz

As doze músicas de “NO THANK YOU” seguem o mesmo registo, dentro do hip-hop. Apesar de não ser o melhor trabalho da artista, cumpre as expectativas que trouxeram este álbum à lista. Semelhante ao seu trabalho de 2019, “GREY Area”, a artista usa a sua música como forma de terapia, e nós também podemos utilizar.

 

 

 

 

 

 




billy woods – Aethiopes

Melhores Álbuns de 2022
© Aethiopes

Com dois álbuns lançados no ano passado, é “Aethiopes” que se destaca. Apesar do roçar no hip-hop, tem uma grande componente experimental, aliado aos sons electrónicos. Existem álbuns que são incríveis mapas mentais dos artistas, e este é o caso.

 

 

 

 

 

 




Nas – King’s Disease III

Melhores Álbuns de 2022
© Nas

Nas não é novo por estas andanças, com o início de carreira no anos 90, a cruzar com a grande explosão do hip-hop para as massas. No entanto, foi no início de 2000 que alcançou a fama, em parte por influência do conflito que tinha com Jay-Z. Apesar disso, as suas músicas criaram um grande base de fãs, que ainda o tornam um dos artistas mais relevantes do hip-hop. É impressionante a forma como Nas se adaptou ao tempo e a mudança no hip-hop.

 

 

 

 




Beach House – Once Twice Melody

Melhores Álbuns de 2022
© Beach House

A dupla norte-americana é conhecida pelos seus sons electrónicos, a roçar o experimental, e o novo álbum não fica aquém do que nos tem habituado. O novo álbum é composto por 18 músicas, e em cada uma delas vamos ter uma viagem diferente.

 

 

 

 

 

 




Conway the Machine – God Don’t Make Mistakes

Melhores Álbuns de 2022
© Conway the Machine

Ao contrário dos outros artistas de hip-hop desta lista, Conway the Machine usa a sua voz como o pilar da música. Em certa parte, na linha dos primórdios do hip-hop, onde a lírica e a letra eram o mais importante, o artista norte-americano é uma lufada de ar fresco no género. 

 

 

 

 

 

 




Ethel Cain – Preacher’s Daughter

Melhores Álbuns de 2022
© Ethel Cain

É o primeiro álbum da jovem artista nascida na Florida. “Preacher’s Daughter” traz o melhor do rock alternativo, folk e gospel para o século XXI. Além disso, a religião é um tema bastante presente no álbum, pela sonoridade, letra e até capa do álbum. Mas apesar disso, acabou por conquistar o público, e até a crítica.

 

 

 

 

 

 




Ashenspire – Hostile Architecture

Melhores Álbuns de 2022
© Ashenspire

Diretamente de Glasgow, chegam os Ashenspire, com o seu negro avant-garde metal. Não é um género para todos, mas a sonoridade deixa qualquer um no espírito de mosh.

 

 

 

 

 

 

 




Beyoncé – RENAISSANCE

Melhores Álbuns de 2022
© Beyoncé

Como é habitual, os trabalhos de Beyoncé nunca desiludem, há sempre pelo menos um par de músicas que valem o álbum inteiro, e “RENAISSANCE” não é excepção. Depois de uma época atribulada com a traição de Jay-Z, a artista, vencedora de 28 Grammys (incluindo o trabalho nas Destiny Child’s e The Carters) traz-nos um dos seus melhores álbuns, e um dos melhores do último ano. O género musical não difere muito do que tem sido o seu registo, mas ainda assim, a música mais popular do álbum, “CUFF IT”, continua bem presente nas rádios. 

 

 

 

 




ROSALÍA – MOTOMAMI

Melhores Álbuns de 2022
© Rosalía

Uma das maiores revelações dos últimos anos, Rosalía é a prova viva que a música espanhola tem uma cultura rica e capaz de chegar a todos os gostos. O seu visual arrojado, aliado as letras igualmente arrojadas e provocadoras, deixa-nos sempre com vontade de dançar. No registo igual a si, junta o flamenco ao hip-hop, soul e até trap (género musical derivado do hip-hop, num registo mais eufórico).

 

 

 

 

 

Lê Também:
Os 25 Melhores Álbuns de 2021

Quais foram os teus álbuns favoritos de 2022?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.