Michel David Pires Spencer em "O Fim do Mundo" (2019) © Thera Production

Screenings Funchal | Programação de Novembro 2020

Os Screenings Funchal apresentam um ciclo luso-brasileiro em novembro com obras de Basil de Cunha e Cláudia Varejão.  

Os Screenings Funchal não param de crescer! Para o mês de novembro, mesmo que envolto em algum receio pelo estado de calamidade que se vive no país, o projeto inovador apresentará um ciclo de cinema luso-brasileiro.

Desta forma, os espectadores da Ilha da Madeira poderão conhecer o que melhor tem sido feito nos “dois lados do Atlântico“, por dois países ainda fortemente entrelaçados em termos culturais e, sem exageros, sociais. As obras escolhidas são realizadas por Basil da Cunha, Marília Rocha, Cláudia Varejão e Tião respetivamente. No dia 6 de novembro, “O Fim do Mundo” dá início a este ciclo que termina, por sua vez, com “Animal Político” no dia 28 de novembro. As sessões como habitualmente decorrem nos Cinemas NOS no Fórum Madeira.

As obras selecionadas permite dar voz à nova geração de cineastas, incentivados a divulgar as divergentes personalidades portuguesas e brasileiras. São retratos íntimos que irão obviamente agradar os espectadores que procuram personagens emocionalmente marcantes.

Lê Também:   European Film Challenge | O estranho mundo de Yorgos Lanthimos

Filmes de língua portuguesa dos dois lados do Atlântico

Screenings Funchal
Cartaz com os filmes em destaque dos Screenings Funchal © Screenings

Segundo Pedro Pão, o curado do projeto:

Este ciclo pretende promover algumas das mais recentes e belíssimas obras cinematográficas destes dois lados do Atlântico. Cinematografias que injustamente não são muito divulgadas no nosso país apesar de qualquer uma delas estar num pico de popularidade invejável, a analisar pela presença dos mesmos em grandes festivais e nos importantes prémios que ganham com regularidade.

A MHD mantêm-te atualizado sobre os Screenings Funchal. Para ficares a conhecer toda a programação entra na página do projeto cinematográfico criado por Pedro Pão. 




O Fim do Mundo, 6 e 7 de novembro às 21h

Screenings Funchal
Michel David Pires Spencer em “O Fim do Mundo” (2019) © Thera Production

Depois de passar oito anos numa casa de correcção, o jovem Spira, de 18 anos, regressa a sua casa, na Reboleira, um bairro de lata nos arredores de Lisboa. Aí, reencontra a família, a casa e os amigos de infância. Entretanto, já homem, é com outros olhos que ele observa a Reboleira, a terra onde cresceu. Há muita coisa que continua igual mas nada é imutável, e mesmo a Reboleira não está a salvo de mudanças. Seleccionado para competir no Festival de Locarno (Suíça), um filme dramático escrito e realizado pelo luso-suíço Basil da Cunha que, na edição de 2020 do Festival IndieLisboa arrecadou os prémios Melhor Longa-Metragem Portuguesa e Árvore da Vida.




A Cidade Onde Envelheço, 13 e 14 de novembro às 21h

Screenings Funchal
“A Cidade Onde Envelheço” (2016) © Alambique / Nitrato

Francisca é uma jovem portuguesa que mora há um ano no Brasil. Ela recebe Teresa, uma antiga conhecida com quem já tinha perdido o contacto. Enquanto Teresa vive momentos de descoberta e encantamento com o novo país onde deseja instalar-se, Francisca deseja voltar a Lisboa. O filme acompanha as aventuras de cada uma pela cidade e a profunda amizade que nasce entre ambas, obrigando-as a lidar com desejos simultâneos e opostos.




Amor Fati, 20 e 21 de novembro, às 21h

Screenings Funchal
“Amor Fati” (2020) © Terratreme Filmes

Amor Fati vai ao encontro de partes que se completam. São retratos de casais, amigos, famílias e animais com os seus donos. Partilham a intimidade dos dias, os hábitos, as crenças, os gostos e alguns traços físicos. A partir dos seus rostos e da coreografia dos gestos, descobrimos a história que os enlaça. Assente na vida quotidiana, o filme desenha diante dos nossos olhos um coro de afectos e da memória colectiva de um país, convocado o discurso de Aristófanes no Banquete de Platão: Não será a isto que vocês aspiram — a identificarem-se o mais possível um ao outro, de forma a não mais se separarem noite e dia? Se é essa a vossa aspiração, estou disposto a fundir-vos e soldar-vos numa só peça, de tal modo que, em vez de dois, passem a ser um só.




Animal Político, 27 e 28 de novembro às 21h

Screenings

Uma vaca tenta se convencer de que é feliz. Numa noite, véspera de natal, a vaca confronta-se com uma sensação forte de vazio, algo estranho que ela nunca havia sentido. A crise a faz começar uma jornada por iluminação, em busca do seu verdadeiro eu.

Diz-nos nas redes sociais ou nos comentários abaixo qual destas projeções dos Screenings Funchal estás mais interessado em assistir. 



Também do teu Interesse:


About The Author


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *