Bandas Sonoras | Ennio Morricone em The Hateful Eight, novo filme de Tarantino

 

O compositor Ennio Morricone regressa aos westerns, passados 40 anos, pela mão de Quentin Tarantino, no seu novo filme The Hateful Eight, não sendo a primeira colaboração (nem a última, esperemos) entre os dois. A Magazine HD recorda a obra daquele que é responsável por mais de 500 composições para cinema e televisão.

Foi durante o Comic-Con em San Diego, no passado dia 11 de Julho, que Tarantino revelou que Morricone fará a banda sonora original do seu novo filme, The Hateful Eight. O filme está previsto ter estreia no Natal, nos EUA, numa versão em 70 mm, tendo estreia oficial em widescreen prevista para Janeiro.

 

the hateful eight

Lê mais: Channing Tatum e Demian Bichar no western de Quentin Tarantino

Os dois trabalharam anteriormente em filmes como Kill Bill: Vol. 1 (2003), Kill Bill: Vol.2 (2004), Inglorious Basterds (2009), e a sua última parceria foi com Django Unchained (2012).

 

  • Título Original: Django Unchained
  • Realização: Quentin Tarantino
  • Ano: 2012

Lê mais: Django Libertado, em análise

Cinco vezes nomeado a Óscar, Morricone, nasceu em Roma, Itália em 1928 e compôs a sua primeira música com 6 anos. Foi colega de Sergio Leone, o rei dos “westerns spaghetti”, e teve vários filmes emblemáticos do género, em colaboração com o realizador, incluindo A Fistful of Dollars (1964), For a Few Dollars More (1965), e o icónico The Good, The Bad And The Ugly (1966).

  • Título Original: Il Buono, Il Brutto, Il Cattivo
  • Realização: Sergio Leone
  • Ano: 1966

A última colaboração Leone-Morricone foi com Once Upon a Time in America (1984), filme que valeu ao compositor uma nomeação para os Globos de Ouro, para Melhor Banda Sonora Original.

  • Título Original: Once Upon a Time in America
  • Realização: Sergio Leone
  • Ano: 1984

O compositor também escreveu para realizadores como John Carpenter, Barry Levinson, Mike Nichols, Oliver Stone, Brian De Palma, para quem fez a banda sonora de The Untouchables (1987), e Giuseppe Tornatore, com Cinema Paradiso (1988).

  • Título Original: The Untouchables
  • Realização: Brian De Palma
  • Ano: 1987

 

  • Título Original: Nuovo Cinema Paradiso
  • Realização: Giuseppe Tornatore
  • Ano: 1988

Lê mais: Cinema Europeu? Sim, por favor | Cinema Paraíso

Marcado pela mistura de instrumentos, como sinos, guitarra, vozes femininas de coro, juntamente com instrumentos clássicos – violino, piano, tambor, Ennio Morricone ganhou um Leão de Ouro, prémio carreira, em 1995 no Festival de Veneza, e um Óscar em 2007, pelas suas contribuições “magníficas e multifacetadas para a arte da música de cinema”, estatueta entregue por Clint Eastwood.

Ennio Morricone

 

 

Andreia Lola Lourenço

Produtora . Licenciada em Cinema e Televisão . Full-time dreamer . Movida por filmes, séries, livros e todas as áreas criativas em geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *