Morreu Richard Glatzer, co-realizador e argumentista de O Meu Nome é Alice

Richard Glatzer, o co-argumentista e e realizador de “Still Alice”, morreu esta terça-feira em Los Angeles. Glatzer lutava contra a Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) diagnosticada em 2011, e deixa o seu marido, Wash Westmoreland (com quem realizou e escreveu o seu último filme), e filha, Ruby Smith. Tinha 63 anos.

Apesar da sua condição, Richard Glatzer terminou  “O Meu Nome é Alice” com a ajuda de Westmoreland, usando para isso uma aplicação para iPad que convertia texto em voz, durante as filmagens.

LER MAIS: O Meu Nome é Alice, em análise

Ele e Westmoreland viram Julianne Moore a ganhar o seu Óscar de Melhor Atriz em conjunto num hospital.

Pouco depois de saber a notícia da sua morte, Moore escreveu no Twitter: “Adoro-te Richard.” “Estou devastado. Rich’ era a minha alma gémea, o meu colaborador, o meu melhor amigo e a minha vida“, disse Westmoreland num comunicado divulgado à Associated Press.

 

 

Daniel E.S.Rodrigues

Sonho como se estivesse num filme de Wes Anderson, mas na verdade vivo no universo neurótico de Woody Allen. Sou obcecado pela temporada de prémios, e gostaria de ter seguido a carreira de cartomante para poder acertar em todas as previsões dos Óscares, Globos de Ouro (da SIC), Razzies, Troféus TV7 Dias e Corpo do Ano Men's Health. Mas, nesse universo neurótico e imperfeito em que me insiro, acabei por me tornar engenheiro. Sigam-me no Instagram para mais bitaites sobre Cinema, Música, Fotografia e outras coisas desinteressantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *