BTS e Halsey

BTS | Tudo o que precisas de saber

[tps_header]

És fã de k-pop? Em particular os BTS? Descobre tudo o que precisas de saber sobre o grupo k-pop.

[/tps_header]

Os BTS, também são conhecidos por Bangtan Boys, são um grupo sul-coreano com 7 membros que foi formado pela Big Hit Entertainment em 2013.

A História

bts billboard
BTS nos Billboard Music Awards 2018

O nome significa literalmente “Bulletproof Boy Scouts”, ou numa tradução livre “escuteiros à prova de bala”, e de acordo com J-Hope o nome significa que o grupo deseja bloquear os estereótipos, críticas e expectativas que estão apontadas aos adolescentes. No entanto, em 2017, o nome mudou de significado para Beyond The Scene, como parte da sua nova identidade global.

A formação do grupo começou em 2010, quando o CEO Bang Si-Hyuk conheceu RM e gostou muito da sua habilidade como rapper. Originalmente, o grupo era para ser um grupo de hip-hop, mas com o tempo isso foi mudando para um formato mais tradicional de grupos k-pop. O lineup final foi completado em 2012 com Jin, Suga, RM, J-Hope, Jimin, V e Jungkook. Seis meses antes de se estrearem, o grupo marcou a sua presença nas redes sociais e fez covers no Youtube e SoundCloud.

Lê Também:   Os BTS juntam-se a Halsey em Boy with Luv

A 12 de Junho de 2013, o grupo lançou o seu single com “2 Cool 4 Skool” com “No More Dream”, este é o primeiro álbum da “school trilogy” que lançaram. Este álbum tem um som e look hip-hop dos anos 80 e 90. Desde o inicio que os BTS queriam contar a sua própria história para que os jovens pudessem relacionarem-se com a sua música. O próximo single foi “We Are Bulletproof Part.2”.

Em Setembro de 2013, o grupo lançou o segundo álbum da trilogia, “O!RUL8,2?”, com o single “N.O.”, o som não mudou muito do primeiro álbum.

No final desse ano, o grupo recebeu vários prémios de “Rookie of the Year”.

Em 2014, os BTS lançaram o EP “Skool Luv Affair”, o último da trilogia, com os singles “Boy in Luv” e “Just One Day”. Neste EP já existiram algumas mudanças de som, embora ainda mantivessem as suas influências de hip-hop. Foi neste ano que o grupo começou a ganhar alguma fanbase internacional com os seus primeiros concertos fora da Coreia do Sul e a sua participação na KCON em Los Angeles desse ano.

A Agosto desse ano, lançaram o seu primeiro álbum completo, “Dark & Wild”, e promoveram os singles “Danger” e “War of Hormone”. Neste ano, o grupo também começou promoções no Japão e fizeram a sua primeira tour, “2014 BTS Live Trilogy – Episode II: The Red Bullet”, que passou por Seul, Kobe, Tokyo, Manila, Singapore e Bangkok.

Depois do sucesso moderado da “school trilogy”, o grupo tomou-se um grande risco e decidiu mudar o seu som e imagem, onde o hip-hop ainda está presente, mas começaram a prestar mais atenção aos vocalistas. Foi aí que nasceu a trilogia “The Most Beautiful Moment In Life”. Eles promoveram “I Need U” e “Dope”.

Lê Também:   A Funko vai trazer-nos Pops dos BTS

O grupo também lançou a sua primeira tour mundial com “2015 Live Trilogy Episode: The Red Bullet” por várias cidades na Ásia, Oceânia, América do Norte e América Latina.

Em Novembro de 2015, a banda lançou “The Most Beautiful Moment in Life, Part 2” e promoveram “Run” como o single do álbum. Foi com esta trilogia, que terminou com “The Most Beautiful Moment in Life: Young Forever”, em que o grupo conseguiu ganhar reconhecimento não só do público, mas também dos críticos. Neste último álbum o grupo promoveu “Epilogue: Young Forever”, “Fire” e “Save Me”. Ele foi o grande responsável pela chave do sucesso do grupo, por conseguir atingir popularidade e manter a assinatura do grupo.

Em Outubro de 2016, o grupo lançou o segundo álbum completo, “Wings”, que foi muito bem recebido por críticos estrangeiros como a Fuse e Rolling Stone. Os BTS promoveram “Blood Sweat & Tears” durante esta altura, foi no final do ano que o grupo ganhou o prémio de Artista do Ano nos MAMA, sendo o primeiro grupo a fazê-lo que não é dos Big 3 (YG, SM E JYP).

O sucesso dos BTS continuou em 2017, com o lançamento de “You Never Walk Alone” e a tour mundial “2017 BTS Live Trilogy Episode III: The Wings Tour”, durante Fevereiro a Dezembro, e que passou por 12 países. O grupo passou a tocar em arenas e os seus concertos esgotaram rapidamente. Após terminarem a tour na América do Norte, o grupo foi convidado para os Billboard Music Awards em Maio e conseguiram ganhar o prémio de Top Social Artist, sendo o primeiro grupo k-pop a consegui-lo e bateram Justin Bieber.

Quando regressaram à Coreia do Sul, o grupo participou num projeto especial do 25º aniversário de Seo Taiji, “TIME: TRAVELER” onde fizeram um remake de “Come Back Home” e participaram no concerto que o artista deu.

Após o sucesso do álbum “Wings” e “You Never Walk Alone”, o grupo começou a sua série “Love Yourself”. O primeiro EP saiu em Setembro de 2017, “Love Yourself: Her”, que tem uma música com Andrew Taggart dos Chainsmokers, “Best of Me”, e outra que é o remix de Steve Aoki da música “Mic Drop” que também tem a participação do rapper Desiigner. Este álbum descreve a alegria de se apaixonar.

Em Novembro desse ano, a banda tornou-se o primeiro grupo k-pop a atuar no American Music Awards. No final do ano, ganharam o segundo Artista do Ano nos MAMA e venceram o primeiro Daesang, no Golden Disc Awards, sendo outra vez o primeiro grupo fora dos “Big 3” a fazê-lo.

Antes de lançarem o segundo álbum da nova série, o grupo lançou um documentário de oito episódios, em exclusivo para o Youtube Premium, “Burn the Stage” que mostrou as cenas de bastidores durante a tour do grupo de 2017.

A Maio de 2018, o grupo lançou o seu terceiro álbum completo, “Love Yourself: Tear”, que teve como single “Fake Love”. Este álbum marca a mudança na narrativa da série, focando-se no doloroso esclarecimento de amar sem ser amado e o encorajamento daqueles que não têm sonhos. O álbum foi muito bem recebido, sendo um dos álbum com mais sucesso comercial do grupo, pelo público e críticos.

Em Agosto, o grupo lançou o último álbum desta série, “Love Yourself: Answer”, sendo o single “Idol”, que até tem uma versão com Nicki Minaj. Este álbum representa o fim desta série demonstrando todos os sentimentos que adolescentes têm até conseguirem atingir o amor próprio. Em conjunto com o álbum, o grupo lançou uma tour mundial, “BTS World Tour: Love Yourself”.

Também foi nessa altura que o documentário do grupo chegou aos cinemas, batendo o recorde anterior que pertencia ao grupo One Direction.

Já em 2019, os BTS foram aos Grammy como apresentadores de uma das categorias, apresentaram a sua tour em estádios, “Love Yourself: Speak Yourself”, e lançaram o novo EP “Map of the Soul: Persona”, que marca o início de um novo ciclo, e tem como single “Boy with Luv” que tem a participação da cantora americana Halsey. O grupo fez uma atuação no “Saturday Night Live”, sendo o primeiro grupo de k-pop a fazê-lo. “Map of the Soul: Persona” tornou-se no álbum mais vendido na Coreia do Sul, em termos de cópias físicas.

O grupo embarcou numa digressão mundial ao qual teve que adicionar mais datas por causa do esgotamento de bilhetes. Ainda durante 2019, com o lançamento do jogo para telemóvel BTS World, foram lançadas várias músicas como banda sonora do jogo que conta com colaborações com Charli XCX, Zara Larsson e Juice Wrld.

Em Julho, o grupo lançou o single japonês “Lights” que antigiu os tops músicas no Japão. No final do ano, o grupo lançou a versão remix de “Make It Right” com a colaboração de Lauv. O grupo recebeu os grandes prémios de final do ano.

No início de 2020, o grupo lançou “Black Swan” como o primeiro single do álbum “Map of the Soul: 7”. Nos Grammys desse ano, o grupo fez uma atuação que os tornou no primeiro grupo sul koreano a fazê-lo. Para além de “Black Swan” também foi lançado “On” como um segundo single do álbum. Havia uma digressão planeada para promover o álbum mas acabou por não acontecer por causa da pandemia de COVID-19.

 


Influênciadores

Com todo este sucesso, o grupo passou a ter um impacto muito grande na sociedade coreana e também tornaram-se grandes influenciadores.

O grupo foi considerado “Next Generation Leaders” pela Time Magazine, e dentro do pais o grupo ganhou a Ordem de Mérito Cultural dado pelo o próprio Presidente da Coreia do Sul.

Existem inúmeros ídolos e grupos k-pop que já demonstraram que o trabalho dos BTS os influenciou, incluindo (G) I-DLE, Hyunho de D-Crunch, Younghoon dos The Boyz, Zuho dos SF9, Euna Kim, Jaehyun dos Golden Child, Wanna One, IN2IT, Park Ji-Hoon, Kim Dong-Han, Seven O’Clock, Hyeongseop x Euiwoong, Noir, Sejun dos Victon e as Loona.

Para além disso, o grupo participa em várias ações de caridade, tanto o grupo como a sua companhia doaram a um fundo de apoio às famílias do acidente com o ferry Sewol.

bts nações unidas
BTS na Nações Unidas

Em 2017, o grupo lançou uma campanha “Love Myself”, que é uma iniciativa dedicada em financiar vários programas sociais para prevenir violência contra crianças e adolescentes e apoiar vítimas de violência. Esta campanha foi uma parceria com a UNICEF.

A campanha tem tido tanto sucesso, que em Setembro do ano passado, o grupo foi convidado a ir às Nações Unidas onde RM deu um discurso sobre aceitação própria e sobre a própria campanha.

Para além desta situação, cada um dos membros já fizeram doações para associações que os próprios escolheram, muitas sendo para as zonas de onde cada membro é.


Membros

RM (Kim Nam Joon)

rm bts
RM

RM, ou Rap Monster, é o líder e o principal rapper do grupo. Ele nasceu a 12 de Setembro de 1994 em Ilsan, Gyeonggi-d. O rapper tem um bacharelato em Engenharia Eletrónica.

O rapper estudou e viveu na Nova Zelândia durante 6 meses, sendo o membro que sabe falar melhor inglês, tendo aprendido a língua por si próprio a ver a série de televisão “Friends“.

RM tem estado no grupo desde de 2010, e por causa das constantes mudanças de membros, é o único membro original do grupo. Os artistas que ele respeita são Kanye West e ASAP Rocky. O cantor é um grande defensor dos direitos da comunidade LGBT.

RM é um dos produtores e compositores de músicas do grupo e foi o primeiro a lançar uma mixtape a solo em 2015. Em 2018, lançou a sua segunda mixtape “Mone”, com ela foram lançados 3 videoclips: “Moonchild”, “Forever Rain” e “Seoul”.


Jin (Kim Seok Jin)

jin bts
Jin

Jin é um vocalista e o visual do grupo. Nascido a 4 de Dezembro de 1992 em Gwacheon, Gyeonggi-do, ele é o membro mais velho do grupo.

O cantor foi um estudante de intercâmbio na Austrália durante o secundário. Jin é muito confiante no seu visual, sobretudo nos seus largos ombros e lábios. No entanto, não é só Jin que o pensa isso. Em 2015, ele ficou conhecido como ‘Car Door Guy’ e depois da primeira participação do grupo nos Billboard Music Awards, Jin ficou conhecido como ‘Third Guy from the Left’.

Jin é conhecido por ser um bom cozinheiro e adora comer (EAT JIN). Ele também é conhecido pelas sua piadas secas, o piscar de olho e mandar beijinhos. Jin tinha dois sugar gliders: Odeng e Eomuk, no entanto Eomuk faleceu e comprou outro que se chama Gukmul.

Ele é amigo de vários outros ídolos como: Sandeul e Baro, dos B1A4; Ken, dos VIXX; Jooheon, dos Monsta X; Lee Won Keun, Youngjae, dos B.A.P.; Eunkwang, dos BTOB; Hani, das EXID; e Moonbyul, das Mamamoo.

Em Abril de 2018, ele abriu um restaurante japonês com o seu irmão, “Ossu Seiromushi”, que é muito popular.


Suga (Min Yoon Gi)

suga bts
Suga

Suga é outro rapper do grupo. Nascido a 9 de Março de 1993 em Buk-gu, Daegu. Ele ganhou o seu nome artístico do CEO da empresa por ser pálido e o seu sorriso doce, como açúcar.

Ele é conhecido por produzir e compor música o tempo todo e por gostar de dormir. Os artistas que ele respeita são Kanye West, Lupe Fiasco, Lil Wayne e Hit Boy.

Suga é famoso pelo o seu rap muito rápido, tendo sido um underground rapper tal como RM, e por adorar basquetebol. Para o seu trabalho a solo, ele usa o nome Agust D e lançou a sua mixtape, que recebeu muita atenção por falar de assuntos que podem ser ainda tabus.

Ele e Kihyun, dos Monsta X, são bons amigos.


J-Hope (Jung Ho Seok)

j-hope bts
J-Hope

J-Hope é um rapper, um sub-vocalista e o principal dançarino do grupo. Ele nasceu a 18 de Fevereiro de 1994, em Gwangju. O seu nome artístico foi escolhido porque ele queria ser a fonte de luz e de esperança para os seus fãs.

Originalmente, ele não era para fazer parte da rapline pois ele era um conhecido dançarino. Ele e Zelo dos B.A.P. andaram na mesma academia de dança e rap em Gwangju. Ele inicialmente fez uma audição para a JYP Entertainment com Youngjae, dos B.A.P., e Dino, dos Halo. Hope também entrou na academia de dança de Seungri, ex-membro dos Big Bang, que já fechou.

Os artistas que ele respeita são ASAP Rocky, J. Cole, Beenzino e G-Dragon dos Big Bang. Em Março de 2018, ele lançou a sua primeira mixtape “Hope World”, com o single “Daydream”. Sendo o último rapper do grupo a fazê-lo.


Jimin (Park Jimin)

jimin bts
Jimin

Jimin é vocalista e dançarino do grupo. Ele nasceu a 13 de Outubro de 1995, em Busan, e foi o último membro a juntar-se ao grupo.

Os artistas que ele respeita são Taeyang, dos Big Bang, Rain e Chris Brown. Jimin tem experiência em dança contemporânea, que já o demonstrou várias vezes como na música deles, “Spring Day”.

Ele é um prefecionista, querendo que tudo o que ele faça seja prefeito, e até pensou que era gordo e costumava fazer dietas extremas. Jimin é bastante próximo de Taemin, dos SHINee; Kai, dos EXO; Ravi, dos VIXX; Sungwon, dos Wanna One; e Timoteo, dos Hotshot.

Jimin e J-Hope partilham o mesmo quarto.


V (Kim Taehyung)

v bts
V

V é o visual, vocalista e dançarino do grupo. Ele nasceu a 30 de Dezembro de 1995, em Daegu, fazia parte do grupo há algum tempo, mas muitos fãs não o conheciam.

Este elemento é conhecido pela a sua voz mais profunda e pela sua aparência. V tem gostos únicos e gosta de colecionar, em particular câmaras fotográficas (pois ele gosta de tirar fotografias) e roupas da Gucci.

Ele cresceu numa quinta com os seus avós. Os fãs já o compararam com Daehyun, dos B.A.P., e Baekhyun, dos EXO, por serem tão parecidos. Alguns dos seus melhores amigos são o ator Park Bogum, Sungjae dos BTOB, Mark dos GOT7, Minho dos SHINee, o ator Kim Minjae, Baekhyun dos EXO, entre muitos outros.

V é o único membro dos BTS que se aventurou na representação, tendo entrado no drama histórico “Hwarang”.


Jungkook (Jeon Jungkook)

jungkook bts
Jungkook

Jungkook é o principal vocalista, dançarino, rapper, centro e maknae (que significa que é o membro mais novo). Ele nasceu a 1 de Setembro de 1997 em Busan.

O vocalista participou num survival show, mas não passou da fase dos castings, no entanto recebeu vários contactos de diversas empresas e acabou por escolher a Big Hit Entertainment depois de ter visto um vídeo de RM. Jungkook é conhecido como ‘Golden Maknae’ pois consegue fazer tudo e é o elemento mais físico do grupo.

Ele adora videojogos, principalmente Overwatch, desenhar, tirar fotografias, produzir vídeos, que são conhecidos como Golden Closet Films, e fazer covers de músicas. A sua grande inspiração é G-Dragon dos Big Bang.

Jungkook é próximo de outros ídolos da mesma idade do que ele, como Bambam e Yugyeom dos GOT7, The8, Mingyu e DK dos Seventeen, Jaehyun dos NCT e Cha Eunwoo dos Astro.

Já conhecias tudo isto sobre o grupo e os seus membros?

[tps_footer]

Lê Também:   K-Pop | As referências da Cultura Pop

[/tps_footer]

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *