Moonlight sai vitorioso dos Los Angeles Critics Awards

Depois de ter sido eleito o melhor filme do ano nos Gotham Awards, Moonlight, de Barry Jenkins venceu os principais prémios no Los Angeles Critics Awards.

O críticos continuam a revelar os seus filmes preferidos de 2016. Se na semana passada conhecíamos os vencedores dos Gotham Awards e dos New York Film Critics Circle (Moonlight e La La Land: Melodia de Amor, respetivamente) e os nomeados aos Critics Choice Awards, na noite do passado domingo, 4 de dezembro foi a vez dos Los Angeles Critics Awards. Moonlight, o drama LGBT realizado por Barry Jenkins foi eleito o melhor filme e o melhor realizador do ano, sendo que La La Land ficou em segundo lugar, em ambas as categorias.

Alguns vencedores dos Los Angeles Critics Awards foram completas surpresas. Destaque sobretudo para a presença de Adam Driver (o Kylo Ren de Star Wars: O Despertar da Força e um dos protagonistas do próximo filme de Martin Scorsese), eleito o melhor ator do ano por Paterson, de Jim Jarmusch. Casey Affleck que tem dominado a temporada de galardões acabou em segundo lugar pelo drama familiar Manchester by the Sea. Já Isabelle Huppert continua a ser aplaudida como a melhor atriz do ano, novamente em simultâneo com os seus desempenhos em Ela e O Que Está Por Vir.

Los Angeles Critics Awards
Adam Driver foi eleito o melhor ator de 2016 por Paterson

Entretanto, Zootrópolis, que lidera as nomeações aos Annie Awards foi aparentemente colocado de lado na categoria de melhor filme de animação. Os críticos de Los Angeles preferiram Your Name, o novo sucesso da animé japonesa, e A Tartaruga Vermelha, produzido pelo estúdio Ghibli.

Lê ainda: Moonlight coroado melhor filme de 2016 pelos Gotham Awards

LOS ANGELES CRITICS AWARDS | LISTA COMPLETA DE VENCEDORES

MELHOR FILME: Moonlight
Runner-up: La La Land: Melodia de Amor

MELHOR REALIZADOR: Barry Jenkins por Moonlight
Runner-up: Damien Chazelle por La La Land: Melodia de Amor

MELHOR ATOR: Adam Driver por Paterson
Runner-up: Casey Affleck por Manchester by the Sea

MELHOR ATRIZ: Isabelle Huppert por Ela e O Que Está Por Vir
Runner-up: Rebecca Hall por Christine

MELHOR ATOR SECUNDÁRIO: Mahershala Ali por Moonlight
Runner-up: Issey Ogata por Silêncio

MELHOR ATRIZ SECUNDÁRIA: Lily Gladstone por Certain Women
Runner-up: Michelle Williams por Manchester by the Sea

MELHOR ARGUMENTO: Efthymis Filippou e Yorgos Lanthimos por A Lagosta
Runner-up: Kenneth Lonergan por Manchester by the Sea

MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO: Your Name
Runner-up: A Tartaruga Vermelha 

MELHOR FILME ESTRANGEIRO: The Handmaiden (Coreia do Sul)
Runner-up: Toni Erdmann (Alemanha)

MELHOR DOCUMENTÁRIO: I Am Not Your Negro
Runner-up: O.J.: Made in America

PRÉMIO NOVA GERAÇÃO: Trey Edward Shults e Krisha Fairchild por Krisha

MELHOR MONTAGEM: Bret Granato, Maya Mumma, Ben Sozanski por O.J.: Made in America
Runner-up: Tom Cross por La La Land: Melodia de Amor

MELHOR FOTOGRAFIA: James Laxton por Moonlight
Runner-up: Linus Sandgren por La La Land: Melodia de Amor

MELHOR DIREÇÃO ARTÍSTICA: Ryu Seong-hee por The Handmaiden
Runner-up: David Wasco por La La Land

MELHOR MÚSICA/BANDA-SONORA ORIGINAL: Justin Hurwitz, Benj Pasek, Justin Paul por La La Land: Melodia de Amor
Runner-up: Mica Levi por Jackie

DOUGLAS E. EDWARDS INDEPENDENT/EXPERIMENTAL FILM/VIDEO: “The Illinois Parables,” de Deborah Stratman

PRÉMIO CARREIRA: Shirley MacLaine

Consulta também: Guia das Estreias de Cinema | Dezembro 2016

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *