Óscares® | Alguns Records

 

Muitas são as curiosidades e recordes a assinalar ao longo de 86 edições dos Óscares

Por detrás do glamour da cerimónia de entrega dos Prémios da Academia®, que honram as obras de cinema mais proeminentes, existe uma logística complexa da autoria da Academia Americana de Artes e Ciências Cinematográficas.

Aquela que é, hoje, uma das cerimónias mais famosas do mundo – transmitida em direto pela televisão em mais de 200 países – teve lugar pela 1ª vez em maio de 1929, no Hotel Roosevelt, em Hollywood, depois de um jantar privado a que compareceram 270 pessoas.

O anúncio dos vencedores terá durado apenas 15 minutos, tendo o filme Asas sido considerado o Melhor Filme, portanto, foi a primeira longa-metragem a receber a estatueta dourada na categoria de Melhor Filme. Tratava-se de um filme de 1927 (a primeira atribuição destes prémios de mérito reconheceu filmes dos dois anos anteriores), cujo enredo girava à volta de um triângulo amoroso com a Primeira Guerra Mundial em pano de fundo.

Lê também: A Caminho dos Óscares 2015

 

Lê Também:   Bruce Willis está entre os grandes destaques de Março na Televisão

O filme O Vale Era Verde foi realizado por John Ford que detém o título de realizador mais premiado dos Óscares®, com 4 prémios. O filme foi o que lhe valeu a terceira estatueta dourada, tendo ainda, depois deste, em 1953, ganho outro.

Joseph Ruttenberg é o Diretor de Fotografia mais premiado dos Óscares®, tendo, em 10 nomeações, conseguido 4 estatuetas. Gigi, um Musical protagonizado por Leslie Caron, foi o filme com o qual alcançou, em 1959, o seu 4º Prémio da Academia, uma obra que, no total arrecadou 9, entre os quais o de Melhor Filme.

Edith Heath (Sansão e Dalila e Férias em Roma), foi  a mulher mais premiada de sempre. A figurinista californiana arrecadou 8 estatuetas douradas, durante uma longa carreira em que se contam mais de quatro centenas de filmes.

Lê também: As (In)justiças dos Óscares

 

Katharine Hepburn é, até à data, a que mais Óscares® de Melhor Atriz ganhou. O primeiro foi arrecadado em 1934 e 34 anos depois, com Adivinha Quem Vem Jantar conseguiu o 2º, logo no ano seguinte o 3º e em 1982 o 4º. Depois do filme com que conseguiu a sua 4ª estatueta, só fez mais dois filmes, tendo-se retirado do panorama da Sétima Arte em 1994!

Lê Também:   Vencedores dos Independent Spirit Awards | Vidas Passadas triunfa em noite polémica cheia de surpresas

Aos 67 anos, Dennis Muren é a pessoa viva mais premiada dos Óscares®. O Micro-Herói é um dos 6 filmes pelos quais recebeu prémios de mérito na categoria Melhores Efeitos Visuais.

Em toda a história dos Óscares® só houve três filmes a conseguir reunir os prémios das 5 categorias consideradas mais importantes e o último foi O Silêncio dos Inocentes, em 1992, que arrecadou as estatuetas para Melhor Filme, Melhor Ator (Anthony Hopkins), Melhor Atriz (Jodie Foster), Melhor Realizador (Jonathan Demme) e Melhor Argumento.

Lê também: Óscares 2015 | Os números

 

Rick Baker foi sete vezes vencedor para Melhor Caracterização e 12 vezes nomeado ao longo de 30 anos. Ganhou há cerca de dois anos uma estrela no Passeio da Fama de Hollywood.

Meryl Streep é de longe a atriz mais nomeada (18 vezes), tendo sido em 2014 nomeada na categoria de Melhor Atriz, pelo papel que desempenhou no filme Um Quente Agosto.

 

Lê também: Óscares 2015 | Faça as suas apostas!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *