Foto de afra32 no © Pixabay

Netflix, por que está a descer o número de subscritores em Portugal?

Foi em fevereiro que a Netflix começou o combate às contas partilhadas, incluindo em Portugal, e já há dados que mostram os efeitos desta decisão.

Netflix iniciou em fevereiro o combate à partilha de contas e nas últimas semanas tal tornou-se mais evidente como relatado por vários utilizadores nas redes sociais. Assim sendo, todos aqueles que não vivam na mesma morada da conta principal estão a perder o acesso. Caso queiram continuar, cada elemento extra terá de pagar 3.99 euros por mês.

“Hoje, mais de 100 milhões de residências partilham contas, o que impacta a capacidade de investir em séries e filmes de grande qualidade”, justificou a plataforma.

Ora, de acordo com um novo estudo BStream da Marktest, descortinado pelo Público, o número de subscritores da Netflix está em queda desde o início do ano. Por comparação com o período homólogo de 2022, regista-se uma quebra na ordem dos 13% entre janeiro e abril. Tal coincide com o período em que a plataforma de streaming deu início ao combate à partilha de contas no nosso país.




Vês Netflix no smartphone? Sabe como poupar dados móveis
Foto de cottonbro studio
Lê Também:   Streaming ilegal, as razões por que não deves usar

No entanto, a verdade é que, a nível global, em março, o total de subscritores da Netflix cifrava-se nos 232,5 milhões, um aumento de 1,75 milhões em comparação com o final de 2022.

Durante o evento Upfront 2023, os executivos da Netflix explicaram também que o objetivo passa por trabalhar com os anunciantes para criar novos tipos de publicidade que só possam ser feitas num serviço digital. Por exemplo, um anúncio de 30 minutos exibido ao longo de vários dias, com uma história a desenrolar-se sempre que fosse visto um programa na plataforma.

Lê Também:   Fã de The Witcher? Netflix tem boas notícias

Continuas a ter Netflix mesmo após a proibição de partilha de contas?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *