“Person of Interest” T3E18, Em análise

Fora de Série: episódio 37

Person of Interest – 3X18: “RAM”

Este foi um episódio perfeito. A imensa informação, o passado, o presente e cada uma das personagens interligaram-se de uma forma fluída, encaixando em perfeita sintonia sem deixar espaços para falhas ou situações sem sentido. Com um episódio tão espectacular assim, o seu título não deveria ser “RAM” mas antes “BAM!”.

POI 2
Regressamos a 2010 e deparamo-nos com um diferente “homem de fato”: Dilinger. Já sabíamos que, antes da parceria fantástica com Reese, Finch tinha tido outros parceiros a ajudá-lo mas esta foi a primeira vez que pudemos associar um rosto a essa teoria.
Dilinger é, sem dúvida, eficiente. No entanto, difere-se de Reese em várias das suas decisões e motivações. Não fosse o desfecho do episódio e poderiamos perfeitamente julgar que ele iria ter um papel regular nos próximos episódios.

POI 3
Foram vários os grandes momentos deste episódio. Várias questões foram respondidas. Ficámos a saber o que levou o código da Máquina a ser vendido aos chineses e por que razão Reese e Kara foram considerados alvos a eliminar. O número da semana era mais do que o número da semana. Olhem a ironia: a Máquina dá o número de alguém que está em perigo devido à existência da Máquina.
Porém, no meio das revelações, a maior foi aquele momento em que percebemos que Finch “escolheu” Reese. Quando Reese contraria ordens dos seus empregadores e faz uso do seu senso moral para deixar um inocente viver, Finch percebe que ele será o parceiro ideal para o ajudar com os números.

POI 1
Nos minutos finais, ficámos a saber que Finch já tinha cruzado caminho com Shaw e não de uma forma muito bonita.
E, para terminar bem, o regresso de Root. Já em 2014, alguém bate a uma porta. Root aparece, dizendo à pessoa que têm uma amiga em comum e que está ali para ajudá-lo. Ao que parece, apesar de Dilinger o ter salvo e de Reese o ter deixado viver em 2010, Casey, o número daquela semana fatídica, parece que está de novo em perigo. De facto, uma vez dentro da Máquina, é impossível sair dela, estejamos onde estivermos.

Powered by: APS Portugal / Person of Interest (Portugal)

APS Portugal

Organização sem fins lucrativos, com sede única no facebook (https://www.facebook.com/APS.Portugal) e intitulada de grupo de Administradores das Páginas de Séries (Portugal). Mais de 60 páginas sobre as séries mais mediáticas da actualidade. Um espaço com todas as novidades das séries favoritas dos portugueses e em português.