Chiwetel Ejiofor

Chiwetel Ejiofor apresenta-se como realizador

Depois de “12 Anos de Escravo”, Chiwetel Ejiofor volta à ribalta com novo projecto no Sundance Film Festival. Fica a saber mais sobre o novo filme.

Chiwetel Ejiofor, o actor britânico de 41 anos, tem uma carreira relativamente curta mas já deixou a sua marca no cinema, nomeadamente com a sua performance magnífica em “12 Anos de Escravo” (2013), pela qual chegou a ter uma nomeação aos Óscares. Desde então tem participado em vários projectos, alguns dos quais na lista dos mais esperados, como por exemplo o live-action de “O Rei Leão“, onde Chiwetel dará voz a Scar, o tio de Simba.

Agora, cerca de 6 anos depois de ter estado na ribalta durante a awards season, Ejiofor dá a conhecer ao mundo o seu primeiro trabalho como realizador e co-argumentista. “The Boy Who Harnessed the Wind”, é baseado no livro homónimo de  William Kamkwamba e Bryan Mealer. O livro conta a história de um adolescente africano (o próprio William Kamkwamba) que decidiu inovar e construir um moinho com o propósito de providenciar electricidade para toda a sua comunidade. Com tenacidade e imaginação, Kamkwamba conseguiu ajudar a sua vila a melhorar um quotidiano onde o comum era a pobreza, a fome e a luta contra a SIDA.

Lê Também:
Guia de Estreias de Cinema em 2019

Maxwell Simba foi o escolhido para dar vida ao jovem empreendedor, William Kamkwamba, e é o seu primeiro trabalho como actor. Chiwetel interpreta Trywell, o seu pai. Aos dois actores juntam-se nomes como Aïssa Maïga (Agnes Kambkwamba, a mãe do jovem), Joseph Marcell (“The Fresh Prince of Bel-Air”) e Noma Dumezweni (“Doctor Who” e “O Regresso de Mary Poppins“).

O filme foi seleccionado para ser apresentado no Sundance Film Festival, actualmente a decorrer, e irá chegar à Netflix em março de 2019.

TRAILER | THE BOY WHO HARNESSED THE WIND

Já sabias que o actor tinha enredado por uma carreira na realização?

Marta Kong Nunes

Fanática de cinema e séries por pura paixão, sou da geração Disney mas também das Tartarugas Ninjas, Motoratos e afins. Já passei pela obsessão de vários géneros de cinema e apesar de me considerar eclética, nada me tira o gozo de um bom filme de acção (por muito irrealista que seja). Séries também se devoram por cá, mas a magia de um filme, será sempre a magia de um filme!

Marta Kong Nunes has 2922 posts and counting. See all posts by Marta Kong Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.