Cr. Paulo Goulart / Netflix © 2022

Rabo de Peixe | Habitantes não estão contentes com a série

“Rabo de Peixe”, a nova série portuguesa da Netflix não agradou todos. Há habitantes que estão descontentes com a produção. Descobre neste artigo o motivo. 

À partida o sucesso da nova série portuguesa da Netflix, “Rabo de Peixe”, é positivo para a visibilidade do país, nomeadamente da região dos Açores retratada, localizada na ilha de São Miguel.

E não há dúvidas que devido à produção o turismo tem aumentado e a câmara municipal da Ribeira Grande até está a procurar desenvolver um guia turístico dos locais que aparecem na história. No entanto, há habitantes da zona que estão descontentes e afirmam que a narrativa transmitida pelo streaming “dá má impressão” à vila.

Lê Também:   Rabo de Peixe | Diferenças entre a realidade e a ficção

Baseada num naufrágio verídico, que levou meia tonelada de cocaína até às margens de Rabo de Peixe – no munícipio da Ribeira Grande -, a série mostra “quatro amigos cuja vida mudou para sempre”.




A Sic Notícias e o Expresso investigaram com que olhos os moradores da zona viram a série e perceberam que, de forma unânime, não gostaram por criar uma “má impressão”, por exemplo, devido à quantidade de asneiras ditas no decorrer da narrativa. Há até quem tenha afirmado que tudo o que é mostrado nada tem a ver com Rabo de Peixe e há até paisagens mostradas que não são do local.

Apesar das duras críticas dos habitantes da região, a obra de ficção com assinatura de Augusto Fraga quebrou recordes e chegou ao top 10 de vários países.

O sucesso foi tal que já está prevista uma segunda temporada na plataforma que promete voltar a colar pessoas de todo mundo ao ecrã.

TRAILER | “RABO DE PEIXE” ALCANÇOU O TOP DE VÁRIOS PAÍSES

Qual a tua opinião sobre a série?



Também do teu Interesse:


About The Author


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *