Salas de cinema Vivacine encerram na Maia, Guarda e Caldas da Rainha

A confirmação do encerramento das salas de cinema Vivacine na Maia, Guarda e Caldas da Rainha chegou na semana passada através de uma  fonte ligada à gerência de um dos multiplexes.

Os três centros comerciais onde as salas estão localizadas pertenciam ao grupo FDO, falido desde 2012. Após esse ano, foram comprados pela ECS Capital sociedade gestora de fundos de capital de risco e de restruturação, tendo sido entregues à Widerproperty que passou a gerir os espaços em novembro de 2015 sob as novas insígnias La Vie (nas Caldas e na Guarda) e Mira Maia (na cidade da Maia).

Lê ainda: Peter Jackson realiza sequela de As Aventuras de Tintin

De acordo com declarações citadas no jornal O Interior, no que respeita ao cinema da Guarda, a Widerproperty está a trabalhar numa alternativa de qualidade (…), para assegurar aos guardenses o acesso a sessões de cinema beneficiando das infraestruturas únicas e de grande qualidade existentes no centro comercial”, tendo-se confirmado, posteriormente, que para o caso das Caldas da Rainha, as intenções são semelhantes.

Até agora, desconhece-se os planos de gerência do Shopping Mira Maia, não existindo em nenhum dos casos, uma data prevista para abertura.

Cátia Santos

Observadora, comunicadora, crítica, muito curiosa, apaixonada pela escrita criativa e informativa. Devoradora de livros e de música, com um especial gosto por tecnologia.

Cátia Santos has 1092 posts and counting. See all posts by Cátia Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *