Gwen Capistran - © Public House Rights LLC.

MOTELX ’22 | Os destaques da programação

O MOTELX – Festival Internacional de Cinema de Terror de Lisboa regressa a 6 de setembro ao Cinema São Jorge com a sua 16ª edição e a MHD dá-te os destaques da programação.

A 16ª edição do festival acontecerá durante 7 dias e mais de 100 filmes de terror de diversas geografias serão exibidos. As primeiras novidades já foram divulgadas, mas depois de ter sido anunciada a programação completa decidimos trazer-te os destaques. Entre eles estão a sessão de abertura, que é sempre uma sessão muito preenchida, e diversas estreias nacionais e mundiais. Olhemos para algumas das obras mais antecipadas na secção Serviço de Quarto, a principal do MOTELX, e na competição pelo Prémio Melhor Longa Europeia (Prémio Méliès D’Argent).

CERIMÓNIA DE ABERTURA DO MOTELX 22 – “Bodies Bodies Bodies” (2022)

6 DE SETEMBRO ÀS 21H30 NO CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA

bodies bodies bodies motelx
Gwen Capistran – © Public House Rights LLC.

A 6 de setembro, pelas 21h30, na Sala Manoel de Oliveira do Cinema São Jorge, acontece a Cerimónia de Abertura da 16ª edição do MOTELX.

“Bodies Bodies Bodies”, o segundo filme realizado por Halina Reijn, conta com a distribuição da popular A24 e trata-se de um “slasher de verão da geração Z sobre um grupo de jovens ricos que planeia uma festa que corre muito mal:

O nome do filme e a brincadeira nele retratado são baseados num jogo bastante popular, chamado “Body Body”, no qual os jogadores se escondem num quarto escuro enquanto o assassino os “mata” ao tocar neles, vencendo se conseguir matar o grupo inteiro.

A estreia comercial, em Portugal, ainda não foi divulgada. Por isso, esta exibição no festival servirá como antestreia para os fãs ansiosos.




SECÇÃO SERVIÇO DE QUARTO – POLARIS (2022)

7 SETEMBRO ÀS 16H50 NO CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA

polaris motel x
©Motelx

Por falar em estreia nacional, também chegará através do MOTELX o filme “Polaris”, a segunda longa-metragem da realizadora canadiana Kirsten Carthew estreada na sessão de abertura do Fantasia, em Montreal.

Trata-se de uma fantasia distópica de um mundo pós- apocalíptico classificado pela crítica como um “Mad Max do Ártico” e descrito pela realizadora como “um thriller de sobrevivência 100% feminino”:

Situado no ano de 2101, tendo como pano de fundo um deserto subárctico, Sumi, uma criança humana criada por uma ursa polar, escapa por pouco da captura de um brutal grupo de caça Morad, e foge pela vasta paisagem de Inverno. Quando Sumi depara com uma rapariga congelada, uma amizade improvável é forjada, e juntas correm à frente dos caçadores vingativos em direcção à única luz-guia que Sumi conhece: a estrela Polaris.




SECÇÃO SERVIÇO DE QUARTO – CANDY LAND (2022)

7 DE SETEMBRO ÀS 23H50 – CINEMA SÃO JORGE – SALA 3 & 12 SETEMBRO ÀS 23H55 – CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA

candy land motelx
©Motelx

A longa-metragem estreou mundialmente no Festival de Locarno e agora estreia em Portugal, em exclusivo, no MOTELX.

‘Candy Land’ segue Remy, uma jovem aparentemente ingénua e devota que é expulsa do seu culto religioso. Sem ter para onde ir, mergulha no mundo subterrâneo das trabalhadoras de sexo nas estações de camiões, também conhecidas como “lot lizards”, pela mão dos seus anfitriões, Sadie, Riley Liv e Levi. Sob o olhar atento da sua matriarca, Nora, e do enigmático homem da lei local, o Xerife Rex, Remy navega entre o seu tenso sistema de crenças e o código das lot lizards para encontrar a sua verdadeira vocação na vida.”

Destilando gore, sexo e fanatismo religioso, este filme de John Swab tem como protagonistas um grupo marginalizado e mete o dedo na ferida do Sonho Americano, ao mesmo tempo que recupera alguma crueza estética própria dos exploitations dos anos 70.




COMPETIÇÃO INTERNACIONAL – PRÉMIO MOTELX – MELHOR LONGA DE TERROR EUROPEIA/ PRÉMIO MÉLIÈS D’ARGENT

CRIANÇA LOBO (2022)

8 DE SETEMBRO ÀS 19H00 – CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA & 9 DE SETEMBRO ÀS 21H10 – CINEMA SÃO JORGE – SALA 3

criança lobo
©Motelx

Na lista de cinema europeu em competição está o filme “A Criança Lobo”, em estreia mundial, realizado por Frederico Serra que 16 anos após “Coisa Ruim” volta às lendas e tradições do Portugal profundo:

Numa assustadora aldeia portuguesa, há uma lenda. A lenda da criança lobo. Desejada e nascida numa noite de lua cheia, tudo começou quando uma jovem camponesa, desesperada por um filho, pediu um desejo a uma criatura da floresta. O desejo? Uma criança que pudesse chamar sua. Mas a criatura da floresta amaldiçoa a mulher. Quando crescer, a criança vai trazer dentes e sangue para a aldeia. Os anos passam, a criança torna-se homem, atormentado e perseguido pelos aldeões, dividido entre a sua natureza animalista e uma amizade com uma jovem bruxa. O rapaz tem de descobrir quem, ou o que é. Juntos, a criança-lobo e a bruxa vão tentar quebrar a maldição e encontrar o seu lugar no mundo.”




SECÇÃO SERVIÇO DE QUARTO –  DARK GLASSES (2022)

8 DE SETEMBRO ÀS 21H20 NO CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA

dark glasses motelx
©Motelx

A secção “Serviço de Quarto” é a principal secção do festival, onde são apresentadas as melhores longas-metragens de terror feitas nos últimos dois anos nos quatro cantos do Mundo.

O filme do aclamado Dario Argento “Dark Glasses” integra-se na programação deste ano, sendo apresentado pelo próprio realizador, um dos convidados ilustres desta edição.

Um eclipse cobre o Sol, escurecendo os céus de Roma num dia quente de Verão. Ao fugir de um assassino em série, Diana, uma jovem acompanhante, envolve-se num acidente de aviação e perde a visão. Passado o choque inicial, está determinada a lutar pela vida, mas já não está sozinha. A defendê-la — e a substituir os seus olhos — surge Chin, um miúdo que sobreviveu ao acidente. O assassino continua a perseguir a sua vítima.”

Dario Argento (convidado especial do MOTELX 2012) recuperou um projecto antigo de um giallo que não tinha conseguido produzir. “Dark Glasses” representa, de acordo com o Mestre do Terror italiano, o culminar do seu percurso como autor. Estreou-se na Berlinale deste ano.

A estreia comercial do filme em Portugal acontecerá a 15 de setembro.




COMPETIÇÃO INTERNACIONAL – PRÉMIO MOTELX – MELHOR LONGA DE TERROR EUROPEIA/ PRÉMIO MÉLIÈS D’ARGENT

WOLFKIN (2022)

9 DE SETEMBRO ÀS 19H00 – CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA & 10 DE SETEMBRO ÀS 14H40 – CINEMA SÃO JORGE – SALA 3

wolfkin
©Motelx

“Wolfkin”, com estreia mundial no festival londrino de cinema – Fright Fest – é a segunda longa-metragem do realizador Jacques Molitor. Pela primeira vez chega à Seleção Oficial do MOTELX uma longa-metragem do Luxemburgo.

Elaine, uma mãe solteira residente em Bruxelas, está a educar o seu filho, Martin, que tem vindo a demonstrar um comportamento estranho e incontrolável. Quando o rapaz morde um dos seus colegas de escola, Elaine, desesperada por respostas, leva-o a visitar os seus avós paternos no campo. Mas é lá que, com o passar dos dias, ela vai descobrindo a verdadeira natureza desta família. Elaine, aos poucos, vê-se perante a escolha de ter de aceitar a verdadeira natureza de Martin ou lutar pelo destino do seu filho.”




SECÇÃO SERVIÇO DE QUARTO – SILENT NIGHT (2022)

9 SETEMBRO ÀS 21H40 NO CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA

silent night
©Motelx

Trata-se da primeira longa-metragem de de Camille Griffin e tem o seu filho, Roman Griffin Davis (“Jojo Rabbit”) como um dos protagonistas, a quem se juntam nomes como Keira Knightley, Matthew Goode e Lily Rose-Depp.

Nell e Simon e os seus filhos Art, Hardy e Thomas preparam o jantar de Natal que organizam anualmente com os seus amigos mais próximos. O clima é de festividade, mas há uma pequena inconveniência que ninguém consegue largar: a destruição iminente da Humanidade está prestes a chegar através de uma nuvem de gás venenosa, que tem destruído todas as formas de vida por ela atingidas. Porém, enquanto esta nuvem não chega, o ambiente é de alegria e nostalgia. Os velhos amigos riem, discutem, confessam-se e bebem (muito), para desviar as atenções da catástrofe que está ao virar da esquina.”




SECÇÃO SERVIÇO DE QUARTO – SOMETHING IN THE DIRT (2022)

10 DE SETEMBRO ÀS 19H10 – CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA & 11 DE SETEMBRO ÀS 14H25 – CINEMA SÃO JORGE – SALA 3

something in the dirt
©Motelx

Os americanos Aaron Moorhead e Justin Benson também serão uma presença ilustre no festival. Conhecidos pelo seu cinema independente e recentemente pelo filme mainstream “Synchronic” e uma série da Marvel (“Moon Knight”), vão apresentar a longa-metragem “Something in the Dirt”.

Levi consegue um apartamento a custo zero em Hollywood Hills para dormir, enquanto tenta atar as pontas soltas após a sua fuga para Los Angeles, estabelecendo de imediato uma amizade com o seu novo vizinho, John. Um dia, John e Levi testemunham algo impossível da janela de um dos seus apartamentos. Inicialmente horrorizados, acabam por dar conta de que o que presenciaram pode mudar as suas vidas, e dar-lhes propósito. Com cifrões nos olhos, estes dois tipos anónimos tentarão provar o sobrenatural.”

A obra não apresenta ainda data de estreia em território nacional, sendo esta uma oportunidade única para a sua visualização.




COMPETIÇÃO INTERNACIONAL – PRÉMIO MOTELX – MELHOR LONGA DE TERROR EUROPEIA/ PRÉMIO MÉLIÈS D’ARGENT

O CORPO ABERTO (2022)

10 DE SETEMBRO ÀS 21H55 NO CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA

o corpo aberto motelx
©Motelx

Este ano, a seleção Méliès d’argent – Melhor Longa Europeia, destaca ainda a estreia mundial da produção ibérica “O Corpo Aberto” (Espanha, Portugal), realizado por Ángeles Huerta. Um folk horror com os atores nacionais: Victoria Guerra e José Fidalgo.

1909. Miguel, um jovem professor, é destinado a uma pequena cidade serrana na fronteira entre Espanha e Portugal: Lobosandaus, um lugar inóspito, habitado por pessoas distantes e com tradições remotas. Não parece o lugar ideal para alguém como Miguel, obstinado em difundir luz e conhecimento entre os seus alunos. Mas a razão não pode dominar o desejo e, à medida que o inverno avança, Miguel sente como a escuridão toma conta de tudo ao seu redor enquanto cresce o seu fascínio pela enigmática Dorinda. A morte inesperada de um habitante causará um grande impacto na cidade e abrirá as portas para uma presença estranha e fantasmagórica.”




SECÇÃO SERVIÇO DE QUARTO – FINAL CUT (2022)

11 SETEMBRO ÀS 18H05 NO CINEMA SÃO JORGE – SALA MANOEL DE OLIVEIRA

final cut motel x
©Motelx

Esta longa-metragem de Michel Hazanavicius trata-se de um remake do filme de Shin’ichirô Ueda “One Cut of the Dead”, vencedor do Prémio do Público no MOTELX 2018.

Nesta refilmagem há participações de grandes nomes do cinema francês como Bérénice Bejo:

Num prédio abandonado, a rodagem de um filme série B de zombies está prestes a descambar. O realizador (Romain Duris) é odiado pela equipa e elenco, dado o seu comportamento desprezível, levando-os ao limite, quando revela o seu plano de agitar o projecto: libertar uma maldição zombie. Num plano-sequência frenético em que membros e fluidos voam, os actores lutam contra os mortos-vivos e o realizador pelas suas vidas.”

Rafaela Teixeira

Olá! Sou a Rafaela! Saibam mais sobre mim em http://beacons.ai/megacult. rafasantosteixeira@hotmail.com

Rafaela Teixeira has 77 posts and counting. See all posts by Rafaela Teixeira

0 thoughts on “MOTELX ’22 | Os destaques da programação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.