#FreeTyrion: Poderoso discurso de Peter Dinklage torna-se viral

 

No último episódio de “Game of Thrones” (A Guerra dos Tronos), “Laws of Gods and Men”, Tyrion Lannister foi a julgamento pelo assassinato do Rei Joffrey. O veredicto? Culpado. Sim, Peter Dinklage é culpado de mais uma brilhante atuação, que inspirou os animados fãs da série da HBO a criar a já viral hashtag # FreeTyrion e a clamar mais um Emmy para o ator.

gameofthrones1498-1399668518

É certo que as coisas nunca correm exatamente como deveriam em Westeros (especialmente quando se trata de grandes eventos) e o julgamento de Tyrion é uma farsa total, em que as testemunhas chamadas mentem descaradamente para fazê-lo parecer culpado perante o júri (igualmente pouco imparcial) presidido por Tywin Lannister. À amarga traição de Shae segue-se a dramática confissão Tyrion: “Eu sou culpado de um crime muito mais monstruoso. Eu sou culpado de ser um anão”, é uma linha que certamente não será esquecida tão cedo! A cena termina com Tyrion a invocar de um “julgamento por combate”, deixando-nos com uma série de questões: Há alguma chance de Tyrion vencer o confronto? Quem será o seu campeão? Qual o destino de Shae?

Lê Também:   Há ótimas notícias para todos os fãs de Game of Thrones

game-of-thrones-2

Por agora, fiquem com aquele que já foi denominado de “o mais poderoso monólogo” ouvido pelos fãs de “Game of Thrones”:

One thought on “#FreeTyrion: Poderoso discurso de Peter Dinklage torna-se viral

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *