Meryl Streep é acusada de ser cúmplice de Harvey Weinstein

Cartazes de Meryl Streep foram espalhados por toda Los Angeles insinuando que a actriz sabia a verdade sobre Harvey Weinstein.

Um artista de rua anónimo vestiu a cidade de L.A. com cartazes com a imagem de Meryl Streep, na qual a actriz aparece ao lado de Harvey Weinstein com uma venda nos olhos onde se pode ler a fase “She Knew”, ela sabia. De acordo com o The Hollywood Reporter, muitos dos cartazes foram espalhados junto da casa de Streep em Pasadena, perto do edifício SAG-AFTRA no Mid-Wilshire, e ao longo do quarteirão da 20th Century Fox na Century City.

Lê Também:
Filmes e séries afetados pelas denúncias de assédio sexual em Hollywood

Os cartazes surgem uma semana depois de Rose McGowan se ter manifestado no Twitter sobre a hipocrisia de algumas actrizes que planeiam vestir preto na cerimónia dos Golden Globes, como forma de protesto contra os escândalos sexuais em Hollywood. Streep está entre as actrizes apontadas por McGowan, que supostamente sabiam o que se passava.

Meryl Streep Weinstein

Meryl Streep contestou, ontem num comunicado via The Huffington Post, o agora apagado tweet de McGowan, citando que as palavras e o ataque da actriz a magoaram. Afirmou ainda que não sabia dos crimes de Weinstein, não nos anos 90 quando ele a atacou, nem durante as décadas em que ele continuou a agredir outras. “Eu não me mantive deliberadamente em silêncio”, escreveu a actriz, “Eu não sabia. Eu não aprovo violações. Eu não gosto de ouvir que jovens foram atacadas. Eu não sabia que isto estava a acontecer.”

Acreditas que Streep possa estar a encobrir Weinstein?

Inês Serra

Cresci a ir ao cinema, filha de pais que iam a sessões duplas...Será genético? Devoro livros e algumas séries. Fã incondicional do fantástico e do sci-fi. Gostaria de viver todos os dias com o mote Spielbergiano - "I dream for a living"

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *