Francisco Rabal e Silvia Pinal em "Viridiana" © Janus Films

Viridiana | Filme proibido exibido na Madeira

“Viridiana”, filme realizado por Luis Buñuel e proibido em Portugal e Espanha será exibido no Auditório John dos Passos na Madeira.

O Centro Cultural John dos Passos situado no concelho do Ponta do Sol continua a promover o acesso do público madeirense à arte cinematográfica, alternativa e independente, através da iniciativa “Encontro com o Cinema”. Neste mês de fevereiro a grande aposta recai sobre “Viridiana”, um filme espanhol de Luis Buñuel, que não só foi proibido nas salas de cinema pela ditadura Franquista, como viria a ser proibido em Portugal.

“Viridiana” foi condenado por Francisco Franco por ser um filme anticlerical. Além disso, a própria Igreja Católica liderada na época pelo Papa João XXIII acabou por ver com bons olhos o projeto. Mesmo assim, o sucesso deste filme foi imenso, resultando na vitória da Palma de Ouro em 1961, ex-aequo com “Une Aussi Longue Absence”, de Henri Colpi. “Viridiana”, só foi exibido em Espanha após a queda da ditadura Franquista, em 1977.

Lê Também:
Grandes Filmes na TV | Semana de 2 a 8 de março

Viridiana é um dos filmes do ciclo “Encontro com o Cinema”

Viridiana
Francisco Rey e Silvia Pinal © Unión Industrial Cinematográfica (UNINCI)

“Viridiana” conta com Silvia Final, Fernando Rey e Francisco Cabal nos principais papéis e conta a história de uma mulher que se vê confrontada com a obsessão do seu tio. A sinopse desta obra de Luís Buñuel:

Às vésperas de ser ordenada freira, Viridiana passa uns dias na mansão do seu pervertido tio, que, obcecado com sua beleza, tenta seduzi-la de todas as maneiras. Com a morte repentina do tio, desiste da vida religiosa, indo morar na mansão. Movida pelo espírito de caridade cristã, ela abriga e alimenta todos os mendigos da região. Porém, os miseráveis não se comportam do jeito que ela esperava.

“Viridiana” será apresentado pelo realizador Pau Pascual, que é também Professor de Arte e meios Audiovisuais da Universidade da Madeira. A projeção decorre na próxima sexta-feira 21 de fevereiro às 21h30.

A exibição de “Viridiana” no Centro Cultural John dos Passos acontece e prova que há espaço para projetos culturais além daqueles provenientes do cinema comercial, que costuma ser exibido nas salas do Funchal. Além disso, permite divulgar a ideia de que o cinema é para todos, uma vez que filmes como “Viridiana”, ou outros ditos de cinema autor, chegam poucas vezes à Região Autónoma da Madeira.

Os bilhetes para “Viridiana”, ou para qualquer outro filme do ciclo “Encontro com o Cinema”, têm um custo de 2,5€, embora os estudantes e reformados tenham desconto e os seus bilhetes tenham custo de 1€.

A iniciativa “Encontro com o Cinema” é uma parceira entre a Câmara Municipal da Ponta do Sol, a Associação Travessias Culturais, a Direcção Regional de Cultura e a Estalagem da Ponta do Sol. Pedro Clode tem sido o curador deste ciclo que consegue os seus filmes graças ao apoio da Leopardo Filmes, da Alambique Filmes e da Midas Filmes.

Na sessão de Viridiana serão também distribuídos folhetos onde constam informações e curiosidades sobre o filme.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *