Super Junior | ©SM Entertainment

Super Junior | Tudo o que precisas de saber

Regressamos com mais um ‘Tudo o que Precisas de Saber’ de mais um dos grupos mais influentes da industria k-pop, os Super Junior!

Os Super Junior, também conhecidos como SJ ou SuJu, são um grupo sul coreano formado a 6 de Novembro de 2005, por Lee Soo-Man de SM Entertainment. Eles são conhecidos como “King of Hallyu Wave” por causa das suas contribuições ao espalhar k-pop pelo mundo.

1 de 14

O grupo teve 13 membros no alto da sua carreira. Mas o grupo originalmente estreou-se com 12 membros: Leeteuk, Heechul, Hangeng, Yesung, Kangin, Shindong, Sungmin, Eunhyuk, Siwon, Donghae, Ryewook e Kibum. Kyuhyun juntou-se ao grupo em 2006.

História

No início do milénio, a SM Entertainment fez várias audições, incluindo a primeira na China, onde recrutaram Hankyung. Nesse mesmo ano, em Seul, Leeteuk, Yesung e Eunhyuk foram recrutados. Em 2001 foi quando Sungmin e Donghae juntaram-se à companhia. No ano seguinte, Heechul e Kangmin juntaram-se à companhia, tal como Kibum, que foi descoberto em Los Angeles. Siwon tornou-se um trainee em 2003 e Shindong em 2004. Ryewook tornou-se num trainee durante dois meses antes de estrear no grupo.

A maioria dos membros já tinha alguma experiência como atores, modelos e MCs. A ideia para o grupo era que pudesse haver alterações no grupo, com membros a juntar-se ao grupo para o manter jovem e versátil. Este conceito era novo no mercado k-pop.

A 6 de Novembro de 2005, o grupo estreou-se com o single “Twins (Knock Out)”, que veio do seu álbum de estreia “Twins” que só foi lançado em Dezembro.

Em Fevereiro do ano seguinte, Super Junior 05, ou seja a primeira geração do grupo, começou as promoções do segundo single do seu álbum, “Miracle”. Este single começou a chamar a atenção do mercado internacional. Depois dessas promoções, a companhia começou a seleccionar novos membros para a segunda geração do grupo, chegando mesmo a divulgar uma lista dos membros que poderiam sair do grupo. No entanto, este conceito foi abandonado depois de ter adicionado o 13º membro, Kyuhun. Aí o grupo começou a ser conhecido como Super Junior.

Lê Também:
K-Pop vai chegar à MTV Portugal este domingo

Com esta adição, o grupo lançou o single “U” em Maio, este single tornou-se numa das músicas mais populares desse ano na Coreia do Sul.

Em 2006, foram criado o primeiro sub-grupo. Com Super Junior-K.R.Y., com Kyuhyun, Ryeowook e Yesung, que o seu primeiro single foi “The One I Love” para o k-drama “Hyena”. No ano seguinte foi criado o segundo sub-grupo, Super Junior-T, um grupo de trot, basicamente uma versão da nossa música pimba, que incluiu Leeteuk, Heechul, Kangmin, Sungmin, Shindong e Eunhyuk. O seu primeiro single foi “Rokuko”.

O segundo álbum do grupo, “Don’t Don”, era para ter sido lançado em 2006, no entanto acabou por ser lançado em Setembro de 2007. Mas mesmo assim, foi um álbum com muito sucesso comercial embora tenha tido uma mistura de críticas.

Em 2008 foi criado outro sub-grupo, os Super Junior-M, que tinha como membros Hankyung, Siwon, Donghae, Kyuhyun, Ryewook, Henry e Zhou Mi. Embora no início tenha havido algum conflito entre os fãs e a companhia, mas os Super Junior-M foram o sub-grupo com mais sucesso. Com “Super Girl”, atingiram um enorme sucesso. Pouco tempo depois foi criado mais um sub-grupo, que consistiu dos membros de Super Junior-T mais Yesung, formando os Super Junior-H. Este grupo estreou-se com o EP “Cooking? Cooking!”.

super junior magic
Super Junior | ©SM Entertainment

Em Novembro, os Super Junior-T fez a sua estreia no Japão, com uma colaboração com o duo cómico Moeyan, e lançaram o single “ROCK&GO”, que fez um grande sucesso. O grupo fez a sua primeira digressão asiática neste ano com sucesso. Nessa altura foi lançado uma compilação dos singles “Twins/U” com a versão japonesa de “U” no mercado japonês, quebrando recordes.

Lê Também:
BTS, Doja Cat e J Balvin confirmados para os MTV VMA 2020

Já em 2009, foi lançado o terceiro álbum do grupo “Sorry, Sorry”, com o single com o mesmo nome. O single foi um hit instantâneo, sendo agora uma das músicas lendárias do k-pop. Após o sucesso do álbum, o grupo seguiu para a sua segunda digressão asiática.

Embora o grupo tenha encontrado sucesso, o grupo foi assombrado com turbulências legais e mudanças nos membros, como por exemplo Kibum foi anunciado que iria participar na digressão mas acabou por não o fazer e anunciou que iria deixar o grupo temporariamente para trabalhar na sua carreira de ator. Em Outubro, Kangin foi acusado de conduzir embriagado e bateu num táxi com 3 passageiros, fugindo de seguida. Em Dezembro de 2009, Hankyung decidiu terminar o seu contrato com a SM Entertainment e Kangin anunciou uma pausa para cumprir o seu serviço militar.

Agora com 10 membros, o grupo lançou o seu quarto álbum “Bonamana”, em Maio de 2010. Embora não tenha tido o enorme sucesso de “Sorry Sorry” mas foi bem recebido. Para promover o álbum, o grupo fez a sua terceira digressão asiática. O grupo lançou a versão japonesa de “Bonamana” em Junho de 2011, no entanto este não foi considerado como a estreia do grupo no mercado japonês pela companhia.

Entre as paragens da digressão, o grupo também participou na digressão SM Town Live’10 World Tour em Los Angeles, Paris, Tóquio e Nova Iorque, ao lado de outros grupos da companhia. Esta foi a primeira vez que o grupo atuou fora da Ásia. Foi a partir daí, que o grupo ganhou um grande reconhecimento pelo mundo.

No final do ano de 2011, o grupo lançou “Mr. Simple”, com o single com o mesmo nome. No entanto, em Setembro, Heechul foi cumprir o seu serviço militar. A versão de “Mr. Simple” em japonês, que também não foi considerado como a estreia do grupo no país pela companhia.

1 de 14

Ana Inês Carvalho

Licenciada em História de Arte. Viciada em filmes e música, em especial k-pop, e também wrestling.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *