A sequência de ‘carros zombie’ de Velocidade Furiosa 8 explicada ao pormenor

Uma das cenas mais faladas do novo filme de Velocidade Furiosa é sem dúvida os ‘carros zombie’, como são apelidados pela produção. 

A saga produzida por Vin Deasel é caracterizada por carros, muitos carros. As sequências de corrida e de ação têm o hábito “encher” o olho dos espetadores, com grandes perseguições, explosões e reviravoltas.

E o oitavo capítulo de Velocidade Furiosa não fugiu à regra. O momento mais falado do novo filme é relativo aos “carros zombies”. Nesta sequência, a vilã do filme, Cipher (Charlize Theron), consegue piratear uma série de carros e coloca os seus hackers a dirigir os carros autónomos em Manhattan, tornando-os no seu exército de drones. Esta cena assemelha-se a um assalto em piloto automático como nunca foi realizado antes.

Lê também: 2017, o ano das sequelas

Tal como acontece na maioria do filme, a sequência foi gravada com carros verdadeiros e com condutores de carne e osso. Então, as viaturas foram verdadeiramente atiradas de um edifício. Em títulos anteriores, já se tinha assistido a uma cena em que vários carros foram atirados de um avião e caíram de para-quedas e outra em que um carro saltou de um arranha-céus para outro no Dubai.

Lê Também:
Atomic Blonde – Agente Especial, em análise

Nos dois clips seguintes, é explicado como o realizador F. Gary Gray (Straight Outta Compton) e a produção conseguiram preparar a sequência dos “carros zombie”.

VÍDEOS | Velocidade Furiosa 8

Velocidade Furiosa 8 já estreou a 13 de abril. Estão previstos mais dois títulos da saga. 



Sobre Catarina Fernandes

Licenciada em Ciências da Comunicação, é apaixonada por Literatura, Televisão, Música e Cinema (em especial pela sua história). Fotógrafa amadora.