Óscares 2016 | Sian Grigg, The Revenant

 

A maquilhadora Sian Grigg tem acompanhado Leonardo DiCaprio ao longo da maioria da sua carreira e este ano finalmente recebeu a sua primeira nomeação ao Óscar por The Revenant.

<< Andy Nelson, Star Wars e A Ponte dos Espiões

Quando Meryl Streep arrecadou o seu terceiro Óscar pelo seu trabalho em A Dama de Ferro, a atriz fez questão de salientar no seu discurso a longa e prolífera relação profissional com o seu maquilhador de eleição, J. Roy Helland, que também ganhou um Óscar nessa noite. Streep e Helland tinham vindo a trabalhar juntos em todos os filmes da atriz desde um filme televisivo em 1982, no início da carreira de ambos e mantiveram-se inseparáveis durante as várias décadas que se seguiram.

 

The Revenant Sian grigg
The Revenant

 

Uma narrativa profissional muito semelhante a essa é a da maquilhadora Sian Grigg e Leonardo DiCaprio, sendo que ambos estão nomeados ao Óscar por The Revenant. DiCaprio é o vencedor garantido do galardão para Melhor Ator, mas a vitória de Grigg não é uma certeza, apesar de parecer difícil resistir a esta deliciosa narrativa e lealdade profissional e artística.

Lê Também:
Óscares 2020 | Post-Mortem da Cerimónia e da Temporada de Prémios

Lê Também: TOP Interpretações Leonardo DiCaprio

Antes de começar a trabalhar com o ator de Titanic, Grigg iniciou a sua carreira em vários filmes de época como O Regresso a Howards End e Tom & Viv. Em 1997, Grigg foi parte da enorme equipa de caracterização de Titanic e foi aí que primeiro entrou em contacto com DiCaprio, mas não foi com esse épico que se iniciou a inseparável relação com o ator.

 

Sian Grigg Leonardo DiCaprio
Sian Grigg e Leonardo DiCaprio nas filmagens de J. Edgar

 

Depois do filme de James Cameron, Grigg voltou a participar num filme de imensa projeção e fama em O Resgate do Soldado Ryan, onde a autenticidade e grosseira violência que viriam a caracterizar o seu trabalho em The Revenant já começa a se manifestar na sua carreira. Foi somente a partir de A Praia e Gangues de Nova Iorque que DiCaprio e Grigg se tornaram inseparáveis com a maquilhadora a ser responsável pela aparência do ator em todos os filmes que se seguiram na sua ilustre filmografia.

Lê Também:
Óscares 2020 | Post-Mortem da Cerimónia e da Temporada de Prémios

 

Sian Grigg
Sian Grigg e Alicia Vikander nas filmagens de Ex Machina

 

Apesar de ter criado visões de sedutora elegância em filmes como O Aviador de Martin Scorsese e vistosas transformações como em J. Edgar de Clint Eastwood, The Revenant marca a primeira nomeação desta artista do mundo da maquilhagem de cinema. No filme de Alejandro González Iñarritu, Sian Grigg foi uma das principais responsáveis pela construção da evolutiva aparência do protagonista, que é deixado às portas da morte depois de um ataque de urso mas que se vai recuperando lentamente, mesmo quando tem de suportar no seu corpo a impiedosa violência do mundo natural que o rodeia.

Será que a vitória de Leonardo DiCaprio vai ser acompanhada por semelhante vitória da sua maquilhadora de eleição, ou apenas o ator sairá do Dolby Theatre com um Óscar no próximo domingo?

<< Andy Nelson, Star Wars e A Ponte dos Espiões

 

Cláudio Alves

Licenciado em Teatro, ramo Design de Cena, pela Escola Superior de Teatro e Cinema. Ocasional figurinista, apaixonado por escrita e desenho. Um cinéfilo devoto que participou no Young Critics Workshop do Festival de Cinema de Gante em 2016. Já teve textos publicados também no blogue da FILMIN e na publicação belga Photogénie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *