Tour d’ France | O Guia

 

Apresentamos o guia de uma das provas mais importantes do calendário desportivo o Tour d’France. Podes acompanhar a acção desta prova nos canais Eurosport de 4 a 26 de julho.

Na edição deste ano a partida é feita na Holanda a que acresce a passagem pela Bélgica. Uma das competições mais importantes do calendário desportivo está prestes a começar com vários pontos de interesse e que promete um grande espectáculo.

O cartaz está recheado de grandes nomes do ciclismo. Confirmados já estão o vencedor de 2013, Christopher Froome, o vencedor da camisola da montanha e da juventude de 2013, Nairo Quintana, e ainda o vencedor da edição de 2011, Alberto Contador.

Alejandro Valverde é um dos ciclistas em melhor forma, considerando o que já foi disputado, na temporada tentando um possível pódio neste Tour d’France, apesar de ter na sua equipa Nairo Quintana.

No que diz respeito ao percurso não podemos esquecer a etapa com final no Mur de Huy, subida ou colina, conforme as preferências, bem conhecida das clássicas das Ardennas. A lembrar também a chegada a Pra Loup que fez parte da edição do Critérium du Dauphiné.

Não faltam as habituais passagens por montanhas icónicas e lendárias que já proporcionaram imensas histórias no Tour d’France tais como o Alpe d’ Huez. Mas a lista não fica por aqui. Pode-se acrescentar Col d’Aspin, Col Portet d’-Aspet, Plateau de Beille, Col du Tormalet, Col du Gladon, Col de la Croix de Fer, Col du Telegraphé, Col du Galibier.

 

FAVORITOS

Christopher Froome
Christopher Froome

Vencedor da edição de 2013. Entra com a motivação em alta depois da exibição no Critérium do Dauphiné onde conquistou a vitória na classificação geral. Uma sucessão de quedas levou a que abandona-se o Tour em 2014. Agora volta com um novo plano para executar.

alberto-contador-2
Alberto Contador

Venceu a edição deste ano do Giro d’Italia sem deixar margem para dúvidas. Em 2014 teve de abandonar o Tour por queda. A vitória no Giro pode servir como um bom tónico para entrar na disputa dos lugares cimeiros desta edição do Tour.

vincenzo-nibali
Vincenzo Nibali

Defende o título conquistado em 2014. No Critérium du Dauphiné chegou a envergar a camisola amarela, símbolo da liderança da prova, mas acabou por não conseguir manter essa classificação. Mas em 2014 a sua condição física à entrada do Tour não era das melhores e foi o que se viu. Renovou o seu título de campeão de Itália na vertente em linha. Veremos se esta conquista não serve de tónico para entrar em grande nesta prova.

nairo-quintana
Nairo Quintana

Em 2013 fez pódio no Tour d’France. Em 2014 optou por participar no Giro d’Italia onde venceu a classificação geral. Nesta edição entra como um dos favoritos à geral.

WILD CARDS

rui-costa
Rui Costa

Actualmente um dos melhores ciclistas da actualidade. Ainda tem de provar que consegue estar com os melhores ao longo das três semanas de prova. Deu boas indicações no Critérium do Dauphiné onde se classificou no 3º lugar a que acrescentou uma vitória de etapa. Será este o ano de um top 10, no Tour d’France, para Rui Costa?

A ter em conta: Romain Bardet, Tejay Van Garderen, Michal Kwiatkowski, Daniel Martin, Robert Gesink, Wilco Kelderman, Steven Kruijswijk, Laurens Ten Dam, Bauke Mollema, Pierre Rolland, Rafal Majka, Simon Yates

Como opções mais arriscadas podem entrar nomes tais como: Warren Barguil, Julian Arredondo

SPRINTERS

mark-cavendish
Mark Cavendish

Dos sprinters em melhor forma à entrada do Tour d’France. 12 vitórias de etapa e a classificação geral da Volta ao Dubai.

john-degenkolb
John Degenkolb

Esta temporada já venceu a Milan San-Remo e o Paris-Roubaix duas das clássicas mais importantes do calendário velocipédico.

alexander-kristoff
Alexander Kristoff

Venceu o Tour de Flandres outra clássica importante do calendário.

peter-sagan
Peter Sagan

Venceu a camisola verde em 2013,2014. É um dos candidatos na edição deste ano.

andre-greipel
Andre Greipel

Um dos mais sólidos sprinters dos últimos anos. Nesta temporada já tem 7 vitórias em etapa, sendo uma delas no Giro d’Italia, classificação geral e geral da classificação dos pontos da Ster ZLM Toer GP Jan van Heeswijk, e ainda a classificação por pontos da Volta ao Luxemburgo. Terá em mente a conquista de etapas e a luta pela camisola verde.

EQUIPAS A SEGUIR

Astana – Depois da exibição colectiva e individual demonstrada no Giro d’Italia esta pode ser uma equipa a seguir no Tour. A comandar as suas tropas está Vincenzo Nibali, vencedor da edição de 2014, um corredor agressivo, que por diversas vezes já mostrou não ter medo de mexer na corrida de forma imprevisível.

Esta Astana é bem diferente daquele que apareceu no Giro d’Italia. De fora estão Fabio Aru e Mikel Landa. Resta saber se com isto a postura da equipa na prova irá mudar.

AG2R – Nos últimos tempos esta equipa tem tido uma influência discreta mas apresentando resultados bem interessantes. Conta nas suas fileiras com Bardet, um jovem em progressão, e a julgar pela etapa vencida no Critérium du Dauphiné, tem capacidades suficientes para fazer uma boa prestação no Tour. Em seguida temos Peraud, que vem de um pódio na edição anterior, um veterano, que nesta temporada conquistou a geral do Critérium Internacional, que pode aparecer nesta corrida como um verdadeiro wild card. A sua experiência pode ser um factor a ter em conta.

BMC – Não tem dos melhores suportes no que diz respeito a etapas de montanha. Mas esta situação já começa a ser típica desta equipa. Contudo tem Tejay Van Garderen num bom momento de forma. Mas a ideia de ficar isolado quando o terreno começar a inclinar é um cenário bem plausível o que pode em determinados momentos prejudicar o esquema estratégico desta equipa.

Etixx – Uma equipa dividida e não estamos a falar num sentido pejorativo. Mark Cavendish, fica responsável pelos sprints tendo na classificação por pontos um dos objectivos a alcançar, e em Kwiatkowski, o actual campeão do mundo uma hipótese para a classificação geral. Se esta estratégia pode-se relevar produtiva teremos que esperar para ver.

Movistar – Esta equipa têm-nos habituado a boas performances quer individuais quer colectivas. As expectativas e a pressão postas em Nairo Quintana são imensas. Se a equipa estará à altura do desafio? É esperado que sim. Alejandro Valverde poderá ser um Joker, num jogo bem complexo, e que pode gerar situações de enorme tensão. Apesar do resultado apresentado no Critérium du Dauphiné onde mostrou alguns percalços nada impede um bom rendimento no Tour. Inicialmente entra na prova com um holofote mais pequeno tendo em conta a presença de Nairo Quintana. Poderá ser este um cenário positivo?

Cannondale – Garmin – Possuem várias possibilidades para a geral. Entre eles temos Talansky, Hesjedal, Martin, ciclistas que podem a qualquer momento mexer nas etapas.

Lotto Jumbo – Também possui várias possibilidades para a geral entre os quais Gesink, Kelderman, Kruijswijk.

Sky – O líder é Christopher Froome. Se existem garantias no ciclismo podemos afirmar que esta equipa irá mostrar serviço. Porventura um dos melhores colectivos à partida desta prova. Tem um bom suporte em vários tipos de terreno.

Tinkoff – Possui Alberto Contador e Sagan. Um na luta pela geral outro na luta pela camisola verde. Será que isto dará resultado?

ETAPAS POTENCIALMENTE DECISIVAS

Etapa 4 – Quando o pavé entra no Tour d’France espectáculo e drama em doses elevadas são dois termos a levar em consideração. A edição de 2014 é uma grande prova desta realidade. Decorria a etapa 5, numa ligação entre Ypres – Arenberg Porte du Hainaut, Christopher Froome, um dos favoritos à classificação geral, abandonou a prova ainda antes de se entrar nos sectores de pavé, Alberto Contador perdia tempo na classificação geral, e Vincenzo Nibali brilhava nesta etapa quando de camisola amarela conseguia ganhar vantagem na classificação geral com a apresentação de um espectáculo com nota elevada.

Etapa 10 – Uma etapa sem muitas dificuldades montanhosas até chegar ao Col de Soudet. Existe uma chance de alguns ciclistas não se adaptaram a um possível ritmo elevado imposto nesta etapa.

Etapa 12 – Uma etapa longa e dura. A partir do Col de la Core até ao Plateau de Beille existem dificuldades suficientes que prometem deixar moça no pelotão. Um mau dia pode significar perdas significativas na classificação geral.

Etapa 17 – Esta etapa apareceu no Critérium du Dauphiné. A descida do Col d’Allos é técnica e perigosa. Esta situação, nesta fase da prova, pode gerar diferenças na luta pela classificação geral.

Etapa 19 – Etapa curta. Pode servir para várias movimentações de ordem táctica de várias equipas consoante os posicionamentos na classificação geral.

Etapa 20 – Etapa também curta. Se ainda existir alguma decisão em aberto esta etapa pode ser prometedora. Aqui podem existir estragos.

O PASSADO DO TOUR

Aproveitamos a ocasião para lembrar algumas etapas de edições anteriores em alguns dos locais que irão ser visitados, e que podem ser marcantes, na edição de 2015.

Tour 2011 Etapa 19
Tour 2011 Etapa 19

Alpe d’Huez – Recordamos a passagem por esta montanha no Tour d’France de 2011. Decorria a etapa 19, numa ligação entre Mondane- Alpe d’Huez, numa distância de 109 km. Pierre Roland foi o vencedor dessa etapa, numa tirada extremamente emocionante, num verdadeiro embate entre Andy Schleck e Alberto Contador, que ao longo do tempo nos foram proporcionando grandes espectáculos de ciclismo, pela classificação geral. Uma etapa que ficará na memória pelos ataques e acção constantes do princípio ao fim da etapa.

Tour 2011 Etapa 14
Tour 2011 Etapa 14

Plateau de Beille – No Tour de 2011 também tivemos chegada no Plateau de Beille. Venceu a tirada Alberto Contador.

Tour 2010 Etapa 17
Tour 2010 Etapa 17

Col du Tormalet – Esta montanha passou pela edição de 2010 do Tour. Venceu Andy Schleck. A classificação geral nesta altura prometia com 8 segundos a separarem o líder Alberto Contador e Andy Schleck.

START LIST

ASTANA PRO TEAM

astana

1 NIBALI Vincenzo Italy
2 BOOM Lars Netherlands
3 FUGLSANG Jakob Denmark
4 GRIVKO Andriy Ukraine
5 GRUZDEV Dmitriy Kazahkstan
6 KANGERT Tanel Estonia
7 SCARPONI Michele Italy
8 TAARAMAE Rein Estonia
9 WESTRA Lieuwe Netherlands

AG2R LA MONDIALE

ag2r

11 PERAUD Jean Christophe France
12 BARDET Romain France
13 BAKELANTS Jan Belgium
14 CHEREL Mickaël France
15 GASTAUER Ben Luxembourg
16 GAUDIN Damien France
17 RIBLON Christophe France
18 VAN SUMMEREN Johan Belgium
19 VUILLERMOZ Alexis France

FDJ

fdj

21 PINOT Thibaut France
22 BONNET William France
23 CHAVANEL Sébastien France
24 DEMARE Arnaud France
25 GENIEZ Alexandre France
26 LADAGNOUS Matthieu France
27 MORABITO Steve Switzerland
28 ROY Jérémy France
29 VAUGRENARD Benoît France

TEAM SKY

sky

31 FROOME Christopher United Kingdom
32 KENNAUGH Peter United Kingdom
33 KONIG Leopold Czech Republic
34 POELS Wouter Netherlands
35 PORTE Richie Australia
36 ROCHE Nicholas Ireland
37 ROWE Luke United Kingdom
38 STANNARD Ian United Kingdom
39 THOMAS Geraint United Kingdom

TINKOFF – SAXO

tinkoff

41 CONTADOR VELASCO Alberto Spain
42 BASSO Ivan Italy
43 BENNATI Daniele Italy
44 KREUZIGER Roman Czech Republic
45 MAJKA Rafal Poland
46 ROGERS Michael Australia
47 SAGAN Peter Slovakia
48 TOSATTO Matteo Italy
49 VALGREN ANDERSEN Michael Denmark

MOVISTAR TEAM

movistar

51 QUINTANA ROJAS Nairo Alexander Colombia
52 ANACONA Winner Anrew Colombia
53 CASTROVIEJO NICOLAS Jonathan Spain
54 DOWSETT Alex United Kingdom
55 ERVITI Imanol Spain
56 HERRADA LOPEZ José Spain
57 IZAGUIRRE INSAUSTI Gorka Spain
58 MALORI Adriano Italy
59 VALVERDE BELMONTE Alejandro Spain

BMC RACING TEAM

bmc

61 VAN GARDEREN Tejay United States
62 CARUSO Damiano Italy
63 DENNIS Rohan Australia
64 OSS Daniel Italy
65 QUINZIATO Manuel Italy
66 SANCHEZ GONZALEZ Samuel Spain
67 SCHÄR Michael Switzerland
68 VAN AVERMAET Greg Belgium
69 WYSS Danilo Switzerland

LOTTO – SOUDAL

lotto

71 GALLOPIN Tony France
72 BAK Lars Ytting Denmark
73 DE GENDT Thomas Belgium
74 DEBUSSCHERE Jens Belgium
75 GREIPEL André Germany
76 HANSEN Adam Australia
77 HENDERSON Gregory New Zealand
78 SIEBERG Marcel Germany
79 WELLENS Tim Belgium

TEAM GIANT-ALPECIN

giant

81 DEGENKOLB John Germany
82 BARGUIL Warren France
83 CURVERS Roy Netherlands
84 DE KORT Koen Netherlands
85 DUMOULIN Tom Netherlands
86 GESCHKE Simon Germany
87 PREIDLER Georg Austria
88 SINKELDAM Ramon Netherlands
89 TIMMER Albert Netherlands

TEAM KATUSHA

katusha

91 RODRIGUEZ OLIVER Joaquin Spain
92 CARUSO Giampaolo Italy
93 GUARNIERI Jacopo Italy
94 HALLER Marco Austria
95 KOZONTCHUK DmitrIy Russia
96 KRISTOFF Alexander Norway
97 LOSADA ALGUACIL Alberto Spain
98 MACHADO Tiago Portugal
99 PAOLINI Luca Italy

ORICA GREENEDGE

orica

101 GERRANS Simon Australia
102 ALBASINI Michael Switzerland
103 DURBRIDGE Luke Australia
104 IMPEY Daryl South Africa
105 MATTHEWS Michael Australia
106 TUFT Svein Canada
107 WEENING Pieter Netherlands
108 YATES Adam United Kingdom
109 YATES Simon United Kingdom

ETIXX – QUICK STEP

etixx

111 KWIATKOWSKI Michal Poland
112 CAVENDISH Mark United Kingdom
113 GOLAS Michal Poland
114 MARTIN Tony Germany
115 RENSHAW Mark Australia
116 STYBAR Zdenek Czech Republic
117 TRENTIN Matteo Italy
118 URAN Rigoberto Colombia
119 VERMOTE Julien Belgium

TEAM EUROPCAR

europcar

121 ROLLAND Pierre France
122 COQUARD Bryan France
123 GAUTIER Cyril France
124 GENE Yohann France
125 NAULLEAU Bryan France
126 QUEMENEUR Perrig France
127 SICARD Romain France
128 TULIK Angelo France
129 VOECKLER Thomas France

TEAM LOTTO NL – JUMBO

lotto-jumbo

131 GESINK Robert Netherlands
132 KELDERMAN Wilco Netherlands
133 KRUIJSWIJK Steven Netherlands
134 LEEZER Tom Netherlands
135 MARTENS Paul Germany
136 TANKINK Bram Netherlands
137 TEN DAM Laurens Netherlands
138 VAN EMDEN Jos Netherlands
139 VANMARCKE Sep Belgium

TREK FACTORY RACING

trek

141 MOLLEMA Bauke Netherlands
142 ARREDONDO MORENO Julian Colombia
143 CANCELLARA Fabian Switzerland
144 DEVOLDER Stijn Belgium
145 DIDIER Laurent Luxembourg
146 IRIZAR ARANBURU Markel Spain
147 JUNGELS Bob Luxembourg
148 RAST Grégory Switzerland
149 ZUBELDIA AGIRRE Haimar Spain

LAMPRE – MERIDA

lampre

151 FARIA DA COSTA Rui Alberto Portugal
152 BONO Matteo Italy
153 CIMOLAI Davide Italy
154 DURASEK Kristijan Croatia
155 SANTOS SIMOES OLIVEIRA Nelson Filipe Portugal
156 PLAZA MOLINA Ruben Spain
157 POZZATO Filippo Italy
158 SERPA PEREZ Jose Rodolfo Colombia
159 VALLS FERRI Rafael Spain

TEAM CANNONDALE – GARMIN

cannondale

161 TALANSKY Andrew United States
162 BAUER Jack New Zealand
163 HAAS Nathan Australia
164 HESJEDAL Ryder Canada
165 KOREN Kristjan Slovenia
166 LANGEVELD Sebastian Netherlands
167 MARTIN Daniel Ireland
168 NAVARDAUSKAS Ramunas Lithuania
169 VAN BAARLE Dylan Netherlands

COFIDIS, SOLUTIONS CRÉDITS

cofidis

171 BOUHANNI Nacer France
172 EDET Nicolas France
173 LAPORTE Christophe France
174 MATE MARDONES Luis Angel Spain
175 NAVARRO GARCIA Daniel Spain
176 SENECHAL Florian France
177 SIMON Julien France
178 SOUPE Geoffrey France
179 VAN BILSEN Kenneth Belgium

IAM CYCLING

iam

181 FRANK Mathias Switzerland
182 BRANDLE Matthias Austria
183 CHAVANEL Sylvain France
184 CLEMENT Stef Netherlands
185 COPPEL Jerome France
186 ELMIGER Martin Switzerland
187 HOLLENSTEIN Reto Switzerland
188 PANTANO GOMEZ Jarlinson Colombia
189 WYSS Marcel Switzerland

BORA-ARGON 18

bora-argon

191 NERZ Dominik Germany
192 BARTA Jan Czech Republic
193 BENNETT Sam Ireland
194 BUCHMANN Emanuel Germany
195 DEMPSTER Zakkari Australia
196 HUZARSKI Bartosz Poland
197 PIMENTA COSTA MENDES José Joao Portugal
198 SCHILLINGER Andreas Germany
199 VOSS Paul Germany

BRETAGNE-SECHE ENVIRONNEMENT

bretagne-seche

201 SEPULVEDA Eduardo Argentina
202 BRUN Frédéric France
203 DELAPLACE Anthony France
204 FEDRIGO Pierrick France
205 FEILLU Brice France
206 FONSECA Armindo France
207 GERARD Arnaud France
208 PERICHON Pierre-Luc France
209 VACHON Florian France

MTN – QHUBEKA

mtn

211 BOASSON HAGEN Edvald Norway
212 CUMMINGS Stephen United Kingdom
213 FARRAR Tyler United States
214 JANSE VAN RENSBURG Jacques South Africa
215 JANSE VAN RENSBURG Reinardt South Africa
216 KUDUS GHEBREMEDHIN Merhawi Eritrea
217 MEINTJES Louis South Africa
218 PAUWELS Serge Belgium
219 TEKLEHAYMANOT Daniel Eritrea

 

ETAPAS

 

 



Também do teu Interesse:


About The Author


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *