Scarlett Johansson e Adam Driver | ©Netflix

Scarlett Johansson e Adam Driver na corrida aos Óscares com a Netflix

Scarlett Johansson e Adam Driver são os protagonistas de “Marriage Story,” uma das próximas apostas da Netflix e um forte concorrente à estatueta dourada.

Depois de “Vingadores: Endgame,” Scarlett Johansson será a mulher de Adam Driver em “Marriage Story,” da Netflix. A história não é propriamente de amor, já que incide sobre um casal na fase final do seu casamento e o esforço que é preservar os laços familiares. A uma primeira instância, o filme parece ser algo dentro do estilo de “O Desaparecimento de Eleanor Rigby” e “Kramer contra Kramer,” mas com o toque de humor negro a que Noah Baumbach já nos habitou:

‘Marriage Story’ é uma história de amor que se revela ao mesmo tempo que se desmorona, com estes dois trailers queria mostrar o relacionamento do ponto de vista das duas personagens. Há muitos lados em todas as histórias, e o filme adota diferentes ângulos para encontrar a partilha da verdade.”  – Noah Baumbach, realizador e guionista da longa-metragem

marriage story posters
Em todas as histórias, existem dois pontos de vista… | ©Netflix

Para além de Scarlett Johansson e Adam Driver, o elenco conta ainda com Laura Dern (“Big Little Lies“), Alan Alda  (“A Ponte dos Espiões”), Ray Liotta (“Sin City: Mulher Fatal”) e Julie Hagerty (“Família Instantânea”). Baumbach, nomeado ao Óscar pelo guião de “A Lula e a Baleia,” é o responsável pelo argumento e realização de “Marriage Story” para a Netflix. A longa-metragem irá ser uma presença nos festivais desta temporada, incluindo TIFF e Veneza, e um dos fortes candidatos aos Óscares de 2020.

TRAILER | O QUE EU AMO NA NICOLE (SCARLETT JOHANSSON)

TRAILER | O QUE EU AMO NO CHARLIE (ADAM DRIVER)

“Marriage Story” chega este Outono à Netflix e, ainda que sem data anunciada, a salas de cinema seleccionadas.

Inês Serra

Cresci a ir ao cinema, filha de pais que iam a sessões duplas...Será genético? Devoro livros e algumas séries. Fã incondicional do fantástico e do sci-fi. Gostaria de viver todos os dias com o mote Spielbergiano - "I dream for a living"

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *