Writers Guild Awards 2017 | Lista Completa de Vencedores

Foram revelados os vencedores dos prémios do Sindicato de Argumentistas norte-americanos (Writers Guild Awards), mas nem tudo está decidido para os Óscares da Academia.

Estamos cada vez mais perto de celebrar a 89ª edição dos Óscares da Academia – que decorre já no próximo domingo – e por isso foi tempo de conhecer, na noite deste passado domingo, os vencedores da 69ª edição dos Writers Guild of America Awards.

Com uma cerimónia apresentada por Patton Oswalt e que decorreu The Beverly Hilton Hotel em Beverly Hills, o sindicato de argumentistas norte-americanos celebraram mais de 30 projetos do mundo do entretenimento televisivo e cinematográfico.

La La Land: Melodia de Amor era considerado favorito à vitória, mesmo assim, o prémio de Melhor Argumento original foi entregue a Barry Jenkins por Moonlight. No entanto, para os Óscares Jenkins concorre para Melhor Argumento Adaptado, o que pode favorecer o musical de Damien Chazelle. No entanto, a concorrência será de peso com Kenneth Lonergan por Manchester By the Sea, que já obteve vários prémios norte-americanos e ainda o BAFTA respetivamente.

Moonlight foi eleito o Melhor Argumento Original

Writers Guild Awards
O realizador e argumentista Barry Jenkins recebe o troféu por Moonlight

O Primeiro Encontro conseguiu o prémio do sindicato para Melhor Argumento Adaptado. Não obstante, a vitória não é garantida nos Óscares porque concorre com Barry Jenkins. Os outros filmes na corrida ao Óscar só mesmo Elementos Secretos parece ser um forte concorrente, pelas audiências que o filme tem obtido pelo mundo fora, inclusive nos Estados Unidos, onde é já o mais visto entre todos aqueles nomeados a Melhor Filme.

Na televisão, Game of Thrones e Atlanta foram algumas das séries premiadas. A lista completa de vencedores pode ser consultada abaixo.

Note que nos últimos 22 anos, a maioria dos vencedores dos Writers Guild Awards também acabaria por vencer o Óscar respectivo, mas este ano as coisas parecem estar um pouco ou tanto confusas. No ano passado, foi exatamente o que aconteceu com O Caso Spotlight que triunfou como Melhor Argumento Original nas estatuetas douradas e nos prémios do sindicato. O mesmo aconteceu na categoria de Melhor Argumento Adaptado entregue a A Queda de Wall Street.

Curioso será o facto se La La Land: Melodia de Amor for eleito o melhor filme e não receber o troféu de argumento, seguindo os mesmos passos de O Artista que em 2012 perdeu para Woody Allen e o seu Meia-Noite em Paris. Daí em diante, todos os filmes vencedores do principal Óscar, Argo, 12 Anos Escravo, Birdman e O Caso Spotlight também conseguiram o prémio de argumento.

Na véspera dos Óscares (sábado, 25 de fevereiro) haverá oportunidade de conhecer os melhores do Independent Spirit Awards, que premeiam o cinema independente e que Moonlight tem fortes chances para triunfar.

Vê ainda: Grandes Filmes na TV | Semana de 20 a 26 de fevereiro


WRITERS GUILD AWARDS | LISTA COMPLETA DE VENCEDORES


CINEMA

Melhor Argumento Original

  • Barry Jenkins por Moonlight

Melhor Argumento Adaptado

  • Eric Heisserer por O Primeiro Encontro
Writers Guild Awards
O argumentista Eric Heisserer de O Primeiro Encontro

Vê também: Óscares 2017 | 10 nomeados que (possivelmente) não conheces

TELEVISÃO

Melhor Sketch de Comédia

  • Saturday Night Live

Melhor Sketch de Talk-Show

Last Week Tonight With John Oliver

Melhor Argumento em Série Drama

  • The Americans

Melhor Argumento de Documentário:

  • Command and Control

Melhor Episódio em Programa Infantil

  • Gortimer Gibbon’s Life on Normal Street, “Mel vs. The Night Mare of Normal Street”

Melhor Programa Infantil

  • Once Upon a Sesame Street Christmas

Drama Daytime

  • General Hospital

On-Air Publicidade (Televisão, Novos Media ou Rádio)

  • “CBS On-Air Reel”

Melhor Argumento em Notícias TV – Análise ou Comentários

  • “CBS Sunday Morning Almanac”

Melhor Argumento em Notícias TV – Reportagens ou Programas Regulares

  •  “Muhammad Ali: Remembering a Legend”

Melhor Arte Gráfica ou Animação

  • “The Real History of Cinco de Mayo”

Melhor Especial Comédia

  • Triumph’s Election Special

Melhor Argumento Videojogo

  • Uncharted 4: A Thief’s End

Melhor Curta Novos Media

  • The Commute, “The Party”

Melhor Quiz

  • Hollywood Game Night

Melhor Documentário Rádio

  • “Chernobyl: 30 Years Later”

Melhor Argumento em Notícias de Rádio Reportagens ou Regulares

  • “World News This Week”

Melhor Argumento em Notícias de Rádio Análises ou Comentários

  • “Morley Safer: A Journalist’s Life”

Melhor Animação

  • BoJack Horseman, “Stop the Presses”

Melhor Argumento Adaptado em Formato Minissérie

  • Fear the Walking Dead

Melhor Argumento Adaptado em Série

  • The People v. O.J. Simpson: American Crime Story

Melhor Argumento Original em Série

  • Confirmation

Melhor Argumento Nova Série

  • Atlanta

Melhor Argumento em Comédia

  • Atlanta

WGA’s Valentine Davies Award

  • Richard Curtis

2017 Jean Renoir Award for International Screenwriting Achievement

  • Abbas Kiarostami

2017 Morgan Cox Award

  • Dan Wilcox

Paul Selvin Award

  • Susannah Grant

Laurel Award

  • Oliver Stone

Prémio Carreira para Argumento em Animação

  • Mike Judge

Paddy Chayefsky Laurel Award

  • Aaron Sorkin

Consulta também: Guia das Estreias de Cinema | Fevereiro 2017

Virgílio Jesus

Era uma vez em...Portugal um amante de filmes de Hollywood (e sobre Hollywood). Jornalista e editor de conteúdos digitais em diferentes meios nacionais e internacionais, é um dos especialistas na temporada de prémios da MHD, adepto de todas as formas e loucuras fílmicas, e que está sempre pronto para dois (ou muitos mais!) dedos de conversa com várias personalidades do mundo do entretenimento.

Virgílio Jesus has 1234 posts and counting. See all posts by Virgílio Jesus

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *