© Edições Colibri

Luzes distantes, vozes perdidas é o novo livro de João de Mancelos

“Luzes distantes, vozes perdidas” é o mais recente livro de João de Mancelos, autor premiado diversas vezes em concursos literários.

Sucessor de obras como “O Pó da Sombra” (2014) e “O Teu Nome Incendiado de Azul” (2016), o novo livro de João de Mancelos foi publicado pela Edições Colibri. Desta vez, o autor traz-nos 62 haicai (ou haiku), que primam pela musicalidade e beleza metafórica, próxima à estética da poesia oriental.

Lê Também:
Livros a não perder | Seleção de outubro 2019 by MHD

“Luzes distantes, vozes perdidas” está dividido em cinco partes, nomeadamente, “o último verão da adolescência”, “as memórias, pássaros invisíveis”, “breves notas sobre o silêncio”, “boca a boca” e “poemas de lume”. No final, cada secção evoca outros tempos e outros lugares, num estilo permeado pelo lirismo e pelo talento de uma voz impar da poesia portuguesa.

João de Mancelos é investigador no Centro de Línguas, Literaturas e Culturas da Universidade de Aveiro e docente na Faculdade de Artes e Letras da Universidade da Beira Interior. Premiado em diversos concursos literários, o autor consta de várias antologias nacionais e internacionais, e alguns dos seus textos foram alvo de adaptação a teatro, em Portugal e no Brasil.

Contudo, para além de obras literárias, o autor já lançou livros dedicados à arte, nomeadamente, “Como escrever um guião para curta-metragem“, “Introdução à narrativa cinematográfica”, “Todas as cores da América: A literatura multicultural”, “Mulheres fatais, detetives solitários e criminosos loucos: Estudos sobre cinema”, “Manual de Guionismo”, “Manual de Escrita Criativa”,  “Introdução à Escrita Criativa” e “O marulhar de versos antigos: A intertextualidade em Eugénio de Andrade”.

CAPA | LUZES DISTANTES, VOZES PERDIDAS

Luzes distantes, vozes perdidas
© Edições Colibri

Já tiveste oportunidade de ler alguma das obras deste autor?

Ângela Costa

Mestre em Cinema pela Universidade da Beira-Interior, sou apaixonada pelo cinema japonês e toda a cultura que o envolve. Adoro igualmente fotografia e se tiveres curiosidade passa no meu Instagram ;) Música e videojogos são dois outros grandes interesses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *